Velas de ignição: por que é importante fazer a troca

A troca das velas de ignição é um dos procedimentos mais importantes na manutenção veicular. Confira o momento que devem ser trocadas.

Velas de ignição: por que é importante fazer a troca
Saiba como e porque trocar as velas do seu carro

A troca de velas de ignição é, ao lado da troca de pneus e da revisão periódica, um dos mais importantes procedimentos de manutenção veicular a ser seguido por proprietários de automóveis. Do bom funcionamento das velas e sua correta instalação depende a movimentação dos pistões, peças elementares que são o coração de um motor.

Qual a importância da troca das velas de ignição?

O motor de um veículo funciona pela conjunção de dois tipos de fonte de energia, a mecânica e a elétrica. Nesse último segmento, um conjunto de peças é fundamental, e garante toda a dinâmica que envolve o funcionamento de um motor, trata-se do jogo de velas.

As velas de ignição emitem uma fagulha elétrica intermitente, em intervalos regulares, que, ao entrar em contato com o combustível no interior da câmara de combustão, causa uma explosão que é responsável por movimentar os pistões.

dirija o
carro dos 
seus sonhos

agende um test drive

Como saber se as velas estão funcionando bem?

A vida útil de um jogo de velas de ignição é estimado em aproximadamente 10 mil quilômetros. Quando estão muito desgastadas, o carro apresenta alguns sintomas característicos, como demora em dar a partida, solavancos no motor enquanto está em funcionamento, principalmente em marchas de menor velocidade. O tipo de desgaste pode ser detectado por uma inspeção visual. Ao abrir o motor, o proprietário do veículo deve observar se as extremidades das velas estão com aspecto amarelado, marrom, esbranquiçadas ou escurecidas. Em quaisquer dos casos, a troca deverá ser providenciada imediatamente a troca de velas.

Entenda a composição das velas de ignição

Compreender o funcionamento das velas e do que são compostas pode ajudar o motorista a se antecipar a eventuais problemas causados pelo seu desgaste e fazer a troca de velas no tempo certo. As velas de ignição são compostas pelas seguintes partes:

  • Pontas de eletrodo
  • Calafetagem
  • Eletrodo Central
  • Castelo metálico
  • Pino Terminal

Cada uma dessas partes tem uma função, e contribui para o bom funcionamento da vela e na prevenção da corrosão e oxidação. O pino terminal, por exemplo, é onde o contato entre a fagulha e o combustível acontece, e seu bom estado promove explosões mais efetivas e, consequentemente, mantêm a potência do motor.

Um jogo de velas de ignição excessivamente desgastado pode ocasionar sérios danos ao motor do carro, e por isso mantê-las sempre em bom estado e fazer a troca de velas regularmente garante economia e tranquilidade. Procure verificar periodicamente o jogo de velas, e se apresentam algum sinal de oxidação e, caso haja algum sinal de desgaste, providencie sua troca.

Faça um test drive sem custos e sem compromisso. Agende já!

Veja também:

Gostou? Compartilhe!
Receba mais informações como esta!

Receba a nossa newsletter

Ao submeter os seus dados receberá a newsletter, ofertas e publicidade enviado por e-konomista.com.br e pelos nossos Parceiros e aceita os Termos e Condições e a Política de Privacidade. Os dados submetidos serão compartilhados com os nossos Parceiros.

Enviar