Trabalhar em casa: veja os direitos e deveres de quem é home office

Se você está pensando em pedir para o seu chefe deixar você trabalhar em casa, clique aqui e veja todos os seus direitos e deveres nessa nova empreitada.

Trabalhar em casa: veja os direitos e deveres de quem é home office
Trabalhar em casa não é fácil, mas você tem direitos e deveres a cumprir

O Home Office têm crescido muito nos últimos anos e não é uma prática tão recente como se imagina. Hoje o sistema de trabalhar em casa serve tanto para evitar problemas com o trânsito intenso, quanto para gerar economia e atrair jovens funcionários.

6 lugares alternativos para substituir o home office em SP e no RJ

Prefere Home Office? Veja os direitos e deveres quem trabalhar em casa

Esse tipo de trabalho teve sua origem no século XVI, na Europa. Os artesãos produziam em seus casas, sob a dependência econômica dos empresários que lhes forneciam matéria-prima, dinheiro e, às vezes, material de trabalho e equipamentos. Hoje, trabalhar em casa é um sonho para alguns e realidade outros. Mas a verdade é que Home Office não é para todo mundo, para ter sucesso, seu cargo precisa permitir que você não esteja no escritório todos os dias e você tem que ser disciplinado, criar seus horários de trabalho, refeição, entre outros. Uma das vantagens é que você pode trabalhar em casa e ter seus direitos trabalhistas resguardados. A confiança entre as partes ainda é o elemento mais importante quando falamos em trabalhar em casa, pois exige um elevado grau de confiança e responsabilidade entre trabalhador e empregador..

As leis para funcionários quem vão trabalhar em casa são exatamente as mesmas das aplicadas a um funcionário “normal”. No contrato, devem estar estipulados a jornada de trabalho e o período em que você deve trabalhar. Direitos trabalhistas como registro em Carteira do Trabalho, salários, FGTS, 13º salários, férias mais abono de 1/3 e outros previstos em normas coletivas e internas aplicam-se ao trabalho remoto.

ENCONTRE A OPORTUNIDADE
QUE VOCÊ
PRECISA

As empresas tem como responsabilidade fornecer condições para que o colaborador desenvolva as suas tarefas ao trabalhar em casa e que tenham à sua disposição meios informatizados de controle e supervisão do desenvolvimento das tarefas. Nos casos que há necessidade em acessar a intranet da empresa, o controle pode ser realizado por meio da restrição do acesso ao sistema somente para os horários de trabalho estipulados no contrato. As empresas também tornam-se responsáveis pelo cumprimento das normas referentes à segurança e medicina do trabalho no Home Office.

Vantagens para empresas:

  • Economia com empregados
  • Facilidades de mudança do ramo de atividade
  • Produtos e serviços melhores com custos menores.

Vantagens profissionais:

  • Auto-gerenciamento profissional
  • Privacidade, desde que planejada
  • Redução de custos (transporte, refeição)
  • Maior liberdade profissional

Desvantagens pessoais:

  • Indefinição de horários de trabalho e lazer, se não houver planejamento e disciplina
  • Perda de privacidade pessoal
  • Possibilidade de excesso de carga de trabalho
  • Tendência ao isolamento social

Desvantagens profissionais:

  • Falta de atualização profissional em processos gerenciais
  • Ambiente de trabalho confinado

Desvantagens para empresas:

  • Interferência de assuntos domésticos nos assuntos profissionais
  • Dificuldade de monitoramento dos trabalhadores

Já gostaria de trabalhar em casa? Deixe seu comentário, duvida ou sugestão aqui embaixo.

Baixe o aplicativo para ver as vagas de emprego do dia no seu smartphone


Veja também:

Gostou? Compartilhe!
Receba mais informações como esta!

Receba a nossa newsletter

Ao submeter os seus dados receberá a newsletter, ofertas e publicidade enviado por e-konomista.com.br e pelos nossos Parceiros e aceita os Termos e Condições e a Política de Privacidade. Os dados submetidos serão compartilhados com os nossos Parceiros.

Enviar