10 infrações 'bobas' que rendem multas altas

Quem passa em poças d'água e acaba com o dia do pedestre está com os dias contados. Conheça as multas de trânsito que você nem sabia que eram infrações, mas que geral multas de valores altos.

10 infrações 'bobas' que rendem multas altas
E que talvez você nem sabia que eram infrações...

Depois de muito tempo de carta, é fato, nós tendemos a esquecer do que aprendemos nas aulas de direção. É por isso que às vezes o condutor pensa que está fazendo tudo certo e pode ser surpreendido com multas que desconhecia o motivo até receber a carta do Detran chegar pelo correio.

Relembrando o tempo do CFC

Uma coisa para recordar: nem sempre a quantidade de pontos na carteira é proporcional ao valor das multas. Algumas multas de R$ 127,00 equivalem a infração gravíssima e rende 7 pontos na carteira. Com apenas 3 dessas, num espaço de 12 meses, "adeus" habilitação. Para quem acabou de começar, o Detran também não facilita: o motorista com a carta provisória que cometer uma infração grave ou gravíssima perde o direito de dirigir. Para evitar surpresas e não ter que rever de novo a escolinha, ter aulas de direção e desembolsar muito dinheiro para ter a habilitação de volta, confira algumas infrações que parecem bobas – ou nem parecem infrações – que podem te surpreender negativamente.

E para quem ainda não se recordou do significado de CFC o E-konomista dá uma forcinha. Trata-se do Centro de Formação de Condutores. Recordou-se? Daqueles dias de aulas sobre legislação, o que é ou não permitido fazer no trânsito e as multas que podem acarretar? Confira algumas delas que, parecem bobas, mas rendem pontos na carteira e "dores no bolso":

1. Buzinar

A intenção da buzina não é ser infernal: é simplesmente um toque breve para alertar pedestres e outros condutores sobre um perigo iminente. Se todos soubessem que a multa é de R$ 53,20 e a penalidade é de 3 pontos, o mundo seria melhor e os nossos ouvidos agradeceriam.

2. Passar em poças para atirar água ou detritos nos pedestres

infracoesbobas


Quem nunca foi encharcado por um motorista apressado em dia de chuva, que não atire a primeira pedra. Ao invés disso, aproveite para ajudar o fiscal e decore a placa do carro a tempo. Saiba que a maldade está com os dias contados: a multa para quem utiliza o veículo para atirar detritos em pedestres é de R$ 85,13 e a infração média rende 4 pontos na carteira.

3. Dirigir devagar

A infração só é válida se o condutor não estiver na faixa da direita. Nas demais, a multa é de R$ 85,20 para quem dirige a menos de metade da velocidade permitida na via e a penalidade é de 4 pontos. Depende do bom senso do fiscal, já que não é registrada em radares. E é uma multa raramente aplicada – no geral, dirigimos a bem menos que isso por causa do trânsito. Mas vale a pena saber.

4. Ficar sem combustível

infracoesbobas


O motorista deve torcer para nunca faltar gasolina – e se faltar, que seja na partida, estacionado. Não só pelo transtorno de empurrar o carro e perder tempo, mas também porque pode levar uma multa. Se o veículo parar por falta de combustível na via, um fiscal for acionado para prestar ajuda e souber o motivo, basta: R$ 85,12 e 4 pontos na carteira.

já fez um test drive? veja como é fácilagende grátis

5. Dar ré em excesso

Sabe quando você procura desesperadamente por uma vaga e vê que ela surgiu lá no fim da rua, ninguém vem atrás e ela pode ser sua se der uma ré de "apenas" 50 metros? Não faça mais isso. Salvo em distâncias necessárias para pequenas manobras, como a baliza, transitar em marcha ré é uma infração grave que rende 5 pontos na carteira e exige o pagamento de R$ 127,69.

6. Atirar coisas pela janela do carro

infracoesbobas


Bom senso é essencial. Ter um lixinho no carro é uma forma de respeitar as vias públicas e o meio ambiente. Se todos tivessem consciência disso, talvez muitas enchentes seriam evitadas. Para os motoristas sem educação, tem infração para isso no código de trânsito: atirar do veículo objetos ou substâncias é uma infração média e as multas são de R$ 85,12.

7. Fumar dirigindo

Como diz o comentarista Arnaldo, “a regra é clara”. O código de trânsito estabelece que o motorista deve manter as duas mãos ao volante e a mão nunca deve estar para fora ou apoiada na janela – ou seja, não pode fumar. Mas os fiscais dão uma colher de chá aos fumantes e não costumam multá-los. No entanto, é bom saber que se quiserem, têm embasamento legal para isso e a multa é de R$ 85,13.

8. Praticar racha

infracoesbobas


Essa é uma "brincadeira" que pode causar acidentes graves e não deve ser praticada, pois além de ser um risco a todos que possam estar no local, rende uma multa de R$ 1.915,40, 7 pontos na carteira e apreensão do veículo (nesse caso, reze para ter a documentação em dia e some ao valor as diárias do pátio). O condutor também pode ser preso e a pena é de 3 a 6 meses de prisão. Já não parece tão divertido assim, correto?

9. Estacionar na contramão

Não é só transitar na contramão que é passível de multa. Estacionar na contramão dá a entender que o condutor teve que transitar na contramão para colocar o veículo na vaga. E só esse fato é motivo para uma penalização de 4 pontos na carteira e R$ 85,13.

10. Não dar seta

Não emitir sinal – vale até usar o braço, segundo o código – para estacionar ou fazer uma conversão pode te fazer desembolsar R$ 127,69 e ter 5 pontos na carteira.

*Os valores de multas têm como base o estado de São Paulo

Antes de comprar, experimente. Agende um test drive sem custo e sem compromisso.
 

Veja também:

Gostou? Compartilhe!
Gabriela Ventura Gabriela Ventura

Natural de São Paulo, estudante de Publicidade e Propaganda na USP. Não tem hobbies fixos nem rotina, é apaixonada pelo imprevisto. Foi fazer intercâmbio em Lisboa e... estendeu a estadia por tempo indeterminado.

Receba mais informações como esta!

Receba a nossa newsletter

Ao submeter os seus dados receberá a newsletter, ofertas e publicidade enviado por e-konomista.com.br e pelos nossos Parceiros e aceita os Termos e Condições e a Política de Privacidade. Os dados submetidos serão compartilhados com os nossos Parceiros.

Enviar