Saiba o que é marketing multinível e se dá lucro

Você sabe o é marketing multinível? Muita gente confunde com pirâmide financeira. Saiba como funciona este tipo de negócio e como ter lucros honestos com ele

Saiba o que é marketing multinível e se dá lucro
Descubra o que é marketing multinível e se ele é rentável

ECONOMIZE NOS SERVIÇOS DA SUA CONTA BANCÁRIA saiba como

Você sabe o que é o marketing multinível? Muitas pessoas trabalham nesse tipo de negócio - que é baseado em uma rede de contatos - e conseguem lucro de forma honesta com revenda de produtos e serviços. Mas esse tipo de negócio já esteve na mira da justiça por causa de um esquema chamado pirâmide financeira, que é semelhante ao marketing multinível no entanto é fraudulento e proibido. Empresas e pessoas desonestas disfarçaram negócios ilegais como se fossem empresas de marketing multinível e levaram muitas pessoas que acreditaram no ganho de dinheiro fácil a perder os seus investimentos. Entenda a diferença entre esses dois tipos de negócio e saiba se trabalhar com o marketing multinível é uma prática rentável.

Como investir em ouro em 2016

O que é marketing multinível?

O marketing multinível é um sistema de venda de produtos ou serviços baseado em uma rede de contatos. Várias empresas trabalham com esse tipo de sistema, como a Natura ou Avon, que trabalha com catálogos de produtos de beleza. No marketing multinível, produtos são repassados para vendedores que tem uma relação direta com um fornecedor central.

Mas por que ele é chamado de multinível? Ele tem esse nome porque os revendedores divulgam os produtos, recrutam novos vendedores para vendê-los e passam a ter lucro sobre a venda de produtos das pessoas que ele recrutou. Ou seja, o revendedor tem lucro sobre os produtos que ele vende e sobre os produtos que o seu recrutado vendeu, e assim por diante. Portanto, existem vários níveis de lucro dos vendedores e também da empresa central que fornece os produtos: quanto mais pessoas vendendo, mais o fornecedor central lucra.

Não há nada de ilegal nisso, o modelo de venda direta que inclui também o recrutamento indireto de vendedores e participação nos resultados da venda dos recrutados é algo legalizado e lucrativo. O problema é que muitas pessoas desonestas aproveitaram desse tipo de marketing para criar um esquema fraudulento chamado de Pirâmide Financeira.

Pirâmide Financeira

A Pirâmide Financeira é um esquema semelhante ao do marketing multinível, mas ele é fraudulento pois os lucros não vêm da venda de produtos ou serviços, e sim do próprio recrutamento e do investimento para entrar no esquema. Um negócio é caracterizado como uma pirâmide financeira quando o serviço ou produto oferecido  não existe de fato ou não é a fonte principal dos recursos obtidos pela empresa.

Para ficar mais fácil entender a diferença, veja o exemplo da famosa pirâmide financeira TelexFree, que teve seus bens bloqueados por decisão judicial por ter sido caracterizada como pirâmide financeira.

O esquema de TelexFree

QUER INICIAR O SEU PRÓPRIO NEGÓCIO?
Cadastre-se e receba as melhores dicas, informações e oportunidades para investir no negócio próprio.

Para entrar no esquema da TelexFree, a pessoa precisava ser convidada por outra que já estivesse dentro do negócio e era preciso fazer um investimento inicial comprando uma conta. Cada conta custava em média 1.300 dólares. A partir de então, você teria que fazer 5 anúncios publicitários de um serviço de telefonia via internet em uma determinada plataforma, e você ganharia dinheiro por cada anúncio. A promessa era de que você teria o seu dinheiro gasto na “compra de contas” em poucos meses, e o rendimento do capital investido seria de 200% ao ano. A grande jogada fraudulenta era que: você teria que recrutar outras pessoas para entrar no esquema, a cada pessoa recrutada, você ganharia 100 dólares, e a cada novo anúncio que essa pessoa fazia na tal plataforma, você ganhava 20 centavos. Ou seja, as pessoas geravam lucro não pela venda do serviço de Telefonia via Internet que a empresa fingia estar vendendo – o lucro real vinha da “compra de contas” (investimento inicial) dos demais recrutados e do recrutamento de outras pessoas.  O serviço de telefonia era um mero disfarce.

E por que isso é uma fraude? Porque uma pirâmide financeira tem vida útil determinada. Quem entra no esquema logo de início ganha muito dinheiro porque tem lucro sobre todos os demais recrutados que virão depois deles mas eles sabem que uma hora a pirâmide vai desmoronar. Chega um determinado momento que já não há mais pessoas para se recrutar, não há mais interessados em entrar na rede, e os que ficaram na base da pirâmide (os que entraram por último e tinham intenção de recrutas novar pessoas para recuperar o seu dinheiro inicial) não conseguem continuar com o negócio -  a pirâmide então desmorona. O negócio é lucrativo para quem começou com o esquema, que lucrou em cima de todos os outros, mas para os demais é perda do dinheiro investido, e portanto é crime.  Uma pirâmide financeira dura em média de 1 a 2 anos, dependendo da velocidade que novas pessoas entram no esquema, depois desmorona e só os que iniciaram o esquema saem com altos lucros.

A pirâmide financeira é: crime contra a economia popular, crime contra o consumidor, propaganda enganosa e lavagem de dinheiro.

Como investir na Bolsa de Valores: Veja o passo a passo

Marketing Multinível X Pirâmide Financeira

Para que você saiba diferenciar uma oportunidade de rendimentos honesto com empresas que trabalham com o marketing multinível e outras que são ilegais e só querem roubar o seu dinheiro, fique atento a:

  • O marketing multinível tem lastro na venda real de produtos, os lucros dos vendedores vêm 70% do produto vendido, o valor das comissões pelos novos recrutamentos e da porcentagem pela venda dos recrutados é sempre a menor parte, cerca de 30%.
  • No marketing multinível estabelece-se relações contínuas de consumo com pessoas fora da estrutura, possíveis clientes interessados no produto ou serviço do catálogo. Na pirâmide, há um processo restrito aos indivíduos que estão dentro dela, e o que se está comercializando é a troca dos próprios recursos internos e não compra de produtos.
  • Se a oferta é de ganhar dinheiro muito fácil, muito rápido, sem esforço – pode desconfiar que deve caracterizar um pirâmide financeira. Os esquemas das pirâmides normalmente não pedem nenhum tipo de formação do vendedor, nem um esforço para vendas, nenhum tipo de treinamento. A concentração está no recrutamento de novas pessoas.
  • Na venda multinível - via de regra  - você ganha um percentual sobre o que você vendeu, não há mínimos mensais. Nos esquemas de pirâmide você tem metas de crescimento que você precisa atingir para poder ganhar em cima de outra pessoa.
  • No marketing multinível, você vende um produto à pessoa e ela quer comprá-lo para uso pessoal, porque ela deseja o produto, não há outra vontade implícita. Há empresas que realizam pirâmide que tem a venda do produto como forma de ocultar o esquema fraudulento, mas a intenção do comprador não é adquirir o produto, mas sim entrar no esquema para então recrutar outras pessoas e ganhar em cima das vendas dos outros. O produto é só um disfarce.

 É possível mesmo ganhar dinheiro com o marketing multinível?

Sim, é possível.  Quem tem uma boa rede de contatos, é um bom negociador e acredita no seu potencial de venda de um determinado produto, pode ter bons lucros com o marketing de nível.  Você irá lucrar com a venda dos seus produtos e também ao recrutar novos vendedores, você tem um percentual de comissão sobre o lucro dele. Mas nada vem ser esforço, o lucro maior está na sua venda de produto e não nas comissões. Não é um dinheiro fácil, é um dinheiro conquistado a partir da venda de produtos ou serviços, que pode ser muito lucrativo para quem consegue manter uma boa carteira de clientes e um bom número de pessoas recrutadas.

Encontre a conta bancária ideal para você. Saiba mais.


Veja também:

Gostou? Compartilhe!
Ana Luiza Fernandes Ana Luiza Fernandes

Ana Luiza Fernandes é brasileira, natural de Minas Gerais, formada em Comunicação Social com ênfase em Jornalismo e hoje cursa Mestrado em Ciências da Comunicação pela Universidade do Porto, Portugal. Possui trabalhos na área de Jornalismo Cultural, Fotografia, Documentário e Assessoria de Imprensa e é apaixonada pela profissão desde criança.

Receba mais informações como esta!

Receba a nossa newsletter

Ao submeter os seus dados receberá a newsletter, ofertas e publicidade enviado por e-konomista.com.br e pelos nossos Parceiros e aceita os Termos e Condições e a Política de Privacidade. Os dados submetidos serão compartilhados com os nossos Parceiros.

Enviar