Neon é o mais novo banco digital sem anuidade

Confira informações sobre o Neon, novo banco 100% digital e sem anuidade que garante ao consumidor mais liberdade que as instituições tradicionais.

Neon é o mais novo banco digital sem anuidade
Serviço promete acabar com as amarras dos bancos tradicionais

Imagine um banco digital (e com toda a facilidade que isso significa) e ainda sem nenhum tipo de anuidade. Esse é o Neon, novo banco que chega ao mercado financeiro do Brasil e promete livrar os clientes das amarras dos bancos tradicionais.

O E-konomista buscou todas as informações sobre esse novo serviço, as vantagens e desvantagens do produto e se ele é mesmo uma boa opção e vale a migração de um banco tradicional. Confira!

Como funciona o Neon

O banco Neon tem como slogan ser “tipo um banco, só que sem taxas abusivas”. É claro que a ideia de oferecer os mesmos serviços que um banco convencional, só que sem o tanto de taxas que esses cobram é um ponto que chama atenção, mas além disso, o Neon é um banco 100% digital.

Sua sede (da startup, no caso) fica em São Paulo, mas isso não quer dizer que ele tenha nenhuma agência física.

Para quem ficar em dúvida sobre a procedência da empresa, ela é uma espécie de versão repaginada e evoluída da Controly, startup que oferecia um cartão pré-pago Mastercard, além de um aplicativo para o controle das finanças. Portanto, a empresa já é conhecida e reconhecida no mercado.

Como banco, o Neon também é uma renovação do Pottencial, com sede em Belo Horizonte, e que decidiu apostar em um público jovem e ligado à tecnologia, acabando assim com o sistema físico de agências.

Como abrir uma conta

Para abrir uma conta o Neon o processo é simples. Basta baixar o app do banco, que está disponível para dispositivos Android e iOS.

O cliente preenche seus dados pessoais - nome completo, CPF e endereço. Por ser um banco digital, o app pede que o usuário tire uma selfie, que servirá como um tipo de senha do banco.

Além da foto do cliente, são cadastradas uma sequência numérica e uma foto do RG ou CNH. Tudo para garantir o máximo de segurança para o consumidor.

Há também uma série de perguntas baseadas em outros cadastros seus na internet, podendo ser coisas como o nome de uma empresa que você trabalhou ou o nome de um parente próximo, como o pai.

Antes de a conta ser de fato liberada, o cadastro passa por uma análise da empresa Neon. Caso seja aprovado, o cliente recebe um depósito inicial de R$100,00 para começar a movimentar sua conta.

Diferenciais do Banco Neon

Sendo totalmente online, o cliente tem autonomia sobre todas as suas transações. Porém, precisando de uma ajuda, querendo tirar qualquer dúvida ou resolver algum problema, o consumidor conta com um atendimento por telefone ou via chat, disponíveis 24 horas por dia.

Realmente, o banco não cobra taxas de anuidade ou manutenção da conta. Mas para cada operação realizada na conta é cobrado o valor de uma tarifa.

Todo mês, a primeira transferência e o primeiro saque na rede 24h são gratuitos. Depois, a taxa para cada transferência custará é de R$3,50. Já a tarifa cobrado por saque é de R$6,90 da conta. Gerar um boleto custará R$2,50

As compras internacionais terão IOF (6,38%) + 4% mais o valor do câmbio em dólar.

Veja também:

Gostou? Compartilhe!
Receba mais informações como esta!

Receba a nossa newsletter

Ao submeter os seus dados receberá a newsletter, ofertas e publicidade enviado por e-konomista.com.br e pelos nossos Parceiros e aceita os Termos e Condições e a Política de Privacidade. Os dados submetidos serão compartilhados com os nossos Parceiros.

Enviar