8 furadas que podem estragar a sua viagem de férias

Escolheu o local de destino e acha que está tudo certo? Acredite, existem muitas furadas possíveis na sua viagem de férias:

 

8 furadas que podem estragar a sua viagem de férias
Nem sempre a tão esperada férias de viagem acontece como planejada

Viagem de férias lembra diversão e fotos incríveis, correto? Se você seguir algumas dicas, sim. Se não, o que prometia ser a viagem do ano pode acabar virando uma dor de cabeça das grandes. Agora, se você é um viajante experiente, com certeza já passou por algumas dessas situações. Conheça quais são as principais, para evitar ou relembrar a sua viagem

 

Viagem de férias é sempre uma surpresa

viagemdeferias



1. Faça um planejamento

Essa dica, por mais batida que seja, ainda é ignorada por muitos quando se trata de planejar uma viagem de férias. Resolver questões como local de hospedagem, documentação necessária (se for o caso de uma viagem ao exterior), o que fazer no local escolhido para a visita, meio de transporte, são coisas que, na euforia de viajar, deixamos para depois ou, pior ainda, nem fazemos. E acredite, você não vai querer deixar isso para última hora, principalmente se você for viajar sozinho. Furada na certa

2. Pense na companhia

Batida também, mas extremamente importante. Uma companhia errada tem um potencial imenso de estragar qualquer viagem. Ao contrário do que muitos ainda pensam, viajar com amigos não diz respeito apenas à facilidade de convivência. Vocês não estão indo viajar para ficar no hotel, certo? O mais importante para esse caso, é viajar com alguém que tenha a mesma disposição para passear, que saiba negociar e gerenciar os lugares que os dois (ou mais) queiram visitar e tenham o mesmo planejamento com dinheiro. Não adianta nada viajar com o seu melhor amigo de anos e, chegando lá, um querer dormir até o meio-dia e o outro, fazer uma trilha às seis da manhã. A viagem vai correr de maneira bem desagradável para os dois e a diversão vai acabar ficando no passado.

3. Clima

viagemdeferias


Essa dica é especialmente para quem vai viajar para um lugar com um clima muito diferente do local onde mora. Ficar animado porque vai ver neve ou pegar sol o dia inteiro é algo lindo, o problema é que nessa animação toda, os cuidados ficam de lado. Antes de viajar, veja como é o clima do local, e não apenas a temperatura média, mas se o clima é seco, úmido etc. Isso vai ajudar a fazer as malas de viagem de acordo com o local escolhido para as férias e prevenir furadas. Imagina só, fazer a sonhada viagem para ver neve e, no primeiro dia, pegar uma senhora gripe porque não se informou que além de frio, chove muito no lugar?

4. Horários

Uma viagem não precisa ter horário marcado para tudo (afinal, é a sua folga da rotina do trabalho), mas sair fazendo tudo de qualquer jeito também não é legal. Tenha pelo menos uma ideia da hora de fazer as coisas, verifique se as atrações desejadas ficam abertas à visitação e a hora de sair do hotel. Não precisa virar o chato do despertador, mas também não precisa ser a pessoa que não viu nada do que disse que iria ver porque não acordou a tempo ou esqueceu. Outro cuidado é com a hora de chegada a aeroportos e rodoviária. Melhor chegar bem mais cedo do que se arriscar à perder o avião/ônibus. Se a viagem for de carro, veja como está o tráfego nas principais avenidas, principalmente se for viajar em alta temporada.

5. Cuidado com o dinheiro

Férias significam um dinheiro extra na conta bancária, mas não precisa significar a ruína do seu orçamento pelo resto do ano. Sim, dá vontade de comprar tudo, de entrar em todas as lojas e de comer todos os dias em restaurantes tradicionais e (às vezes) bem caros. Mas lembre-se que, as férias acabam e as dívidas ficam. Faça compras, mas controle os impulsos de levar toda a loja de souvenirs. A bagagem sempre vai menor do que volta, e para não se deparar com taxas de excesso de bagagem e de conta bancária no vermelho, é preciso encontrar o equilíbrio entre os prazeres do consumo e dos delírios de compras. Em contrapartida, se a viagem for para um lugar muito distante de casa, não vá com o dinheiro contado. Habilite cartões (crédito ou débito) internacionais para o caso de uma emergência.


6. Coerência

Essa não é uma dica específica, mas uma prevenção das furadas em viagens de férias. Coerência é algo importantíssimo. Não, você não vai ser maníaco por controle se levar um tantinho dela na sua bagagem. Pondere antes de fazer a locação de onde ficarão hospedados. O hotel é muito afastado do centro da cidade? Tem transporte nas proximidades? Vai ser necessária um carro para se locomover pelos pontos de interesse? Se a viagem for feita de carro, ele está em condições para aguentar uma estrada? Para viagem feita com pessoas de diferentes idades, existem diversões para todos? Respondendo essas perguntas e resolvendo suas respostas, é só aproveitar e boa viagem!
 

7. Comparações com o lugar em que mora

Nas férias, todo lugar é lindo, as pessoas são mais educadas e o clima dos lugares é sempre melhor. Não se esqueça que você está em um clima mais “festivo”, digamos assim e, de repente não é que não existam problemas; você que está com mais predisposição para passar por eles. Um dos erros mais comuns em viagens é fazer comparações (quase sempre absurdas) com o lugar onde moramos. Algumas, claro, serão imediatas e involuntárias, só não fica repetindo a frase “Ah, se no Brasil isso funcionasse como na França, não teríamos mais problemas”. Além de ser chato ouvir isso a viagem toda, é injusto. Todo país tem seus problemas, e não dá para fazer uma boa análise baseado em duas semanas no lugar. As comparações só impedem você de aproveitar tudo o que lugar pode oferecer de bom.

Confira também: Como se preparar para viajar com bebê 

8. Época do ano e lugar escolhido

viagemdeferias


Essa é a dica bônus, até porque essa lista não serve para dizer onde você deve ou não deve passar as suas férias. Mas, uma vez escolhido o lugar de destino da viagem de férias, fique atento à lotação da cidade nessa época do ano. Conhecer pontos turísticos famosos e fazer aventuras como acampar em algum lugar exótico na Oceania, pode parecer incrível no papel, mas quando a ideia vira realidade, o negócio pode mudar um pouco de figura. Vai para Paris em julho? Lembre que a cidade é cheia em época de férias (afinal, é só o destino mais visitado do mundo), então se prepare para uma cidade lotada e filas quilométricas nos pontos turísticos. Todo o cuidado é pouco quando se trata de lugares famosos. Às vezes eles são melhores pela internet do que ao vivo.

Claro que seguir todo o planejamento à risca é impossível e até pouco recomendado. Fazer uma loucura ou outra, de vez em quando, pode tornar a viagem mais engraçada. Mas, antes de estourar todo o orçamento do ano simplesmente por falta de organização, é sempre bom se planejar. Imprevistos sempre acontecem, então evitar o maior número de problemas é a melhor direção para uma excelente viagem.

 

Veja também:
 

Gostou? Compartilhe!
Receba mais informações como esta!

Receba a nossa newsletter

Ao submeter os seus dados receberá a newsletter, ofertas e publicidade enviado por e-konomista.com.br e pelos nossos Parceiros e aceita os Termos e Condições e a Política de Privacidade. Os dados submetidos serão compartilhados com os nossos Parceiros.

Enviar