Faça as suas finanças pessoais renderem com as liquidações

Início de ano é temporada de liquidações. Confira 10 dicas para não cair em ciladas, aproveitar ao máximo os descontos e promoções, e beneficiar as suas finanças pessoais.

Faça as suas finanças pessoais renderem com as liquidações
Como beneficiar as finanças pessoas com as liquidações
  • Aproveitar as liquidações de janeiro podem ser uma boa maneira de recuperar as finanças pessoais dos gastos do final do ano.

Depois da euforia consumista do Natal, vem uma nova onda de compras, também um tanto eufórica. É a temporada de liquidações que começa agora em janeiro. 

 

Mas afinal, vale a pena para as finanças pessoais aproveitar este período de promoções? A resposta é sim, mas com cautela e atenção. Tem muita gente, inclusive que deixa para fazer as compras pessoais em janeiro, ou faz uma reserva porque sabe que é possível fazer uma economia considerável. Mas é preciso ficar de olhos abertos para não entrar em ciladas e saber aproveitar as liquidações de verdade.

 

Economize com a banda larga, faça uma simulação e encontre uma solução mais barata.

 

Infelizmente, muitos lojistas se aproveitam da boa disposição para as compras, que os consumidores têm para esta época do ano, e acaba fazendo propaganda enganosa, com anúncios que prometem até 70% de desconto, e na verdade há um ou outro produto um pouco mais barato. Confira algumas dicas para aproveitar melhor as liquidações de início de ano.

 

FINANÇAS PESSOAIS: 10 DICAS PARA APROVEITAR AS LIQUIDAÇÕES

1. Não é porque é tempo de descontos que você vai sair comprando aquilo que lhe parecer barato. Aproveite este período para beneficiar as suas finanças pessoais. Vá às compras com uma lista daquilo que precisa ou pretende comprar.

2. Vá às lojas antes do início das liquidações para ver o preço dos produtos. Só assim você poderá saber se o desconto é real ou não. Muitos lojistas anunciam descontos, mas nem sequer mudam o preço dos produtos.

3. Não compre por impulso e nem tenha pressa! Seja racional e pense muito antes de comprar! Por mais que o produto lhe pareça bom e barato, pense se você realmente precisa ou se vai usar. Quem nunca comprou nas liquidações roupas que nunca usou?

4. Pesquise! Bata perna, pesquise na internet. Não se esqueça que é temporada de descontos no e-commerce também!  Não compre na primeira loja que entrar.

 

Orçamento doméstico: 37% dos brasileiros gastam mais do que ganham.


5. Não compre para ter uma satisfação imediata ou para se sentir recompensado por qualquer frustração. Pense que são as suas finanças pessoais que estão em jogo.

6. Lembre-se que, geralmente, os produtos em liquidação não podem ser trocados! Por isso, mais um motivo para pensar bastante e fazer uma compra racional. Mais uma vez: não é porque está barato que você precisa comprar! 

7. Aproveite que os preços estão mais baixos e pague de produtos possíveis à vista. Caso contrário, veja quais são as condições de pagamento mais favorável, no cheque, cartão de crédito ou crediário da loja.

8. Parcele na menor quantidade de vezes possível e evite pagar juros.

9. Não comprometa as suas finanças pessoais com as liquidações de começo de ano. Lembre-se, que agora começam a chegar também os carnês de IPTU, IPVA, mensalidade da escola, etc.

10. Duvide das ofertas imperdíveis! Faça as contas, ponha tudo na ponta do lápis e veja se vale realmente a pena comprar. Avalie também se não está comprando um produto "barato", mas já defasado.

 

Leia também » Uso de cheque especial pode comprometer as finanças pessoais.

Gostou? Compartilhe!
Redação E-konomista Redação E-konomista

O E-konomista é um portal on-line que busca fornecer dicas sobre economia em diversos aspectos da vida. Caso queira contactar a nossa redação, envie um e-mail para o info@e-konomista.com.br.

Receba mais informações como esta!

Receba a nossa newsletter

Ao submeter os seus dados receberá a newsletter, ofertas e publicidade enviado por e-konomista.com.br e pelos nossos Parceiros e aceita os Termos e Condições e a Política de Privacidade. Os dados submetidos serão compartilhados com os nossos Parceiros.

Enviar