Visto de trabalho para Moçambique: como conseguir

Muitos brasileiros encontram terreno laboral fértil nos continente africano. Tirar o visto de trabalho para Moçambique é fundamental para estabelecer-se no país.

Visto de trabalho para Moçambique: como conseguir
Para agarrar oportunidades, saiba como obter visto de trabalho para Moçambique


Ganhe um tablet para aprender inglês online e melhore o seu currículo.
 

 

Os países africanos tornam-se cada vez mais um destino comum entre brasileiros que buscam emprego no exterior. Bons salários são o principal atrativo e até motivam imigrações arriscadas, sem a documentação completa. O visto de trabalho para Moçambique, por exemplo, é necessário para exercer qualquer função remunerada e quem tentar driblar a lei pode enfrentar sérias consequências.

 

Nos últimos anos, a crise na Europa alavancou o fluxo migratório para o destino. Por esse motivo, as autoridades endureceram um pouco mais a vigilância e as exigência para obter um visto de trabalho para Moçambique. O país é um dos que exige, inclusive, visto de turismo para os brasileiros.

 

 

VAGAS E OPORTUNIDADES
Encontre a oportunidade certa. Cadastre-se gratuitamente no E-konomista e receba ofertas de vagas no Brasil e no exterior e dicas para a sua carreira.

Visto de trabalho para Moçambique

Para tirar um visto de trabalho para Moçambique o primeiro passo é conseguir uma oferta de emprego. A exemplo de outros lugares, não é possível emigrar para lá com a intenção de trabalhar sem ter um contrato fechado. Até porque um dos documentos que deve ser apresentado ao Consulado é um comprovativo da contratação, autorizado pelo Ministério do Trabalho moçambicano.


O empregador deve providenciar essa comprovação e submetê-la ao recém-contratado para que ele possa dar seguimento ao processo.



Será possível trabalhar no exterior sem fala inglês?

 

Além do comprovativo, deve-se apresentar ainda:

  • Passaporte com validade de pelo menos 6 meses após o fim do contrato;

  • 2 fotos 3x4 recentes;

  • Uma cópia do contrato de trabalho;

  • Certificado de toma da vacina de febre amarela;

  • Registro de antecedentes criminais

 

A taxa consular do visto de trabalho para Moçambique custa R$ 800. O documento demorar em média 15 dias para ficar pronto, caso seja autorizado, mas pode demorar até 2 meses. Tudo depende do volume de pedidos que dão entrada no Consulado. A solução é mesmo esperar pacientemente, uma vez que esse tipo de visto não pode ser pedido em caráter de urgência.


Veja mais: 66 países que os brasileiros podem entrar sem visto
 
 

Mais papelada

Já tem o seu visto de trabalho para Moçambique em mãos? Ótimo, mas a trabalheira não acaba por aí. Ainda é preciso tratar da autorização de residência. Parece contraditório que, tecnicamente, você possa trabalhar, mas não residir em território moçambicano, mas é assim que as coisas funcionam. A primeira parte do procedimento consiste em solicitar no Consulado, ainda em território brasileiro, o seu visto de residência, com validade de 30 dias, prorrogável até 60.
 

Depois de chegar em Moçambique, deve procurar a Direção Nacional de Imigração para fazer o seu DIRE (Documento de Identificação de Residente Estrangeiro), que nada mais é do que a autorização de residência final. Esse procedimento tem que ser efetuado dentro da data de validade do visto de residência solicitado no Brasil.


Com a burocracia toda tratada pode, finalmente, desfrutar do seu novo posto de trabalho. A boa notícia é que cônjuge e filhos também podem desfrutar da autorização de residência. Ou seja, a família não precisa ficar separada nesta fase.


Quais são os empregos no exterior para brasileiros


 

Mercado de trabalho local

Antes de pleitear o seu visto de trabalho para Moçambique obviamente vai querer saber o que tem à espera, que tipo de emprego. Apesar das empresas, de acordo com o lei, só poderem contratar 10% de profissionais estrangeiros, a demanda por mão de obra qualificada, nem sempre encontrada entre os nacionais, é grande. Por isso, a quantidade de vagas em aberto surpreende.
 

Apesar de burocracia para conseguir um visto de trabalho para Moçambique ser um pouco desanimadora, profissionais de TI, marketing, hotelaria e engenharia podem encontrar boas oportunidades por lá. Se você é de uma dessas áreas e pretende ampliar os horizontes, tenha atenção ao que esse país pode te oferecer. Deixamos alguns links que podem auxiliar na procura por vagas:

 

 

Já pensou em poupar fazendo um consórcio de carros? Veja como é fácil.
 



Veja também:

Gostou? Compartilhe!
Receba mais informações como esta!

Receba a nossa newsletter

Ao submeter os seus dados receberá a newsletter, ofertas e publicidade enviado por e-konomista.com.br e pelos nossos Parceiros e aceita os Termos e Condições e a Política de Privacidade. Os dados submetidos serão compartilhados com os nossos Parceiros.

Enviar