8 sensações que as noivas têm ao experimentar o vestido pela primeira vez

Pode ser amor à primeira vista, pode se emocionar ou detestar o modelo. Saiba o que as noivas sentem quando experimentam o vestido.

8 sensações que as noivas têm ao experimentar o vestido pela primeira vez
Entenda os dramas e triunfos das noivas na saga de encontrar o vestido perfeito

CARTÃO DE CRÉDITO SEM ANUIDADEsaiba como ter o seu

Procurar casa, fazer lista de convidados, procurar buffet, enviar convites, chá de cozinha, escolher cores padrão, lembrancinhas, cardápio. Toda noiva busca um casamento perfeito, mas talvez a tarefa mais árdua seja a de encontrar o vestido ideal, com o caimento ideal e, claro, o preço ideal.

Veja quais são as tendências de vestidos de noivas 2016 e escolha o seu preferido

O que as noivas pensam?

Quem nunca organizou um evento vai provavelmente perder a cabeça com alguns fornecedores até chegar às expectativas. Quem já organizou eventos provavelmente terá mais prática para lidar com os contatos, mas mais pessoalidade envolvida por ser o próprio casamento. O que raios elas pensam quando experimentam o vestido, aquele item que vai marcar o grande dia? Saiba aqui.

1. Amor à primeira vestida

reacaodasnoivas


Às vezes a noiva pode dar a sorte de encontrar o vestido dos sonhos na primeira loja que visita. É raro, mas pode acontecer. Assim como também pode acontecer de ela amar à primeira vista e depois de algumas visitas para fazer ajustes, começar a achar comum demais. Ou até mesmo se apaixonar por outro modelo quando está comprometida com outro vestido? E o que fazer? O ideal é visitar várias lojas. Quem se deslumbra fácil vai se encantar com muuuitos modelos até encontrar o perfeito.

O vestido harmoniza com tudo, inclusive com o cabelo: veja os melhores penteados para casar em 2016

2. Desculpe, mas eu vou chorar

DICA DO E-KONOMISTA
Na hora de planejar o casamento dos seus sonhos, atenção para que as suas finanças não se transformem num pesadelo. Usar o cartão de crédito certo pode lhe ajudar, confira!

Chorar. Encontrar o modelo perfeito e ver que caiu como uma luva e visualizar a aparência impecável no dia do casamento pode emocionar os corações das noivas. Por isso, chorar quando se vê vestida naquele vestido maravilhoso é uma das reações das noivas quando experimentam o modelo preferido pela primeira vez. É amor!

Veja os melhores estilos de bouquet de noiva para combinar com o seu vestido

3. Detestar o modelo

reacaodasnoivas


A noiva detestou. A mãe e as amigas, por outro lado, acharam perfeito. O que fazer nesses casos? Tentar gostar do modelo só porque elas amaram não é a melhor solução. Quem tem que se sentir linda usando o vestido é só e somente a noiva. Às vezes, sucumbir à opinião dos outros pode nos decepcionar. Por outro lado, que tal também tentar ceder e ver o modelito com outros olhos? Tente experimentar outra vez em outra data e com o humor diferente e veja se você consegue se visualizar usando-o no grande dia.

Já sabe onde passar a Lua de Mel?Baixe o app grátis e fique de olho nas oportunidades de passagens e hospedagem!


4. Gostar do vestido mais caro

Amei. Amei. E amei mais um pouquinho. Algumas noivas podem gostar mais do vestido do que do noivo. O problema é quando o modelito foge do orçamento e a moça se vê num impasse. Ou segura daqui e dali, corta um pouquinho nas despesas gerais e encaixa o modelo perfeito no bolso... Ou vai ter que praticar o desapego e, infelizmente, esquecer o vestido de valor exorbitante. É por isso que, no checklist, o vestido deve ser um dos primeiros itens a fechar. Assim você fica linda e já sabe quanto vai sobrar para o restante dos itens do evento.

Não se esqueça da Lua de Mel: programe-se e conheça os destinos mais baratos para 2016

5. Ui, acho que estou gordinha

Mais um motivo por que o vestido deve ser um dos primeiros itens do seu checklist depois que foi pedida em casamento. Isso porque às vezes o modelo vai requerer uma dieta. E fazer dieta sempre tem que ser com cuidado, pois perder muito peso em pouco tempo pode por a saúde em risco e fazer com que não alcancemos a rigidez necessária para os músculos. Por isso, pelo menos 6 meses antes da data, você deve escolher um vestido sendo realista o suficiente para organizar a sua dieta e fazê-la caber nesse espaço de tempo – e no vestido perfeito.

A maquiagem também é importante: conheça os piores erros e garanta que não aconteça com você

6. Não vou conseguir dançar, mas é lindo

reacaodasnoivas


Tem também quem pondere abrir mão do conforto só para estar impecável no grande dia. Às vezes os modelos são tão justinhos que a mobilidade fica comprometida. O ideal é escolher sempre um modelito confortável, pois ninguém quer ter dores na lua-de-mel, não é mesmo? Por isso, se você avalia perder o conforto só para estar linda, esqueça. Tem muitos outros modelos de vestidos por aí que com certeza te tirarão o fôlego – mas não do jeito literal, ok?

7. Amei, mas vai precisar de muito ajuste

E as noivas miudinhas também podem sofrer para achar um vestido que se adapte às suas curvas menos salientes. Geralmente, quem é magrinha e pretende alugar um vestido ao invés de comprar, se vê obrigada a fazer muitos ajustes até que o caimento fique perfeito. O problema é que quanto mais ajustes precisar o vestido, menos perfeito ele vai ficar. Por isso, escolha sempre um modelo que não precise de várias visitas à costureira, ok?

Veja qual é o novo tipo de celebração de casamento: Unplugged Wedding!

8. É lindo... Mas não tem nada a ver

Quem vai casar na praia provavelmente não escolherá um vestido com cauda e brilhantes, né? É por esse motivo que o ideal é sempre procurar referências de modelos de vestidos na internet para já ir às lojas munida de informações e de ideias do que é perfeito para você. Se o casamento é no inverno, procure por modelos quentinhos. Se é no verão, os mais leves. O evento será de dia ou à noite? Responder a essas e outras questões vai ser crucial para determinar o modelo perfeito que mais tem a ver com a sua personalidade e o seu casamento.

Que tal ter um cartão de crédito livre de anuidade? Saiba como ter o seu.


Veja também:

Gostou? Compartilhe!
Gabriela Ventura Gabriela Ventura

Natural de São Paulo, estudante de Publicidade e Propaganda na USP. Não tem hobbies fixos nem rotina, é apaixonada pelo imprevisto. Foi fazer intercâmbio em Lisboa e... estendeu a estadia por tempo indeterminado.

Receba mais informações como esta!

Receba a nossa newsletter

Ao submeter os seus dados receberá a newsletter, ofertas e publicidade enviado por e-konomista.com.br e pelos nossos Parceiros e aceita os Termos e Condições e a Política de Privacidade. Os dados submetidos serão compartilhados com os nossos Parceiros.

Enviar