YouTube Red e outras formas de ver vídeos sem os anúncios publicitários

O excesso de publicidade na internet aborrece, principalmente no Youtube. Saiba tudo sobre a novidade YouTube Red e também os bloqueadores de anúncios.

YouTube Red e outras formas de ver vídeos sem os anúncios publicitários
Saiba como funciona o YouTube Red e os bloqueadores de anúncio na internet

COLOQUE O SEU INGLÊS À PROVAfaça um teste online

O YouTube é daqueles sites que todo mundo adora: é rede social, é player de música, dá pra ver filmes, séries, vídeos promocionais, vídeos engraçados e tudo mais que a nossa imaginação pode sugerir. É só digitar na tab de busca que aparece no YouTube. Mas aí vem a publicidade. Você está curtindo a playlist e, de uma música pra outra, tem aquela pausa de 30 segundos de publicidade que você tem que esperar alguns segundos pra pular. É chato não é? foi pensando nisso que YouTube anunciou no dia 20 de outubro a chegada da versão YouTube Red que, entre outras vantagens, dá aos clientes por assinatura a possibilidade de se ver livre das publicidades. Mas existe ainda uma outra forma de fugir delas  –  são os bloqueadores de anúncios. Saiba tudo no nosso artigo.  

O que é o YouTube Red

Uma nova experiência com o YouTube estará disponível nos Estados Unidos a partir do dia 28 de outubro. A versão do serviço sem qualquer tipo de anúncio e disponível para assistir offline, em celulares e tablets vai funcionar por assinatura com um preço de será de US$ 9,99 (o equivalente a R$ 39,00 no câmbio atual).

Youtube RedQuais são as vantagens?

  • Conteúdo sem anúncio publicitário
 
  • Utilização da plataforma offline (ou seja, um vídeo que você já tenha carregado fica disponível para ver mesmo quando você não tem acesso à internet)
 
  • Conteúdos exclusivos de canais famosos do YouTube
 
  • YouTube Music – plataforma que irá substituir o Youtube Key, o streaming de música por assinatura que oferece playlists e outras vantagens para os assinantes. A assinatura do YouTube Key, (ou  agora o YouTube Music) libera automaticamente o Youtube Red, e vice-versa
 
  • YouTube Gaming – uma plataforma de jogos que oferece informações, novidades em primeira mão, gameplays em livestream, trailers e muito mais. O mesmo vale para o Gaming, assinando-o ganha automaticamente o acesso às demais vantagens
 

Mas...

Ainda não há previsão de chegada do serviço YouTube Red no Brasil. A “experiência definitiva do YouTube”, como a própria empresa definiu, estará disponível em 28 de outubro somente nos Estados Unidos. Mas afirmaram que estão trabalhando para criar suporte para o serviço em outros países em breve. Só nos resta esperar!

Bloqueadores de anúncios

INTERNET BANDA LARGA MAIS BARATA
Tenha internet banda larga rápida e de qualidade sem precisar pagar uma fortuna. Cadastre-se e encontre a melhor solução para você.

O fato do YouTube Red não ter previsão de chegada no Brasil não significa que você vai ter que ficar passando raiva com os anúncios. Para isso, temos uma outra saída: os bloqueadores de anúncio. Segundo uma pesquisa realizada pelo PageFair em parceria com o Adobe, hoje em dia cerca de 198 milhões de pessoas utilizam bloqueadores de anúncios instalados no computador. E esse número só tende a crescer.

Quais são as vantagens?

  • Bloqueiam os anúncios pop-up, as novas abas abertas pela publicidade e também as publicidades antes dos vídeos (como no YouTube)
 
  • Torna a navegação mais segura, visto que em muitos sites os anúncios que surgem (principalmente em forma de pop-up) são de conteúdos mal intencionados que podem instalar malwares no computador e ter roubo de dados confidenciais
 
  • Recentemente, com a versão final do iOS 9, tornou-se possível que os gadgets da Apple instalem bloqueadores de anúncio no Safari, portanto, os bloqueadores que antes só eram possíveis em computadores e notebooks, agora chegam também aos dispositivos móveis. Como o maior número de dados da veiculados na internet atualmente é justamente dos celulares e tablets, os bloqueadores vão atingir um número muito maior de publicidades
 

Mas...

Não é de se espantar que as empresas publicitárias e os veículos online que dependem da publicidade para funcionar de graça (sem ser por assinatura) estejam revoltados e buscando meios para extinguir os bloqueadores. Alguns sites decidiram, por conta própria, não deixar que o usuário veja os conteúdos se tiver o bloqueador ativado. Se o usuário desativar (e assim permitir a veiculação da publicidade), ele pode ter acesso ao conteúdo.

Ainda são poucos os que estão fazendo essa obrigatoriedade, no Brasil, nenhum portal de notícia adotou essa medida, mas na Europa e nos Estados Unidos isso já vem ocorrendo e a tendência é se espalhar pelo mundo. Existem alguns sites de jogos, plataformas de sites, e outros domínios da internet costumam ter problemas para funcionar se o bloqueador estiver em funcionamento. Se isso ocorrer, basta clicar no símbolo do bloqueador e desativá-lo momentaneamente ou exclusivamente apra aquele site. Entre os bloqueadores mais famosos, está o AdBlock Plus.

Aprimore o seu inglês e dê um up na sua carreira. Faça um teste online.


Veja também:

Gostou? Compartilhe!
Ana Luiza Fernandes Ana Luiza Fernandes

Ana Luiza Fernandes é brasileira, natural de Minas Gerais, formada em Comunicação Social com ênfase em Jornalismo e hoje cursa Mestrado em Ciências da Comunicação pela Universidade do Porto, Portugal. Possui trabalhos na área de Jornalismo Cultural, Fotografia, Documentário e Assessoria de Imprensa e é apaixonada pela profissão desde criança.

Receba mais informações como esta!

Receba a nossa newsletter

Ao submeter os seus dados receberá a newsletter, ofertas e publicidade enviado por e-konomista.com.br e pelos nossos Parceiros e aceita os Termos e Condições e a Política de Privacidade. Os dados submetidos serão compartilhados com os nossos Parceiros.

Enviar