7 motivos para você nunca viajar sozinho

Enumeramos alguns motivos para você desistir dessa ideia maluca de viajar sozinho para terras estranhas

7 motivos para você nunca viajar sozinho
Sem fundamento científico nenhum, está desaconselhado viajar sozinho

Viajar sozinho é uma experiência que jamais deveria ser encorajada. Afinal, para que sair do lugar de origem, conhecer culturas novas, gente nova e expandir os horizontes se o legal mesmo é viver sempre cercado da mesma turma? 

Motivos para nunca viajar sozinho

Quer motivos para desistir dessa ideia de viajar sozinho? A gente dá pelo menos 7!

1. Aprender a se virar sozinho, pra quê?

Quando se viaja sozinho, sem ninguém conhecido por perto, ou uma referência de porto seguro, somos obrigados a encontrar forças que nem imaginávamos que poderíamos ter para realizar tarefas às quais não éramos acostumados. E aí, pergunto: onde que isso vai ser bom? Se posso continuar minha vida inteira na mesma redoma, pensando do mesmo jeito, qual o propósito em aprender a me virar sozinho? Além de arriscado demais, deve ser muito cansativo!

2. Sair da boa e velha zona de conforto...nem pensar!

Estar em lugares desconhecidos, com pessoas e situações com as quais não se está familiarizado pode ser enriquecedor, é o que os loucos que viajam sozinhos dizem. Eles dizem também que ninguém cresce como pessoa se não sair da zona de conforto regularmente. Tudo bem que psicólogos, neurocientistas e diversos especialistas em desenvolvimento humano vivem dizendo isso também, mas eu não acredito nisso e acho bom mesmo é que tudo seja sempre igualzinho.

Viajar Sozinho

3. Saber tomar decisões por si só, vale a pena?

É um tremendo papo furado esse de dizer que viajar sozinho nos treina para tomar decisões mais firmes e assertivas, sobre questões práticas como o que e onde comer, onde dormir, poupar grana...Duvido que sozinho alguém decida algo de bom para si ou para os outros. Na verdade, não sei se deveria viajar sozinho...ou devo?

4. Recarregar as baterias sozinho?

Outra coisa que dizem sobre viajar sozinho é que ter mais tempo para nós mesmos e não para os outros, nos faz sentir revigorados. Tudo porque nossa sobrevivência passa a ser tarefa exclusivamente nossa, aumentando nosso senso de responsabilidade e...ah, fala sério! Desde quando vou me sentir mais disposto por estar fazendo tudo sozinho? Quero mais é ter que me preocupar com a vida dos outros!

5. Conhecer novas pessoas, aonde?

Viajar sem mais ninguém é uma chance para conhecer pessoas totalmente novas, de uma maneira muito mais autêntica. Sendo nós mesmos, num lugar estranho e sem as amarras do dia a dia, dizem, a experiência de conhecer gente nova é bem mais enriquecedora. Não acredito numa só palavra, afinal, aprendi a confiar só em quem tem referências, me apresenta à família, tem a carteira de vacinação em dia e torce pro mesmo time que eu.

Viajar Sozinho

6. Oportunidade de fazer tudo que queria fazer, sei…

Duvido que esse negócio de viajar sozinho seja algo tão bom assim. Qual a graça de poder fazer o que quiser, do meu jeito, e até com quem eu quiser? E, pior, tendo que eu mesmo arcar com a responsabilidade por tudo, sem poder culpar ninguém? Não sei como pode ser divertido viajar sozinho, quando o legal é fazer tudo em função dos outros, e não por mim mesmo.

7. Desenvolver a compaixão, mesmo não sendo um monge

Outra dúvida séria é sobre esse olhar sobre o outro que dizem que a experiência de viajar sozinho traz. Quando estamos sozinhos em locais que não conhecemos, seríamos obrigados a ser mais bondosos com nós mesmos, e isso se refletiria nos outros. Realmente, não sei como eu ficaria mais compreensivo com a minha realidade de outra forma que não seja vivendo totalmente mergulhado nela.

Veja também:

Gostou? Compartilhe!
Receba mais informações como esta!

Receba a nossa newsletter

Ao submeter os seus dados receberá a newsletter, ofertas e publicidade enviado por e-konomista.com.br e pelos nossos Parceiros e aceita os Termos e Condições e a Política de Privacidade. Os dados submetidos serão compartilhados com os nossos Parceiros.

Enviar