Guia IRPJ 2017: tudo que você precisa saber

O IRPJ 2017 deve ser declarado por empresas, pessoas jurídicas, firmas e sociedades informais. Saiba mais dados e confira os tipos de tributação existentes.

Guia IRPJ 2017: tudo que você precisa saber
Saiba como evitar que sua empresa caia na malha fina.

O Imposto de Renda Pessoa Jurídica é uma tributação a ser paga ao governo, tal qual o Imposto de Renda Pessoa Física, por pessoas jurídicas e empresas individuais. As regras e alíquotas são diferentes do Imposto de Renda Pessoa Física, e por isso empresários devem ficar atentos para evitar cair na malha fina. Saiba como fazer a declaração, o prazo de entrega e quem deve declarar o IRPJ 2017.

Quem deve declarar IRPJ 2017

Pessoas jurídicas e empresas individuais com CNPJ, operantes e registradas no país devem fazer a declaração do IRPJ 2017, caso contrário podem ser acusados de sonegação fiscal. Até mesmo firmas e sociedades informais, que não estejam devidamente registradas, devem declarar o imposto. Empresas filantrópicas e instituições com fins recreativos, culturais e científicos estão isentas de declarar IRPJ 2017.

Como declarar

As empresas são tributadas em Simples Nacional, Lucro Presumido, Lucro Real e Lucro Arbitrado, e o cálculo da tributação varia de um para o outro. No site da Receita Federal é possível consultar as especificações.

O cálculo é feito com base no modelo de tributação referente à empresa. É aplicada uma alíquota de 15% em cima do valor líquido arrecadado, mas empresas que arrecadarem valor superior a R$ 20 mil ao mês poderão pagar 10% a mais em cima dessa alíquota - no caso do Lucro Real. 

No Lucro Presumido existe uma tabela, que varia entre 1,6% e 32%, que o governo use como base para presumir o percentual de lucro da empresa e alicar a taxa de 15% em cima do montante. 

Passo a passo para consultar extrato do FGTS

Empresas cadastradas no regime do Simples Nacional não precisam se preocupar, já que o IRPJ está incluso na guia de impostos acordados em um único pagamento, integra a alíquota e varia de acordo com a emissão de notas fiscais e com o faturamento.

A declaração do IRPJ 2017 é simples e feita exclusivamente pelo site da Receita Federal. O calendário difere de acordo com a tributação da empresa, portanto é preciso ficar atento às informações no site.

IPRJ Trimestral

Ao contrário do Imposto de Renda Pessoa Física, os períodos de apuração são trimestrais e não anuais. O imposto é determinada com base no tipo de tributação, que pode ser presumido, arbitrado e real – nesse último, caso o contribuinte opte, pode ser feita apuração por período anual.

Entregas fora do prazo podem gerar multas de até 20%. É recomendado contar com a ajuda de um contador para evitar erros e atrasos.

Prazo para entrega

Os períodos de apuração do IPRJ 2017 são encerrados nos dias 31 de março, 30 de junho, 30 de setembro e 31 de dezembro de cada ano. Caso haja incorporação, fusão ou cisão, a apuração deverá ser efetuada na data do evento.

Veja também:

Gostou? Compartilhe!
Clara Grizotto Clara Grizotto

Jornalista faz-tudo: social media, assessoria, redação e publicidade. Queria mudar o mundo, mas descobriu que tem muito chão para percorrer antes.

Na Web:

Receba mais informações como esta!

Receba a nossa newsletter

Ao submeter os seus dados receberá a newsletter, ofertas e publicidade enviado por e-konomista.com.br e pelos nossos Parceiros e aceita os Termos e Condições e a Política de Privacidade. Os dados submetidos serão compartilhados com os nossos Parceiros.

Enviar