8 motivos para nunca viajar pela América do Sul

Viajar pela América do Sul? Se eu posso ir pra Europa ou Estados Unidos e gastar milhares de reais, para que visitar os paises vizinhos?

8 motivos para nunca viajar pela América do Sul
Motivos de sobra para ficar em casa e não viajar pela América do Sul

Quais são os motivos que te fariam fazer as malas e partir para uma trip incrível? A história do país (ou do continente), a fama que ele possui, as paisagens naturais ou as baladas? Independente de qual ou quais são os seus motivos, acredite, você não vai querer viajar pela América do Sul, correto? Afinal, você tem várias opções na Europa ou na América do Norte. 

Viajar pela América do Sul: será?

Muita gente diz que viajar pela América do Sul é incrível. Eu discordo e vou enumerar 8 motivos que também vão te convencer:

1. São só poucas horas de viagem de avião, ninguém merece

O melhor de viajar é ficar longas horas dentro de transporte, sentir dormência nos pés, dor nas costas e comer várias refeições com gosto de nada nas companhias aéreas. Eu me sinto tão chique nessas situações! Nas viagens a América do Sul, fica-se poucas horas dentro do avião para na maioria dos destinos e a diferença de horário nem é muita, não tem graça.

2. As moedas são desvalorizadas frente ao real e a gente quer é gastar muito dinheiro

A gente junta dinheiro o ano todo é para gastar. Se é para gastar, quero pagar R$ 5,00 numa garrafa d’água! Não me interessa se um Peso Argentino custa R$ 0,25, se o Boliviano custa R$ 0,50 ou se o Peso Uruguaio custa R$ 0,13. Não gosto de ver meu dinheiro em reais multiplicar. Vi no jornal que o Real está desvalorizado e eu quero mais é comprar Dólar a R$ 3,50 e Euro a R$ 3,90. Muito mais chique!

3. As paisagens naturais não são lá grande coisa

viajarpelaamericadosul

Salar de Uyuni, na Bolívia. Não é só um deserto de sal? Que que eu vou "caçar" lá? As praias da Colômbia são belíssimas? Já ouvi falar de Cartagena, com o mar do Caribe. E também de Tayrona e da Green Lagoon. Mas eu vou me arriscar e ir pra Colômbia? Eu não, tenho medo de lá! Acho que nem vale a pena... As Torres del Paine no Chile até parecem bonitos, mas tem que fazer trilha pra chegar até lá. E fazer trilha no Puerto Natales, parque dentro da Patagônia chilena deve dar a maior preguiça. Prefiro as imagens num filme em casa. As ilhas de Galápagos, no Equador e Los Roques na Venezuela são ilhas ditas paradisíacas. Eu não gosto de ilha, não me sinto seguro e o paraíso já vou conhecer quando morrer.

4. Em aspectos históricos e culturais? Não têm a menor graça

História? Cultura? Para que que eu vou querer conhecer Machu Picchu? Um símbolo do antigo império Inca elevado à categoria de Patrimônio mundial da UNESCO? Para mim, parece um monte de velharia. Dizem que a Argentina tem arquitetura e parques belíssimos, com semelhança a países europeus. Para que conhecer a terra dos hermanos? Essa tal de Ushuaia que dizem ser tão charmosa não me atrai. Prefiro ir pra Europa e gastar toda a reserva financeira da vida. Dizem também que os museus espalhados pela América do Sul são incríveis... Mais velharia! Dizem que Santiago é uma cidade que vale a visita no Chile, pela arquitetura colonial e moderna emoldurada pelos Andes,  e que as estátuas da Ilha de Páscoa valem muito a pena de serem visitadas. E daí que são 600 enormes estátuas esculpidas em rochas vulcânicas com mais de 800 anos e existe um mistério sobre como elas foram parar lá? Não tenho curiosidade. Só se for pra tirar selfie.

5. A língua é fácil de entender e eu quero é passar aperto

O espanhol é uma língua próxima do português e nós conseguimos entender com certa facilidade o que se diz na América do Sul. Mas eu gosto mesmo é de não entender nada o que os nativos falam e ficar perdido e gastar todo o meu pacote de dados do celular com o Google Tradutor, afinal de contas legal é ficar no celular durante as viagens!

6. Nem dá vontade de provar as comidas

viajarpelaamericadosul

Não vejo graça em conhecer as comidas internacionais. Pouco me importa se o Ceviche, comida típica do Peru foi considerado pela revista Forbes como uma das 7 maravilhas gastronômicas do mundo, afinal são apenas peixes frescos, uma mistura feita com cebola roxa, suco de limão, sal e pimenta. Eca. Dizem que a comida da Venezuela é uma mistura da comida europeia, indígena e africana, e não me dá vontade nenhuma de provar. Afinal, é tudo à base de milho, manteigas e carnes e eu não sou lá grande fã.  No Uruguai me disseram que preciso comer um Asado de Tira e um tal de Chivito. Pra quê? Dizem que parece com o nosso churrasco, e nosso X-tudo respectivamente, então, pra que provar? Ah, na Argentina, pode até dar alguma vontade, mas passa logo. Dizem que tem o melhor churrasco do mundo, mas tem pouco sal, e eu gosto mesmo é do churrasquinho de gato aqui da esquina, bem salgado. Dizem também das empanadas, que não me parecem apetitosas, e os doces de leite e alfajor também são famosos... Mas eu? Gosto só de brigadeiro e não tenho vontade de provar.

7. De gente hospitaleira já basta aqui no Brasil

Os habitantes da América do Sul são mundialmente conhecidos como um povo acolhedor e hospitaleiro. Em especial, eles adoram os brasileiros – até mesmo os argentinos gostam de nós. Mas é bem melhor viajar para lugares onde as pessoas são frias, não estão nem aí para os turistas e não gostam de dar dicas e informações não é? É mais divertido. Todo mundo que viaja para a América do Sul diz que volta cheio de amigos estrangeiros, que mantém contato virtualmente após a viagem e convidam para visitar o Brasil e passar uma temporada por aqui. Eu não quero amigos estrangeiros, estou tranquilo com os que tenho aqui no Brasil e não tenho curiosidade em fazer amizade com os gringos, afinal, não vou ganhar nada com isso!

8. Nem precisa de passaporte e eu adoro uma burocracia

Para viajar para os países do Mercosul (Argentina, Bolívia, Chile, Colômbia, Equador, Guiana, Paraguai, Peru, Suriname, Uruguai, Venezuela e também o Brasil) você não precisa tirar passaporte, basta apresentar o seu RG (carteira de identidade) e pronto, sem burocracia. Mas poxa, eu adoro juntar um monte de documentos, levar até a Polícia Federal, pagar uma taxa de R$ 257,25 e depois voltar lá para buscar! É um tempo perdido tão prazeroso!

Atenção: Caso algum leitor não tenha percebido, esse texto contém altas doses de ironia. Você deve sim visitar a América do Sul! E os motivos que citamos são apenas os mais famosos, há muitos outros. Quando viajar? É pra já! Já fez as malas?

Veja também:

Gostou? Compartilhe!
Ana Luiza Fernandes Ana Luiza Fernandes

Ana Luiza Fernandes é brasileira, natural de Minas Gerais, formada em Comunicação Social com ênfase em Jornalismo e hoje cursa Mestrado em Ciências da Comunicação pela Universidade do Porto, Portugal. Possui trabalhos na área de Jornalismo Cultural, Fotografia, Documentário e Assessoria de Imprensa e é apaixonada pela profissão desde criança.

Receba mais informações como esta!

Receba a nossa newsletter

Ao submeter os seus dados receberá a newsletter, ofertas e publicidade enviado por e-konomista.com.br e pelos nossos Parceiros e aceita os Termos e Condições e a Política de Privacidade. Os dados submetidos serão compartilhados com os nossos Parceiros.

Enviar