A média de preços dos tratamentos para celulite

Entenda por que ocorre e qual o impacto dos tratamentos para celulite na melhora do aspecto da sua pele.

A média de preços dos tratamentos para celulite
Entenda o que é importante na hora de escolher o tratamento para celulite mais adequado

GANHE UM INCENTIVO EXTRA PARA ficar mais bonitasaiba como

A motivação da celulite é majoritariamente ligada ao sexo feminino. Estima-se que 90% das mulheres têm tendência a desenvolver ao longo da vida. Por uma imposição da sociedade, a celulite é considerada um problema estético que “precisa” ser resolvido. Para quem pretende resolvê-lo, a boa notícia é que existem tratamentos para celulite que prometem reduzir o seu aspecto e a má é que ainda não há cura completa. Entenda, a seguir, o que é, por que ocorre e quais são os tratamentos para celulite mais eficazes.

Tratamentos para celulite - Entenda primeiro o que é

A celulite é causada por irregularidades na pele – que dão aquele aspecto de casca de laranja. Essas irregularidades são devidas a desarranjos no tecido subcutâneo. Explica-se: debaixo da nossa pele, há sempre um tecido de gordura, chamado de tecido adiposo. E, debaixo desse tecido, estão os músculos que atravessam a camada de tecido adiposo com as suas fibras que os conectam à camada superior da pele. Quando essas fibras têm baixa elasticidade e há um acúmulo de gordura na região, essas irregularidades ficam visíveis na camada superior da nossa pele.

Isso acontece porque, enquanto a camada da pele traciona o músculo na direção de sua raiz, a camada de gordura o empurra para cima ao mesmo tempo. E essa “briga” entre os nossos tecidos origina a tão temida deformação da derme. A celulite pode ser classificada em 3 graus:

  • Grau 1: visível apenas se pinçar ou apertar a pele;
  • Grau 2: visível, com aspecto de laranja. Tateando, é possível notar a presença de pequenos nódulos que não são visíveis;
  • Grau 3: visível, com aspecto de laranja e sobrelevações e nódulos evidentes.

Bom e barato: 15 receitas de beleza para fazer em casa

Tratamentos para celulite e preços

Agora que já entendeu o que é a celulite, veja quais são os principais tratamentos para reduzir o seu aspecto, onde atuam e qual é a média de preços praticados.

Drenagem linfática

É uma massagem indicada para todos os graus de celulite, que estimula a eliminação de toxinas e de líquidos retidos nos tecidos. Por consequência disso e dos movimentos da massagem, a circulação sanguínea também é estimulada. Por isso, o aspecto da pele melhora como um todo. Cada sessão dura 50 minutos. Para atingir melhores resultados, é recomendado que se faça a drenagem regularmente.

Preço médio: R$ 100/sessão avulsa e R$ 80 em um pacote de 10 ou mais sessões.

Massagem modeladora

Enquanto a drenagem linfática atua eliminando as toxinas do corpo, a massagem modeladora tem efeito sobre o tecido adiposo. Para chegar a essa camada, é necessária uma massagem com movimentos mais firmes e repetitivos. Com a manipulação da gordura, os resultados são a vasodilatação, aumento da oxigenação local e metabolismo mais rápido. Tudo isso contribui para reduzir a flacidez e o tecido de gordura. É indicada para os casos de celulite motivados pela gordura localizada. Para casos genéticos ou por flacidez da pele, não é o tratamento para celulite mais recomendado. Cada sessão dura 40 minutos, em média.

Preço médio: R$ 90/sessão avulsa e R$ 70 em um pacote com 10 ou mais sessões.

Cremes anti-celulite

FIQUE EM BOA FORMA
Dentro de casa ou no trabalho é preciso estar atento a saúde. Cadastre-se e receba as melhores dicas.

Os mais indicados são os cremes que contêm retinoides ou metilxantinas, que atuam sobre a camada de gordura da pele, diretamente. No entanto, é mais indicado para as celulites de grau 1 e depende também da predisposição genética. Para os graus mais avançados, o uso do creme pode ser combinado a sessões de tratamento estético.

Porém, os cremes anti-celulite podem não surtir efeito se a aplicação também não for combinada a uma prática regular de exercícios e a uma alimentação balanceada.

Preço médio: Nivea Q10 – R$ 50,00.

Endermologia

O tratamento não é invasivo e é realizado por uma máquina com um sistema de sucção e dois rolos que estimulam a circulação sanguínea no local e promovem uma drenagem linfática. Além disso, o aparelho também realiza uma esfoliação no local, eliminando as células mortas, e a pele fica com aspecto mais saudável e liso. É recomendada para os graus 2 e 3.

Preço médio: R$ 85.

Radiofrequência

A radiofrequência é um dos tratamentos para celulite mais eficazes. O aparelho utiliza uma radiação eletromagnética de alta frequência, que faz com que as moléculas de água do corpo se agitem e aumentem a temperatura. Esse processo estimula a produção de colágeno no organismo e reduz as traves fibrosas que retraem o tecido, como explicado anteriormente. O tratamento não é invasivo e é indicado para todos os graus de celulite. Entre todos os disponíveis, também é o que tem mais durabilidade.

Preço médio: de R$ 350 a R$ 1.000 por sessão.

Laser

Na área a ser tratada, é aplicada uma anestesia local. Por meio de duas pequenas e quase imperceptíveis incisões, é inserida a cânula do aparelho, que age destruindo as células de gordura localizada e quebrando os septos fibrosos que causaram a ondulação da pele. Também estimula a produção de colágeno e a flacidez da pele é reduzida. O procedimento leva cerca de 1h30min.

Preço médio: R$ 70.

Outras opções

Existem outros tratamentos para celulite que não contam com o apoio da comunidade médica. Entre eles, estão a carboxiterapia e o ultrassom lipolítico. Isso porque ainda não existem estudos que comprovem os efeitos benéficos de sua aplicação no corpo humano, com fundamentos baseados apenas no âmbito prático. Outra controvérsia é em relação às reações adversas que podem ser causadas no organismo pela aplicação desses tratamentos.

Onde encontrar

É recomendado que as mulheres que se sentem incomodadas com a celulite procurem um tratamento diretamente com o dermatologista. Por ser uma solução estética, a maioria dos planos de saúde não cobre o tratamento. Por isso, outra alternativa é buscar as clínicas de estética. Para os médicos, há controvérsias em relação à preferência pelas clínicas de estética, mas muitas mulheres se submetem ao tratamento nesses locais também por questões financeiras. Em relação à eficácia, vai depender do estabelecimento.

É possível procurar o tratamento em clínicas dermatológicas na sua região. A consulta de avaliação com o dermatologista pode ser coberta pelo convênio médico. Para quem preferir as clínicas de estética, as sessões podem ser marcadas diretamente.

Outra opção para economizar é verificar o site Save Me www.saveme.com.br. Ele reúne os principais sites de compras coletivas e mostra ofertas de acordo com a sua região. Contudo, sempre procure entrar em contato com a clínica e saber mais sobre como funciona o tratamento antes de comprar um pacote. O corpo é seu, por isso todo cuidado é pouco.

Fique em forma e com saúde como você sempre quis. Veja como é fácil..
 

Veja também:

Gostou? Compartilhe!
Gabriela Ventura Gabriela Ventura

Natural de São Paulo, estudante de Publicidade e Propaganda na USP. Não tem hobbies fixos nem rotina, é apaixonada pelo imprevisto. Foi fazer intercâmbio em Lisboa e... estendeu a estadia por tempo indeterminado.

Receba mais informações como esta!

Receba a nossa newsletter

Ao submeter os seus dados receberá a newsletter, ofertas e publicidade enviado por e-konomista.com.br e pelos nossos Parceiros e aceita os Termos e Condições e a Política de Privacidade. Os dados submetidos serão compartilhados com os nossos Parceiros.

Enviar