Pulseira infantil com GPS é opção para monitorar e rastrear crianças

Quer saber como ter mais cuidado com os seus pequenos? Conheça a pulseira infantil com GPS e veja como se sentir mais seguro com seus filhos em qualquer lugar.

Pulseira infantil com GPS é opção para monitorar e rastrear crianças
Conheça o localizador de criança com GPS e respire mais aliviado

Perder um filho é uma situação de extremo desespero para os pais e também é um perigo para a criança. Por isso, a pulseira infantil com GPS promete diminuir a tensão dos pais, além de tornar mais seguros os passeios com as crianças. Basta colocar o dispositivo na mochila ou no bolso da criança e conectá-lo a um celular, computador ou tablet com acesso à internet e o aparelho indicará onde a criança está.

Como funciona a pulseira infantil com GPS

A pulseira infantil com GPS é uma tecnologia de localizador de crianças. Apesar der ser pouco conhecido no Brasil, o aparelho tem despertado a curiosidade de muitos pais que temem que os pequenos desapareçam.

É um dispositivo que permite que você saiba onde o seu filho está e para onde ele está indo. A pulseira infantil com GPS funciona por meio de um dispositivo de localização que pode ser colocado no bolso ou na mochila das crianças.

Depois é só os pais conectar o aparelho a um celular, computador ou dispositivo móvel para saber onde estão os filhos. Isso faz com que os pais não precisem ficar o tempo todo telefonando para saber aonde eles se encontram.

Alguns modelos de localizadores de crianças são em formato de relógio, mais discretos e difíceis de serem perdidos ou esquecidos. Outra vantagem é que se alguém tentar arrancar ou tirar o bracelete da criança, os pais receberão uma mensagem de texto no celular e uma notificação sobre isso.

Preços e opções de mercado

Existem algumas opções de mercado para esse dispositivo, e a média de preço é de R$170,00. Uma marca bem conhecida é o Guardian, o dispositivo é uma peça feita em policarbonato, material similar ao usado em mamadeiras, e pode ser usado pendurado em um cordão, acoplado a um bracelete ou preso à roupa e mochilas, por exemplo.

A outra é o bracelete LifeCode, que possibilita o armazenamento de informações completas sobre o histórico médico do usuário, além das crianças, ele pode ser usado para pessoas com doenças urgentes que precisam de cuidados médicos. Em caso de acidente ou de uma emergência, o bracelete é facilmente identificável por conta do símbolo mundial da saúde. O LifeCode é indicado para esportistas amadores ou profissionais, crianças, idosos, viajantes pessoas sujeitas a trabalhos de risco além de pacientes que passam por longos tratamentos ou possuem doenças crônicas.

Veja também:

Gostou? Compartilhe!
Elisabete Machado Elisabete Machado

Brasileira, natural de São Paulo, formada em Comunicação Social com ênfase em Jornalismo e Pós-graduada em Fundamentos da Cultura e das Artes pela Universidade Estadual Paulista. Possui trabalhos na área de Jornalismo Cultural e Assessoria de Imprensa.

Receba mais informações como esta!

Receba a nossa newsletter

Ao submeter os seus dados receberá a newsletter, ofertas e publicidade enviado por e-konomista.com.br e pelos nossos Parceiros e aceita os Termos e Condições e a Política de Privacidade. Os dados submetidos serão compartilhados com os nossos Parceiros.

Enviar