7 atitudes proibidas na hora de pedir aumento de salário

Reclamar, comparar com colegas e falar da vida pessoal definitivamente não irá te favorecer. Conheça atitudes terríveis na hora de pedir aumento de salário.

7 atitudes proibidas na hora de pedir aumento de salário
Descubra o que não fazer ao pedir aumento de salário.

Pedir aumento de salário é um momento delicado da relação entre trabalhador e empregador. Há muitas coisas que passam pela cabeça do trabalhador na hora de pedir aumento salarial, e a maioria delas fazem com que ele tenha medo de que o pedido acabe por prejudicar a sua posição. 

Alguns se questionam se realmente merecem o aumento que pedem, ou como a empresa irá interpretar este pedido. Há também quem se sinta frustrado ou injustiçado porque a iniciativa de dar o aumento não foi da empresa, demonstrando reconhecimento pelo trabalhador, ou ainda vê a carreira do colega prosperar mais rápido.

Enfim, são muitas as variáveis que podem gerar tensão e levar a uma atitude errada na hora de renegociar o salário. Para que o pedido de aumento seja um êxito para o trabalhador, é preciso evitar alguns erros que podem ser fatais.

Erros na hora de pedir aumento de salário

Para saber o que NÃO fazer perante o seu empregador, confira 7 dicas que separamos. Desta forma, o pedir aumento pode se tornar uma tarefa mais simples. 

1. Não compare o seu salário com o de colegas

Tentar argumentar que um outro colega que faz a mesma função que você ganha um salário mais alto não vai te ajudar na hora de pedir aumento. Soa anti-ético porque envolve um companheiro de trabalho sem o consentimento dele e tira o foco da negociação. Você deve focar nas suas realizações e contribuições para a empresa. Deixe os colegas fora disso.

2. Não atrolepe a hierarquia

Muitas pessoas que pretendem pedir aumento de salário vão falar com o diretor da empresa, pensando que seria ir direto a quem manda. Na maioria das vezes essa não é a melhor solução. Não é o diretor-chefe que acompanha o seu trabalho de perto para saber se você merece ou não um aumento. Fale com o seu superior imediato, aquele que controla o seu trabalho e sabe dos seus feitos na empresa. Ele tem autoridade e informação suficiente para chegar ao alto escalão e pedir aumento para você.

Como fazer uma entrevista por Skype e se dar bem

3. Não reclame do salário atual

Por mais que dê muita vontade, não é indicado reclamar do seu salário atual pois você o aceitou na hora da contratação. Se você começar a negociação dizendo que seu salário está defasado, irá focar a atenção na reclamação e não nos argumentos que você tem para pedir aumento.

4. Não seja apressado

Querer a resposta do seu chefe ou superior para ontem é outro erro cometido por muitas pessoas. Um aumento não é conseguido da noite para o dia, representa custos a mais para a empresa que precisa analisar se pode arcar com mais esse gasto. Evite pressionar por uma resposta, se o seu chefe não mencionar, pergunte quanto tempo ele acha que pode ter uma resposta para você. Normalmente 15 dias é tempo sufuciente para a empresa analisar, se não acontecer nesses dias, bata à porta do seu chefe e pergunte se há alguma novidade.

10 dicas para negociar salário inicial

5. Não fale de problemas pessoais

A não ser que você seja extremamente íntimo do seu chefe, não é indicado pedir aumento para suprir necessidades pessoais que tenham acontecido. “Minha mulher ficou grávida...” ou “minha mãe está doente..” não é um problema da empresa, infelizmente as empresas não costumam ser sensíveis aos problemas dos funcionários. Se o seu chefe não for também seu amigo não irá se comover, e ter um problema não representa valer mais para a empresa, e assim também custar mais. Foque no profissional.

6. Não supervalorize atitudes comuns

É claro que é importante você analisar e valorizar seus feitos pela empresa, mas algumas pessoas ao pedir aumento de salário acabam supervalorizando seus atos, quando muitas vezes realizá-los não passava de sua obrigação de funcionário. Você deve enfatizar o seu trabalho feito no prazo certo e as atitudes que foram além do que é esperado de um funcionário normal. São esses fatos que vão te dar um salário avantajado, não atitudes de quem só faz o que lhe é pedido.

7. Não perca a cabeça caso receba um não

Deixar os nervos à flor da pele caso a resposta seja negativa é, sem dúvida, a atitude proibida mais séria dentro todas listadas. Esteja preparado para receber um não, pois se você perder a cabeça pode, além de não conseguir um aumento, perder seu emprego. A empresa pode ter motivos para não aumentar o seu salário agora, como um mau momento financeiro, por exemplo. Mas o seu pedido fica registrado e pode ser contemplado mais pra frente. Você pode e deve pedir uma justificativa para o não e perguntar o que deve fazer para merecer o aumento. Prepara-se para qualquer resposta e mantenha a calma.

Gostou? Compartilhe!
Ana Luiza Fernandes Ana Luiza Fernandes

Ana Luiza Fernandes é brasileira, natural de Minas Gerais, formada em Comunicação Social com ênfase em Jornalismo e hoje cursa Mestrado em Ciências da Comunicação pela Universidade do Porto, Portugal. Possui trabalhos na área de Jornalismo Cultural, Fotografia, Documentário e Assessoria de Imprensa e é apaixonada pela profissão desde criança.

Na Web:

Receba mais informações como esta!

Receba a nossa newsletter

Ao submeter os seus dados receberá a newsletter, ofertas e publicidade enviado por e-konomista.com.br e pelos nossos Parceiros e aceita os Termos e Condições e a Política de Privacidade. Os dados submetidos serão compartilhados com os nossos Parceiros.

Enviar