É difícil passar no vestibular da UFSCar?

Está pensando em prestar o vestibular da UFSCar? Fique de olho nas informações que separamos para você.

É difícil passar no vestibular da UFSCar?
Saiba se é difícil ingressar na Universidade

O vestibular da UFSCar é, sem dúvida, um dos principais do país. Com quatro campus (São Carlos, Araras, Sorocaba e Lagoa do Sino), 32 departamentos acadêmicos de quatro centros distintos – biológicas, exatas, humanas e agrárias – a Universidade Federal de São Carlos é uma das maiores instituições de ensino superior do estado de São Paulo, além de ter muita qualidade de ensino.

Mas também por ser muito conhecida, fica a dúvida se é muito concorrida e como funciona a prova. Por isso coletamos algumas informações úteis sobre o vestibular da UFSCar que podem ajudar a sanar essas incertezas.

Vestibular da UFSCar: características e dificuldades

O processo seletivo para entrar na Universidade Federal de São Carlos é completamente baseado no Exame Nacional do Ensino Médio, ou Enem. Alguns anos atrás o Enem era utilizado somente como uma primeira fase para o vestibular da UFSCar, contudo, hoje em dia, ele é a única prova a ser feita para aqueles que querem concorrer a vagas na Universidade.

Há, no entanto, o curso de Música – Licenciatura Plena (Educação Musical) da UFSCar exige, além do Exame, uma prova específica. E para os indígenas também há uma avaliação diferenciada, neste caso, existe um vestibular somente para esse tipo de candidatos.

APRENDA 
inglês e vá longe

comece agora

Vale ressaltar que, como o processo seletivo é feito somente com o Enem, é importante que aqueles interessados em se candidatar a vagas na Universidade Federal de São Carlos se mantenham atentos ao prazo de inscrição para o Exame Nacional, uma vez que ele costuma ser no primeiro semestre no ano – provavelmente em maio.

Como o vestibular da UFSCar se dá pelo Sistema de Seleção Unificada, ou SiSU, já se sabe bastante sobre a prova, ou o Enem. A taxa para a inscrição do Exame gira em torno dos R$60,00 e as provas costumam acontecer entre os meses de outubro e dezembro. São 180 questões separadas em dois dias (um sábado e um domingo), delas, 90 relacionadas a Ciências Humanas e suas tecnologias e Ciências da Natureza, e 90 questões sobre Linguagens, códigos e suas tecnologias e Matemática e suas tecnologias. No segundo dia de prova, ou seja, no domingo, é feita também uma redação.

Estudar inglês no exterior ainda vale a pena?

É difícil entrar?

O nível da prova já é relativamente conhecido, contudo, para saber se um vestibular é difícil ou não, é preciso analisar o grau de concorrência ou a nota de corte. Esses são dados que variam de ano para ano, mas normalmente é necessário tirar mais que 650 pontos no Enem para conseguir ingressar na USFCar. Mas é claro que tudo depende do curso para o qual você se candidatou, há cursos mais concorridos, como é o caso de Engenharia de Computação (média de corte de mais ou menos 800 pontos), Engenharia Física (mais ou menos 790 pontos), Engenharia Mecânica (cerca de 785 pontos) e Medicina (mais ou menos 780 pontos).

Saiba como fazer uma faculdade de qualidade com baixas mensalidades!

​Veja também:

Gostou? Compartilhe!
Flávia Six Flávia Six

Natural de Curitiba, cresceu em Arapoti e estuda Jornalismo em Campinas há 3 anos. No momento, faz intercâmbio em Portugal. Apaixonada por palavras, leitora compulsiva, não vive sem filmes e faz tudo com os fones de ouvido.

Receba mais informações como esta!

Receba a nossa newsletter

Ao submeter os seus dados receberá a newsletter, ofertas e publicidade enviado por e-konomista.com.br e pelos nossos Parceiros e aceita os Termos e Condições e a Política de Privacidade. Os dados submetidos serão compartilhados com os nossos Parceiros.

Enviar