Quanto custa fazer inseminação artificial?

Veja quanto custa uma inseminação artificial, como fazer o tratamento de forma gratuita ou aproveitar descontos por condição social.

Quanto custa fazer inseminação artificial?
Veja os valores médios para realizar uma inseminação artificial

O tratamento de inseminação artificial é indicado para casais que apresentam dificuldades para engravidar por vias naturais. Veja quanto custa se submeter a essa técnica de reprodução assistida e como ela funciona.

Preço médio de uma inseminação artificial

O preço de uma inseminação artificial varia muito, depende da técnica que vai ser empregada, dos hormônios que serão utilizados e da região em que a clínica está localizada. Como se trata de um tratamento de reprodução humana mais simples do que a fertilização in vitro, por exemplo, os preços são mais acessíveis. Veja os preços médios praticados pelas clínicas no Brasil.

  • Preço médio do processo completo de inseminação artificial: entre R$1,5 mil e R$15 mil.
  • Preço médio das consultas, recolhimento e tratamento do esperma e inserção no útero: entreR$ 500 e R$ 2 mil.
  • Preço médio dos hormônios tomados por via oral: entre R$50 e R$150 a dose.
  • Preço médio dos hormônios injetáveis: entre R$800 e R$1500.

Ultrassom 4D: quanto custa e quando fazer?

Tratamento gratuito

Achou muito caro?  Existe a possibilidade de realizar uma inseminação artificial de forma gratuita. O Ministério da Saúde garante, desde 2012, o tratamento para a infertilidade do casal através do SUS (Sistema Único de Saúde). Além da inseminação artificial, são realizadas outras formas de reprodução humana assistida, como a fertilização in vitro.  Os recursos financeiros dedicados a esses tipos de tratamento são limitados e os hospitais que os realizam pelo SUS são:  

  • Instituto de Medicina Integral Professor Fernando Figueira em Recife
  • Hospital Regional da Asa Sul (HRAS) em Brasília
  • Hospital das Clínicas de Minas Gerais – em Belo Horizonte
  • Hospital Pérola Byington – em São Paulo
  • Hospitais das Clínicas de São Paulo e de Ribeirão Preto – em São Paulo
  • Hospital Nossa Senhora da Conceição – em Porto Alegre
  • Hospital das Clínicas de Porto Alegre – em Porto Alegre

Devido ao número limitado de hospitais que realizam a inseminação artificial pelo SUS, as filas de espera são longas e o atendimento pode demorar muito.

Saiba quanto custa fazer um exame de curva glicêmica

Inseminação com desconto

Uma outra opção para realizar uma inseminação artificial sem ter que pagar um valor alto ou ficar muito tempo na fila de espera do SUS é recorrer ao Projeto Beta. O Projeto Beta de Medicina Reprodutiva com Responsabilidade Social surgiu a partir da percepção da necessidade que muitas famílias têm de obter apoio devido à infertilidade, mas que os serviços públicos não conseguem suportar. O projeto trabalha hoje com todo tipo de reprodução humana e garante descontos consideráveis para famílias que não podem pagar por um tratamento em clínicas convencionais.

Depois de uma avaliação médica, o casal passa por entrevista com uma assistente social que avalia a situação financeira e elabora um plano de pagamento que se ajuste às suas possibilidades. O valor também é de acordo com a renda sócioeconômica de cada casal. Em média, o tratamento com a medicação sai em torno de 40% mais barato que em outras clínicas convencionais. Saiba mais sobre esse projeto aqui.

GANHE UM INCENTIVO EXTRA PARA ficar mais bonitasaiba como

Como funciona?

A inseminação artificial ou Inseminação intrauterina é uma técnica de reprodução assistida em que o sêmen é depositado dentro da cavidade uterina. É uma técnica relativamente simples, que pode ser realizada dentro do consultório ginecológico e é indicada a casais que tem taxas de fertilidade moderadas mas que não conseguem engravidar de forma natural. O processo acontece da seguinte maneira:

1. No segundo dia do ciclo menstrual, a mulher toma (por via oral ou injetável) um hormônio chamado FSH que estimula o crescimento de folículos, cada folículo contém um óvulo.

2. Durante os 9 dias seguintes, ela passa pelo mesmo processo, até completar 10 dias de consumo do hormônio FSH. A cada 2 ou 3 dias desse período é feito um ultrassom para verificar o crescimento dos folículos.

3. Quando 1 ou 2 folículos atingem 18mm, é aplicado um segundo hormônio chamado hCG (coriogonadotrofina humana). Esse hormônio promove o amadurecimento do óvulo e o rompimento dos folículos (ovulação) após cerca de 36 horas de sua aplicação.

4. Duas horas antes da ovulação – ou seja 34 horas após a aplicação do hCG -  o homem precisa fazer a coleta do esperma.  Esse sêmen então é levado ao laboratório que irá separar os espermatozóides mais bem formados e móveis e concentrá-los após o processamento seminal.

5. O sêmen com espermatozóides selecionados é então depositado no interior do útero no momento da ovulação usando um fino cateter. A mulher então permanece deitada por cerca de 20 a 30 minutos. Pronto, a inseminação artificial está feita.

É preciso lembrar que a taxa de sucesso de uma inseminação artificial varia de 25% a 35%, dependendo da idade da mulher, da mobilidade dos espermatozóide e de vários outros fatores. Ao contrário da fertilização in vitro, a chance de gravidez múltipla é menor, pois é possível fazer esse controle através da dosagem dos hormônios.  Quando o número de folículos acima de 18mm é maior de 4, o risco de gravidez múltipla é alto,  e nesses casos o procedimento é cancelado.

Fique em forma e com saúde como você sempre quis. Veja como é fácil.
 

Veja também:

Gostou? Compartilhe!
Ana Luiza Fernandes Ana Luiza Fernandes

Ana Luiza Fernandes é brasileira, natural de Minas Gerais, formada em Comunicação Social com ênfase em Jornalismo e hoje cursa Mestrado em Ciências da Comunicação pela Universidade do Porto, Portugal. Possui trabalhos na área de Jornalismo Cultural, Fotografia, Documentário e Assessoria de Imprensa e é apaixonada pela profissão desde criança.

Receba mais informações como esta!

Receba a nossa newsletter

Ao submeter os seus dados receberá a newsletter, ofertas e publicidade enviado por e-konomista.com.br e pelos nossos Parceiros e aceita os Termos e Condições e a Política de Privacidade. Os dados submetidos serão compartilhados com os nossos Parceiros.

Enviar