Jovem Aprendiz 2016: 70 empresas que contratam

Confira algumas das empresas que estão com vagas abertas para o programa Jovem Aprendiz 2016 e descubra o que é preciso para participar das seleções.

Jovem Aprendiz 2016: 70 empresas que contratam
Há oportunidades em todo o Brasil

O programa Jovem Aprendiz 2016 é um dos melhores projetos voltados para jovens sem experiência profissional e que desejam entrar no mercado de trabalho para ter contato com atividades teóricas e práticas que desde já agregarão ao seu currículo.

Para o segundo semestre, muitas empresas estão com processos seletivos abertas com vagas para diferentes experiências. Por isso, o E-konomista separou algumas das melhores oportunidades do Jovem Aprendiz 2016. Confira!

Jovem Aprendiz 2016

Mais de 70 empresas estão contratando pessoal para vagas de Jovem Aprendiz 2016. As atividades a serem desenvolvidas são das mais variadas, como Auxiliar Administrativo, área de TI, bancário, Atendimento ao Cliente, suporte à equipe de Recursos Humanos (RH), entre outros.

Veja algumas das empresas que estão contratando pelo Jovem Aprendiz 2016 em todo o Brasil:

MELHORE
O SEU
CV COM 
UM CURSO
SUPERIOR
Comece já!

Para conferir todas as vagas, acesse o site do Vagas.com e o site do CIEE – Centro de Integração Empresa-Escola.

A média salarial depende do cargo desenvolvido, mas fica entre R$ 489,00 e R$ 795,00. O jovem ainda tem o direito de receber todos os benefícios trabalhistas como 13° salário, FGTS, férias, vale-transporte e repouso remunerado. A carga horária é de 4 horas por dia.

O programa

O programa Jovem Aprendiz segue a determinação da Lei n° 10.097, de dezembro de 2000, que estipula que os jovens com idade entre 14 e 18 anos só podem desenvolver atividade de trabalho no cargo de aprendiz. Porém, o programa estende um pouco a idade de participação do jovem como aprendiz, sendo de 14 a 24 anos.

O Governo Federal obriga que as empresas de médio e grande portes disponibilizem vagas que se encaixam nas cotas de 5% a 15%da quantidade de empregados da empresa, a fim de estimular a entrada de jovens sem experiência profissional no mercado de trabalho.

Esta gráfica está imprimindo currículos de graça no Brasil

Para ter direito a uma vaga do programa, o jovem precisa estar regularmente matriculado em um curso do Senai, Senac, Senar, Senat ou outras escolas técnicas da sua região.

As empresas podem optar por contratar um jovem que não esteja vinculado (matriculado) em nenhuma dessas instituições, mas fica responsável de direcionar esse jovem a um curso profissionalizante.

Fale inglês e tenha mais sucesso na sua carreira. Faça um teste e melhore o seu nível.

Veja também:

Gostou? Compartilhe!
Receba mais informações como esta!

Receba a nossa newsletter

Ao submeter os seus dados receberá a newsletter, ofertas e publicidade enviado por e-konomista.com.br e pelos nossos Parceiros e aceita os Termos e Condições e a Política de Privacidade. Os dados submetidos serão compartilhados com os nossos Parceiros.

Enviar