Melhores meses para viajar para a Europa

Qual é a melhor estação do ano? Quando encontrar os melhores preços? Veja a resposta para essas perguntas sobre os melhores meses para viajar para a Europa.

Melhores meses para viajar para a Europa
Conheça os meses abaratos e os que proporcionam as melhores experiências

O continente europeu é o lugar onde se realizam sonhos, vive-se um conto de fadas ou permite-se a imersão em culturas e experiências nunca possíveis em nosso país. É por isso que, para viajar para a Europa é preciso planejamento, estudo e economia para que tudo esteja sob controle e ninguém passe vontade entre tantos programas gastronômicos, culturais e sociais por onde quer que vá.

Viajar para a Europa com economia e experiências incríveis

A economia foi feita durante um bom tempo e finalmente chegou a hora de viajar para a Europa. Mas, será que vai chover ou vai nevar? Vou conseguir pegar uma praia? Curtir a vida noturna ao ar livre? Essas e outras questões devem estar bastante presentes entre os que já estão com o passaporte em mãos e precisam começar a organizar a viagem.

O fato é que, independente do clima, seu desejo pessoal é quem vai ditar a melhor época para comprar as passagens e reservar acomodações e ingressos para diversas atrações. Veja algumas dicas.

Os meses mais baratos para viajar para a Europa

Ao contrário do Brasil, o velho continente tem períodos de alta e baixa temporadas opostos ao nosso, o que significa que o ápice do Verão acontece durante o nosso Inverno, ou seja, entre os meses de Julho e Agosto.

Portanto, se procura por calor na Europa, compre sua passagem e faça suas reservas antecipadamente para não sofrer com a falta de vagas ou voos exorbitantes – até 18% mais caro que os demais meses do ano. Mas se pretende uma meia estação na Europa, comprar passagens aéreas agendadas para o mês de Março pode representar uma redução de 16% do valor médio cobrado anualmente.

Viagem para a Europa: quanto é preciso guardar por mês

“Não tem jeito, quero ver neve”. Então prepare o casaco, a capa de chuva e garanta passagens a preços mais baixos, bem como hospedagem com uma certa facilidade – desde que antecipadamente – para os meses de Dezembro, Janeiro ou Fevereiro. Enquanto nos Estados Unidos esses são os meses mais caros, para a Europa a logística é diferente e ainda há uma vantagem: muitas promoções ocorrem neste período, tanto para voos, quanto para regalias na hospedagem ou serviços diversos.

Os meses mais inesquecíveis para visitar o continente

Com estações bem definidas, o hemisfério norte surpreende em sua grande maioria de países – principalmente os localizados mais ao Sul – com um espetáculo da natureza a cada quatro meses. O melhor mês? Cabe a cada um escolher o que mais se adequa à sua personalidade e ao país de destino.

Na primavera, para muitos a melhor estação para viajar para a Europa, a magia acontece quando uma paisagem aparentemente morta renasce e colore ruas e parques com espécies também pouco comuns em nosso clima tropical. Se presenciou essa transição desde o inverno, verá as pessoas saindo de suas casas e o comércio abrindo suas portas novamente. A cidade volta a brilhar e seus habitantes retomam a simpatia e o calor humano.

Turisticamente dizendo, principalmente para quem não é fã do frio, a primavera é uma meia estação extremamente agradável que acontece principalmente entre Abril e Maio. Nela, o calor escaldante também não chegou, as passagens e reservas são mais baratas e as ruas não estão tão lotadas de turistas.

Se pretende curtir o verão, reserve sua passagem para os meses entre Junho e meados de Setembro e só volte para o hotel depois das 22h, quando o Sol finalmente se põe. Aos que buscam por badalação e querem conhecer gente de todo o mundo, Agosto é o mês onde todos estão de férias para curtir temperaturas realmente altas, proporcionando um intercâmbio muito grande de turistas por todos os lados.

Já as estações como o Outono e o Inverno podem variar muito de acordo com o país, sendo os situados mais ao Sul como Portugal, Espanha e Itália donos de temperaturas mais amenas – o que não quer dizer que estejam acima de 10 graus. Durante o Outono, chegando de mansinho ao final de Setembro, as árvores secam, as folha forram o chão e uma brisa passa a se transformar em um vento mais frio durante a noite; o clima bucólico, apaixonante e indescritível de um cenário completamente diferente do que temos no Brasil.

No inverno, ainda que a neve chegue a algumas regiões específicas destes países mais quentes, é mais comum que a viagem entre os meses de Dezembro e Março esteja regada por uma chuva fina e incessante. Já nos países mais ao norte, a chuva e a neve intercalam, formando um cenário branco, frio e mágico para muitos que desejam ter essa experiência pela primeira vez. A vida noturna também acontece nesses períodos dentro de pubs, cafés e eventos menores por conta do mau tempo; o que acaba por reduzir drasticamente o valor das passagens aéreas e hospedagens.

Veja também:

Gostou? Compartilhe!
Heloísa von Ah Heloísa von Ah

Formada em Comunicação em Computação Gráfica e Design de Games, é apaixonada pela profissão que exerce. Uma aficionada por tecnologia, gatos e cinema underground.

Receba mais informações como esta!

Receba a nossa newsletter

Ao submeter os seus dados receberá a newsletter, ofertas e publicidade enviado por e-konomista.com.br e pelos nossos Parceiros e aceita os Termos e Condições e a Política de Privacidade. Os dados submetidos serão compartilhados com os nossos Parceiros.

Enviar