Olimpíadas de Tóquio: quanto você precisa economizar por dia para ir?

As Olimpíadas mal terminaram, mas você não consegue mesmo é para de pensar nas Olímpiadas de Tóquio em 2020? Veja quanto precisa economizar para ir.

Olimpíadas de Tóquio: quanto você precisa economizar por dia para ir?
Poupando daqui a 2020, é possível conhecer a terra do Mario

Muita gente ficou inconsolável com o fim dos Jogos Olímpicos do Rio no último domingo e com a surpresa armada pelo Japão, não consegue parar de pensar nas Olímpiadas de Tóquio, que acontecerão em 2020. Pois bem, saiba que com os quatro anos que temos pela frente, é possível você economizar para acompanhar os jogos.

Economia por dia para ir às Olimpíadas de Tóquio

Os jogos no Japão acontecerão de 24 de julho a 9 de agosto de 2020, o que nos dá 47 meses para fazermos uma poupança para assistir às Olímpiadas de Tóquio. Com este número em mente, vamos às contas para descobrirmos quanto é necessário economizar por dia para conhecer a terra do Super Mario Bros e do Pokémon.

Os custos que precisam ser considerados são: passaporte, emissão de visto, passagens aéreas, hospedagem, alimentação e ingressos. 

Passaporte e emissão de visto para o Japão

O passaporte brasileiro tem validade de 10 anos, então se você estiver muito ansioso, pode começar fazendo isso, pois o documento terá validade até os Jogos. Inicicalmente você deverá agendar a emissão no site da Polícia Federal, pagará uma taxa de R$ 257,25, e depois irá até o endereço escolhido para seguir os tramites necessários.

Quanto ao visto, realmente será necessário esperar, considerando que ele tem validade de apenas 3 meses. Deixe para fazer isso quando estiver perto da data de viajar. O custo atual, incluindo a taxa de serviço, é de R$ 240.

Passagens aéreas para Tóquio

A menos que você localize o Mario e ele lhe empreste o cano capaz de levá-lo do Brasil ao Japão sem custo, você precisará de passagens aéreas para viajar. E esta será uma das partes mais caras da sua viagem.

Fizemos uma cotação no Google Flights com data de partida em 01 de junho e retorno 16 de junho (pois ainda não é possível comprar passagens para as datas das Olimpíadas de Tóquio) e os valores partem de R$ 4.200 (com uma parada) e chegam a R$ 6.140 (com uma parada). Vale destacar também que não existem voos diretos do Brasil para o Japão e que consideramos partidas do Rio de Janeiro.

É preciso lembrar que em alta temporada ou ocasiões atípicas, como é o caso das Olimpíadas, os preços de passagens aéreas costumam subir, então busque ter uma reserva maior.

Hospedagem e Alimentação

Segundo o levantamento do Price of Travel sobre um dia de mochilão em 136 cidades do mundo, é possível ter cama em um hostel bom e barato; 3 refeições baratas; 1 atração cultural paga; 2 passagens de transporte público; e 3 cervejas baratas em Tóquio por um custo diário de R$ 77,05. Considerando que serão 16 dias na cidade japonesa, a estimativa é que você gaste R$ 1232,87.
Já uma hospedagem barata (albergue) pode custar a partir de U$ 23,93 ou R$ 77,20, na cotação atual. Em 16 dias seriam aproximadamente R$ 1235,20

Ingressos para as Olimpíadas de Tóquio

Como ninguém vai querer atravessar o oceano para ficar de fora dos estádios onde ocorrerão os jogos, é preciso calcular os valores dos ingressos.

Ainda não foram anunciados os preços para as Olimpíadas de Tóquio, mas na Rio-2016, os preços variavam de R$ 40 a R$ 4600 (melhor lugar da cerimônia de abertura). Por isso, se em 16 dias de jogos você assistir a 10 eventos, poderá gastar mais de R$ 4 mil, dependendo dos jogos escolhidos e lugares para sentar. Claro que isso apenas se os preços forem similares aos do Brasil.

Quanto é preciso economizar

Somando todos os gastos, você terá um custo aproximado de R$ 257,25 + R$ 20 + R$4200 + R$ 1232,87 + R$ 4000 + R$ 1235,20 = R$ 10945,32.

Para uma viagem sozinho você precisará portando guardar R$ 232,88 por mês, durante os 47 meses até as Olimpíadas de Tóquio. Por dia seria necessário economizar R$ 7,76.

Dica

Apenas juntando este dinheiro, considerando inflação e alterações de preços, talvez você não tenha o suficiente para a viagem. Neste caso a melhor opção é conversar com seu gerente de banco, para que le possa ajudá-lo a encontrar um investimento que torne possível juntar o máximo de rendimentos até 2020. 

Veja também:

Gostou? Compartilhe!
Redação E-konomista Redação E-konomista

O E-konomista é um portal on-line que busca fornecer dicas sobre economia em diversos aspectos da vida. Caso queira contactar a nossa redação, envie um e-mail para o info@e-konomista.com.br.

Receba mais informações como esta!

Receba a nossa newsletter

Ao submeter os seus dados receberá a newsletter, ofertas e publicidade enviado por e-konomista.com.br e pelos nossos Parceiros e aceita os Termos e Condições e a Política de Privacidade. Os dados submetidos serão compartilhados com os nossos Parceiros.

Enviar