Melhores motos para mulheres

Exigentes e sempre em busca de conforto, praticidade e beleza, as motociclistas priorizam motos para mulheres que representem liberdade em termos de transporte de volumes e uso de roupas

Melhores motos para mulheres
Motos para mulheres testadas e aprovadas por elas

O público feminino vem ganhando cada vez mais espaço no segmento motociclístico, dominado por homens num passado que vai ficando cada vez mais distante. Hoje, existem motos para mulheres que atendem muito bem às exigências delas por conforto, praticidade, espaço para conduzir pertences e outras facilidades.

Destacamos as principais motos para mulheres do mercado, algumas feitas sob medida para o público feminino.

Conheça as 7 favoritas

Dafra Smart Joy (R$ 6.990)

É o caso da scooter Dafra Joy, pensada desde o seu projeto para as mulheres, com base em pesquisas feitas pela montadora. Com 125cc, a Smart Joy é tudo que elas querem, pois conta com câmbio automático CVT, palheta de cores personalizável e um elemento muito importante, um espaçoso compartimento para objetos embaixo do banco.

Dafra Smart Joy

Honda Lead (R$ 7.209)

Praticidade é o principal atrativo da Honda Lead, que conta com uma vasta plataforma para apoio dos pés e boa proteção para as pernas. Isso permite as suas condutoras usar qualquer tipo de vestimenta sem maiores riscos. Conta com partida elétrica, câmbio automático e um ótimo espaço para acomodar pertences.

Suzuki Intruder 125 (R$ 6.990)

Saindo um pouco do terreno das scooters, a Intruder 125cc é uma boa opção entre motos para mulheres pela sua altura relativamente baixa. A simpática custom conta com assento com boa largura e, como tal, deixa a motociclista numa posição de pilotagem confortável. Por ser leve, é fácil de conduzir e seu bagageiro possibilita o transporte de um razoável volume.

Honda Biz 100cc e 125cc (R$ 6.000 e R$ 7.970)

A Honda Biz, já não é de hoje, faz sucesso com o público feminino graças à ausência de manopla de embreagem. Não apenas isso, a moto, embora pequena, possibilita viagens um pouco mais longas, podendo até ser utilizada a trabalho. Pesquisa da Honda revelou que mais de 70% do público que compra a Biz é feminino.

Honda Biz 100cc e 125cc

Yamaha Fazer 150 (R$ 8.190)

Obviamente, nem todas as motos para mulheres precisam ser motos pequenas ou scooters. Para as que valorizam um design street e um pouco mais de potência, a Fazer 150 pode ser uma ótima escolha, embora não ofereça tanto conforto e acomodação para volumes maiores.

Suzuki Burgman 125 (R$ 9.490)

A Suzuki Burgman é a pioneira das scooters no Brasil, e de cara fez (e continua fazendo) sucesso com o público feminino. Ela tem todas as características procuradas pelas mulheres, uma boa plataforma para os pés, espaço embaixo do banco para guardar coisas e segurança para usar qualquer tipo de vestimenta. O ponto não tão atraente é o preço, um dos mais salgados da categoria.

Suzuki Burgman 125

Dafra Zig +50 (R$4.890)

Já com a Zig +50, o preço é o principal atrativo, por ser um dos menores do mercado. Embora bastante parecida com a Biz, a Zig não é recomendada para as motociclistas mais experientes, já que não é apropriada para percorrer terrenos mais acidentados ou transitar pelo precário asfalto em zonas urbanas.

Veja também:

Gostou? Compartilhe!
Receba mais informações como esta!

Receba a nossa newsletter

Ao submeter os seus dados receberá a newsletter, ofertas e publicidade enviado por e-konomista.com.br e pelos nossos Parceiros e aceita os Termos e Condições e a Política de Privacidade. Os dados submetidos serão compartilhados com os nossos Parceiros.

Enviar