5 itens que os recém-casados devem repensar sobre finanças

Casar não significa apenas juntar as escovas de dentes. Conheça 5 hábitos que os recém-casados devem adotar para uma melhor organização financeira.

5 itens que os recém-casados devem repensar sobre finanças
Hábitos financeiros positivos garantem a felicidade dos recém-casados.

ECONOMIZE NOS SERVIÇOS DA SUA CONTA BANCÁRIA saiba como

Casar não significa apenas juntar as escovas de dentes. Muitas são as responsabilidades e as despesas que os recém-casados devem ter em mente ao iniciar uma vida a dois: aluguel, condomínio, água, luz, internet, comida, farmácia, entre muitas outras. Sendo assim, devem, o quanto antes, criar um sistema de planejamento financeiro para que a falta de dinheiro ou de organização não seja fator para arruinar um casamento. Conheça alguns passos que os recém-casados devem adotar como parte da relação pare ter uma vida financeira saudável.

Recém-casados: o que ponderar com as finanças

recémcasados


1. Somem as rendas

De preferência, este primeiro passo deve ser computado logo antes de casarem, durante os preparativos para a nova vida. No entanto, se já possuem onde morar e estão conscientes de todas as despesas que terão de agora em diante, é hora de somar as rendas do casal. Não significando necessariamente abrirem uma conta conjunta – mesmo que seja o melhor a se fazer – é bom que o casal não efetue gastos individualmente, muito menos com o pensamento “se eu ganho mais, posso gastar mais”. O pensamento é conjunto e os gastos, idem.

2. Dividam os gastos

Feita a somatória e sabendo quais e quantas despesas da casa podem ser incluídas no orçamento dos recém-casados, será necessário dividir os gastos e atribuir as responsabilidades para cada um. Caso não tenham optado por uma conta conjunta, estipulem de qual conta sairá cada uma das despesas. Lembrando que, assim como as rendas foram somadas, elas devem ser subtraídas em conjunto, para que ambos tenham a visualização de quanto está saindo do caixa.

3. Organizem-se

DICA DO E-KONOMISTA
Na hora de planejar o casamento dos seus sonhos, atenção para que as suas finanças não se transformem num pesadelo. Usar o cartão de crédito certo pode lhe ajudar, confira!

Como toda organização de finanças, apenas o acordo e obrigações verbais não são suficientes. É necessária uma organização rigorosa de papeis, datas e pendências para que despesas não passem do prazo ou se percam entre uma infinidade de outros documentos. A organização não vale somente para despesas, mas para todos os documentos, notas fiscais, receitas médicas ou qualquer outro impresso que necessite ser guardado.

Separe-os em uma pasta etiquetada por categorias e tenha tudo a mão quando precisar encontra-los. Para a contabilização dos números, utilizem planilhas e aplicativos mobile que indiquem onde e quando gastos foram realizados.

4. Comecem a Poupar

Com todas as despesas somadas, controladas e em dia é hora de pensar em juntar dinheiro. O destino para essa poupança pode ser conjunto ou individual: uma reserva de emergência, planos para uma viagem, uma reforma, um carro ou algum item particular de uma das partes. O importante é ter essa reserva e direcionar o gasto para o que lhe for determinada. Não é por que o casal tem uma quantia guardada que as “necessidades” de gasto precisam aparecer.

5. E, diante de emergências...

As questões financeiras são um dos maiores motivos de brigas entre casais, causando ainda mais confusão entre os recém-casados. Sendo assim, conversem e estipulem um “plano B” para situações de crise. Definam seus gastos por prioridades e, diante de uma dificuldade, ficará mais fácil de escolher o que deverá ser cortado primeiro: a academia, a TV por assinatura, o restaurante aos finais de semana, entre outros gastos superficiais. Assim, o casal tem uma folga no orçamento até se restabelecerem financeiramente.

Encontre a conta bancária ideal para você. Saiba mais.


Veja também:

Gostou? Compartilhe!
Heloísa von Ah Heloísa von Ah

Formada em Comunicação em Computação Gráfica e Design de Games, é apaixonada pela profissão que exerce. Uma aficionada por tecnologia, gatos e cinema underground.

Receba mais informações como esta!

Receba a nossa newsletter

Ao submeter os seus dados receberá a newsletter, ofertas e publicidade enviado por e-konomista.com.br e pelos nossos Parceiros e aceita os Termos e Condições e a Política de Privacidade. Os dados submetidos serão compartilhados com os nossos Parceiros.

Enviar