Quer comprar um carro sem entrada?

Receba cotações de crédito para comprar o seu carro

Ao submeter os seus dados receberá a newsletter, ofertas e publicidade enviado por e-konomista.com.br e pelos nossos Parceiros e aceita os Termos e Condições e a Política de Privacidade. Os dados submetidos serão compartilhados com os nossos Parceiros.

Seguinte

Pagar IPVA e IPTU à vista é melhor opção para finanças pessoais?

Qual a melhor opção para suas finanças pessoais na hora de pagar IPVA e IPTU, aproveitar o desconto para quem paga à vista ou pagar parcelado? Veja em que situações vale a pena pagar à vista.

Pagar IPVA e IPTU à vista, parcelado ou financiado?
  • Veja em que situações vale a pena pagar IPVA e IPTU à vista.

O ano mal começou e já está na hora de começar a pagar impostos. Além de pagar IPVA e IPTU, é  preciso também de prestar contas ao Leão. Por isso, é melhor começar a rever as suas finanças pessoais agora, para não começar o ano com uma bola de neve.

 

Uma dúvida que sempre surge, é se vale a pena pagar IPVA e IPTU à vista, por causa do desconto, ou se é melhor pagar parcelado. Como tudo na vida, cada caso é um caso.

 

Quer trocar de carro? Faça uma simulação de um consórcio.

 

VALE A PENA PAGAR IPVA À VISTA POR CAUSA DO DESCONTO?

O IPVA- Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores, é um tributo estadual. A alíquota varia de estado para estado, assim como o desconto dado a quem paga à vista. O desconto pode chegar a 10% em alguns, e alguns DETRANs também premiam, com um desconto maior, os motoristas e proprietários que não cometeram nenhuma infração de trânsito no ano anterior.

 

É claro que, no geral, é sempre melhor pagar as suas contas à vista e não acumular dívidas e parcelas. Mas realmente só vale a pena se você tiver o dinheiro totalmente disponível para isto, de modo a não afetar as suas finanças pessoais. De nada adianta deixar de pagar alguma conta ou prestação para pagar IPVA à vista, se os juros pelo atraso podem ser maiores que o desconto que você vai ganhar.

 

Veja também: Como calcular IPVA

 

Verifique o desconto oferecido para o pagamento à vista no DETRAN do seu estado. Se você não tem condição de pagar à vista, a solução que lhe resta é realmente parcelar. Em todo caso, tente pagar no menor número de parcelas possível.

 

Para o próximo ano, o ideal é fazer um planejamento financeiro, com uma reserva mensal para que você consiga pagar o IPVA à vista e aproveitar o desconto. 

 

E O IPTU, É MELHOR PAGAR À VISTA OU PARCELADO

O IPTU é o Imposto Predial e Territorial Urbano, e é um tributo municipal. Ou seja, é regulado pela Prefeitura da sua cidade, e o valor varia de bairro para bairro. Da mesma forma como o IPVA, também há desconto para os proprietários de imóveis que pagam o imposto à vista, e este valor também varia de cidade para cidade. 

 

O desconto para quem paga o IPTU à vista, pode variar entre 5%, 8% e até 10%. E a dica aqui é a mesma para o caso do IPVA. Se você tem o dinheiro reservado numa poupança ou conta corrente para este fim, de modo a não prejudicar as suas finanças pessoais, pague o tributo à vista. Caso contrário, pague as parcelas mensais. 

 

VALE A PENA RESGATAR APLICAÇÃOES FINANCEIRAS PARA PAGAR IPVA E IPVA À VISTA?

Esta questão também é relativa, é preciso fazer contas. Veja quanto rende mensalmente a sua aplicação e quanto precisará pagar pelo resgate antecipado. Se ainda assim, este valor for inferior ao que você paga de juros embutidos nas parcelas do IPVA e do IPTU, então vale a pena. Se ficar quase elas por elas, mais vale parcelar os impostos, e pagar na menor quantidade de parcelas possíveis.

 

E PEDIR UM FINANCIAMENTO PARA PAGAR AS CONTAS, É UMA BOA OPÇÃO?

Normalmente, nesta época do ano, os bancos oferecem financiamentos e empréstimos para o pagamento das contas de começo de ano. Os juros, no geral, podem variar entre 2% a 3,5%. Mais uma vez, é uma questão de por contas na ponta do lápis e ver o que é mais vantajoso para as suas finanças pessoais. 

 

Mas raramente os juros embutidos cobrados para pagar IPVA e IPTU parcelados são mais altos do que os juros do banco. Por isso, esta não parece uma boa opção.

 

Leia também » 5 aplicativos gratuitos para ter as finanças pessoais em dia.

Gostou? Compartilhe!
Redação E-konomista Redação E-konomista

O E-konomista é um portal on-line que busca fornecer dicas sobre economia em diversos aspectos da vida. Caso queira contactar a nossa redação, envie um e-mail para o info@e-konomista.com.br.