Quando devo trocar o óleo do carro?

Evite trocar o óleo do carro em postos de combustível com procedimentos duvidosos ou fora das indicações que constam no manual do proprietário.

Quando devo trocar o óleo do carro?
Trocar o óleo do carro na quilometragem certa é fundamental

Trocar o óleo do carro dentro dos prazos ou quilometragens estipuladas pelo fabricante deveria ser uma prática sem margem para dúvidas para 100% dos motoristas. Tal como calibrar os pneus regularmente e na pressão correta, abastecer com combustível adequado e fazer revisões periódicas, trocar o óleo no momento certo é garantia do perfeito funcionamento do motor.

Um motor automotivo não poderia funcionar “a seco”, já que simplesmente emperrariam tantas engrenagens e componentes metálicos em constante atrito. Por isso, todo motor precisa contar com o óleo lubrificante apropriado, de maneira a garantir o movimento de todas as partes móveis do motor de um carro.

Cuidados ao trocar o óleo do carro

Uma dúvida comum entre motoristas é saber se o óleo deve ser trocado completamente ou se precisa ser apenas completado. Não custa relembrar que o manual do proprietário é sempre a referência, mas, no geral, trocar o óleo do carro é um serviço a ser realizado de uma só vez, de preferência junto com a bomba de óleo, para evitar mistura de óleo velho e novo.

Como identificar barulhos no carro

A exceção se aplica a carros antigos e acima da faixa dos 100 mil quilômetros rodados. Nesses casos, pode ser que uma completada com um litro de óleo a cada 1000 quilômetros possa ser necessária, uma vez que motores mais velhos podem queimar óleo. De qualquer forma, essa é uma medida que vai depender da correta avaliação do nível de óleo.
 

Como saber com precisão se o nível de óleo está abaixo ou acima do normal

Ao contrário do que sugerem muitos frentistas, completar o óleo não deve ser feito apenas com uma rápida avaliação na vareta. Em primeiro lugar, para que o nível do óleo seja aferido corretamente, deve-se aguardar com o carro parado por pelo menos cinco minutos, para que a leitura seja feita de forma precisa. Desconfie de profissionais que atestam insuficiência de óleo assim que você para seu carro.

A quilometragem indicada para trocar o óleo do carro, normalmente, fica entre 10 e 15 mil quilômetros, embora em alguns casos possa ser até menos, dependendo das condições de rodagem a que o carro seja submetido.

Outro cuidado importante é com o tipo de óleo a ser utilizado. Trocar o óleo do carro com especificações diferentes em base (mineral, semi sintético ou sintético) ou viscosidade pode causar danos irreversíveis ao motor. Na dúvida, deve ser sempre consultado o manual do proprietário ou, na falta dele, um profissional qualificado em oficina mecânica de credibilidade.

Gostou? Compartilhe!
Julio Benck Julio Benck

Jornalista em permanente formação, entende que toda profissão tem sua arte e uma beleza característica, é só saber encontrar.

Na Web: