Quer comprar um carro sem entrada?

Receba cotações de crédito para comprar o seu carro

Ao submeter os seus dados receberá a newsletter, ofertas e publicidade enviado por e-konomista.com.br e pelos nossos Parceiros e aceita os Termos e Condições e a Política de Privacidade. Os dados submetidos serão compartilhados com os nossos Parceiros.

Seguinte

Tudo que você queria saber sobre consórcio de carro

Talvez você não saiba, mas o consórcio de carro é uma invenção brasileira. O E-konomista preparou um artigo especial para que você entenda melhor como funciona este sistema de crédito.

Tire as suas dúvidas sobre o consórcio de carro.

Na década de 1960, a indústria automobilística instalava-se no Brasil e vivia um período de significativa expansão. No entanto, adquirir um carro ainda custava caro e não existiam as facilidades de crédito pessoal que hoje o mercado disponibiliza.

QUER FAZER UM CONSÓRCIO?
Faça uma simulação de consórcio de motos e encontre a melhor solução para o seu bolso.

A criativa solução encontrada por um grupo de funcionários do Banco do Brasil foi criar um fundo monetário, uma espécie de poupança conjunta, que possibilitasse a compra de um carro para todos os integrantes do grupo. O valor total dos carros era parcelado num número definido de meses e, ao longo deste período, eram realizados sorteios para contemplar os consorciados com uma carta de crédito com o valor integral do automóvel. Ao final do pagamento das parcelas, todos tinham os seus carros.

Este sistema de consórcio de carro foi logo adotado pela indústria de automóveis, sendo um dos responsáveis por alavancar o mercado automobilístico no Brasil.

Durante mais de uma década, o automóvel era o único tipo de bem adquirido por meio de consórcios. Mas logo o mercado percebeu as vantagens deste sistema de venda, expandindo o setor de consórcios para veículos em geral e, posteriormente, para diversos tipo de produtos e serviços.

O que é o consórcio de carro?

O consórcio é um mecanismo de concessão de crédito que tem por fim a formação de um fundo monetário coletivo para a aquisição de bens de consumo e serviços. Em outras palavras, o consórcio é uma poupança programada constituída por um grupo de consorciados, que compram cotas individuais para a aquisição de produtos e serviços, gerida por uma administradora financeira devidamente autorizada pelo Banco Central do Brasil.

Como funciona o consórcio de carro?

O setor de consórcios funciona da mesma forma para a aquisição de qualquer tipo de produto ou serviço e é regulado e fiscalizado pelo Banco Central do Brasil. 

Ao aderir a um consórcio, os consorciados definem o valor da cota e em quantos meses irão pagá-la. Periodicamente, são realizados sorteios e lances para contemplar os consorciados com uma carta de crédito com a qual podem adquirir o bem ou serviço consorciado, de acordo com as regras do consórcio.

O consórcio de carro ainda é uma das alternativas mais acessíveis economicamente e menos burocráticas para aquisição de automóveis, ou de bens em geral.

Conheça os números do consórcio no Brasil

Atualmente, de acordo com os dados da Associação Brasileira de Administradoras de Consórcios - ABAC,o número de consorciados no Brasil já passa de cinco milhões. De consórcio de carro a consórcio de viagens, cirurgias plásticas, casamento, e até antenas parabólicas, este sistema de crédito movimenta quase 36 bilhões de reais, o que corresponde a aproximadamente 1% do PIB (Produto Interno Bruto) do Brasil. Nos últimos dez anos, foram mais de 10 milhões de bens e serviços entregues aos consorciados.

A classe média e o consórcio

Com o crescimento econômico do país e o aumento do poder de compra da classe média, cada vez mais pessoas têm apostado na economia e segurança do consórcio para a aquisição de bens e serviços.

Hoje, a classe média já representa 54% dos domicílios brasileiros. Embora comprar imóveis ainda seja o sonho desta classe social em ascensão, nos últimos cinco anos, o número de aderentes ao consórcio de carro aumentou cerca de 140%, sendo o crescimento mais expressivo do setor de consórcios.

A explicação está no fato de que apenas 18% das famílias pertencentes à classe média ainda não possuem uma casa própria. Antes de investir no segundo imóvel, muitos preferem investir na troca do automóvel, ou na compra do segundo ou mesmo terceiro carro da família.

A outra explicação para o aumento dos consórcios de carro em relação ao consórcio imobiliário, são os programas de incentivo do governo como o "Minha Casa, Minha Vida", dentre outras condições mais facilitadas de financiamento para a casa própria.

Os jovens da classe média também têm tido uma parcela importante no crescimento dos consórcios, principalmente no consórcio de automóveis, representando 22% dos consorciados no país.

 

Saiba quanto custa o consórcio do que carro que você quer. Faça uma simulação.



Leia também:

Gostou? Compartilhe!