Governo cancela programa de turismo para idosos

O programa concedia descontos, condições especiais e serviços personalizados

Governo cancela programa de turismo para idosos
Aproximadamente 20 milhões de brasileiros estão na faixa etária atendida pelo programa, acima dos 60 anos

Foi revogada por Alberto Alves, ministro interino do Turismo, a portaria de 2013 que instituiu o programa Viaja Mais Melhor Idade. O cancelamento foi divulgado pelo Governo Federal na última sexta-feira, 9. O programa foi relançado em 2013, com o objetivo de incentivar aposentados e pensionistas a viajarem, pois oferecia condições de financiamento diferenciado.

Por meio de uma nota, o Ministério do Turismo disse que o programa Viaja Mais Melhor Idade foi criado para estimular o mercado a ter olhar especial para este público. "As ações foram extremamente bem sucedidas e o objetivo alcançado. Atualmente as empresas e os prestadores de serviços dispõem de canais de distribuição, ofertas de produtos e serviços turísticos diferenciados, bem como benefícios de maneira prática e ágil aos turistas brasileiros com mais de 60 anos. Diante deste novo panorama, o Ministério do Turismo entendeu que o programa cumpriu a sua missão e, por isso, foi extinto”, revelou o órgão.

O programa concedia descontos, condições especiais e serviços personalizados para dar a oportunidade de idosos de usufruir dos benefícios da atividade turística. Em sua primeira edição, que durou de 2007 até 2010, foram vendidos cerca de 600 mil pacotes turísticos, com mais de R$ 531 milhões em receitas. Já na segunda edição, que foi de 2010 a 2014, o programa ofereceu mais de 500 ofertas para 95 destinos brasileiros. Os números atualizados ainda não foram divulgados.

Idosos no Brasil

De acordo com o Ministério do Turismo aproximadamente 20 milhões de brasileiros estão na faixa etária atendida pelo programa, acima dos 60 anos. É um público que já representa 11% da população brasileira, de acordo com o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) e que dispõe de tempo e renda disponíveis para viajar pelo país.

Dados do Ministério do Turismo mostram que a população acima de 60 anos já responde por quase 18 milhões de viagens ao ano no Brasil, o que representa uma fatia de 8,9% do mercado nacional. A tendência é que essa quantidade aumente a cada ano, devido ao envelhecimento da população. A projeção do IBGE é a de que em 10 anos os idosos representarão 16% dos brasileiros e, em 2060, 34%.

Foto: Reprodução Doutíssima

Gostou? Compartilhe!
Michelle Monte Mor Michelle Monte Mor

Formada em Comunicação Social e em Mídias Digitais. Escreve sobre o setor automotivo desde 2004. Não larga o smartphone e vive conectada às redes sociais. Adora viajar e dirigir.

Receba mais informações como esta!

Receba a nossa newsletter

Ao submeter os seus dados receberá a newsletter, ofertas e publicidade enviado por e-konomista.com.br e pelos nossos Parceiros e aceita os Termos e Condições e a Política de Privacidade. Os dados submetidos serão compartilhados com os nossos Parceiros.

Enviar