Como planejar uma viagem para o Peru com menos de R$3 mil

Saiba como driblar a alta do dólar e realizar a tão sonhada viagem para o Peru com orçamento baixo e direito a visita ao Vale do Sagrado e Machu Picchu.

Como planejar uma viagem para o Peru com menos de R$3 mil
Dicas de como realizar o roteiro mais desejado pelo Peru com baixo orçamento

Abrigo do mais famoso sítio arqueológico do mundo, uma das novas maravilhas da humanidade, o Peru foi sempre destino desejado por viajantes de todo planeta. Mas se você pensa que a alta do dólar deixou seu sonho ainda mais distante, reunimos aqui algumas dicas para viabilizar sua tão desejada viagem para o Peru (Lima, Cusco, Vale do Sagrado e Machu Picchu), num período de 6 dias recheados de história e lindas paisagens, por até R$ 2800,00.

Planejando uma viagem para o Peru de forma econômica

A viagem para o Peru é uma experiência sensacional, mas devido a possibilidade de haver pouco tempo disponível para viajar é necessário definir pontos de maior interesse no país para traçar um roteiro. Para o período de 6 dias, sugere-se o seguinte roteiro: Lima, Cusco, Vale do Sagrado e Machu Picchu.

Definido nosso roteiro, é preciso pensar em qual a ordem de visita a cada um dos lugares. Como o intuito é economizar, logo nota-se que o custo é menor se a partida e chegada for feita através da capital, Lima, e neste caso seguir de Lima para Cusco (de avião, pois a diferença de valor entre o trajeto realizado de ônibus e avião é pouca e a diferença de tempo de percurso é muita – 2 horas para trajeto aéreo e 24 horas para trajeto de ônibus). Em Cusco, realizar o passeio de uma tarde ao Vale do Sagrado (das 9h às 18h), no dia seguinte visitar Machu Picchu – e, neste caso, realizar o trajeto mais barato possível para o passeio (contratado em agência de turismo no centro de Cusco um dia antes), que inclui uma van para ida e volta de Cusco a Hidrelétrica de Santa Teresa, caminhada de 3 horas até Aguas Calientes, refeição e pernoite em Aguas Calientes, ida a Machu Pichhu na manhã seguinte, retorno de trem até Santa Teresa, onde haverá mais uma refeição e retorno de van a Cusco – no dia seguinte retornar a Lima e pegar o vôo de volta.

8 destinos baratos na América do Sul em 2016

Quando ir?

Numa viagem para o Peru, bem como para grande parte das viagens internacionais, o maior de todos os custos e o que sofre maior alteração ao longo do tempo é o da passagem aérea, portanto, saber escolher quando comprar e quando embarcar é peça chave nessa nossa equação da economia viajante.

De forma geral, passagens aéreas ficam mais baratas para comprar aos finais de semana, mas não existem regras para promoções relâmpago, então acompanhe os sites das principais companhias aéreas com frequência algumas semanas antes de efetuar a compra da passagem. Outra dica importante é, se possível, sempre escolher a data de partida e retorno em dias de menor movimento nos aeroportos (terças, quartas e quintas), pois nesses dias o preço das passagens é geralmente menor também.

GANHE
UMA VIAGEM
veja como concorrer

Os períodos que costumam ser mais baratos para se realizar uma viagem para o Peru são entre os meses de março e maio e nos meses de setembro e outubro.

Onde se hospedar?

Se a palavra de ordem aqui é economia então não há nada melhor do que unir o útil ao agradável e conhecer as instalações de hostels ou albergues – hospedagens bastante semelhantes a hotéis, mas que oferecem quartos e demais dependências compartilhados (por homens, mulheres ou ambos) como opção de baixo custo. Um convite à convivência e experiências únicas durante a viagem.

Tanto em Lima como em Cusco, que são as cidades onde haverá pernoite neste roteiro sugerido, existem ótimos hostels com diárias em torno de R$ 50,00, incluso café da manhã.

Onde comer?

As cidades de Lima e Cusco são grandes e possuem ótima infraestrutura, portanto, é sempre seguro sugerir que as refeições sejam feitas na região central das cidades. Por lá encontrará desde os restaurantes de comida típica tradicional a fast foods e comidas de rua, a escolha pode variar de acordo com o apetite e orçamento.

Os gastos com duas refeições diária em três dias – levando em consideração que o café da manhã estará incluso no valor da hospedagem e que as refeições durante os passeios estarão inclusas no valor dos mesmos – ficará em torno de R$ 100,00.

Gastos gerais

  • Passagem aérea 1 (São Paulo x Lima e Lima x São Paulo): R$ 1100,00
  • Passagem aérea 2 (Lima x Cusco e Cusco x Lima): R$ 568,00
  • Hospedagens em Lima e Cusco: R$ 250,00
  • Alimentação (estimativa): R$ 150,00
  • Vale do Sagrado (com refeição): R$ 120,00
  • Machu Picchu (van ida e volta até Santa Teresa, ingresso, refeições e hospedagem em Aguas Calientes): R$ 535,00

TOTAL: R$ 2723,00

Obs.: Estimativa de valores para uma viagem a ser realizada em setembro/2016.

* Imagem: Adam Jones

Fique por dentro de dicas para economizar nas suas viagens nacionais e internacionais.

Veja também:

Gostou? Compartilhe!
Tabata Franco Tabata Franco

Paulistana, formada em Comunicação e Multimeios e em Produção de Áudio e Vídeo. Transita por produções e projetos nas áreas de cinema/vídeo, fotografia, redação e artes em geral. Comunicativa, ama a palavra, se encanta pelas linguagens.

Receba mais informações como esta!

Receba a nossa newsletter

Ao submeter os seus dados receberá a newsletter, ofertas e publicidade enviado por e-konomista.com.br e pelos nossos Parceiros e aceita os Termos e Condições e a Política de Privacidade. Os dados submetidos serão compartilhados com os nossos Parceiros.

Enviar