Implante capilar: veja como funciona e o preço médio

Atualmente, livrar-se da calvície é uma realidade com acessibilidade razoável. Veja quanto custa e como funciona um procedimento de implante capilar.

Implante capilar: veja como funciona e o preço médio
Veja quanto custa livrar-se da calvície com um implante capilar

GANHE UM INCENTIVO EXTRA PARA ficar mais bonitasaiba como

O implante capilar ou cirurgia de microtransplante capilar é algo disponível desde meados dos anos 80 e se popularizou muito com surgimento de novas técnicas e principalmente a redução dos custos. Atualmente é possível livrar-se da calvície por valores justos e recuperar a autoestima. Veja como funciona o procedimento e quanto custa.

Como funciona um implante capilar

O implante capilar pode ser realizado em praticamente qualquer pessoa, seja homem ou mulher. Salvo os casos de alopecia difusa, os cuidados especiais que podem limitar o procedimento são os mesmos de qualquer outra intervenção médica, como nos casos onde a pessoa seja diabética ou hipertensa. Nestas circunstâncias, basta um monitoramento adequado pelo médico e seu anestesista.

A limitação fica apenas pelo tamanho da área doadora, que é a região onde são retirados os fios a serem implantados em novos locais. Se essa região for muito pobre, a quantidade de fios a serem transplantados pode ser insuficiente para se obter uma boa cobertura da área alvo.

FIQUE EM BOA FORMA
Dentro de casa ou no trabalho é preciso estar atento a saúde. Cadastre-se e receba as melhores dicas.

Cerca de 5% dos homens não podem realizar o transplante devido à insuficiência de cabelo na área doadora, número que se eleva para 30% com relação às mulheres. O transplante só pode ser feito com fios oriundos do próprio paciente, não sendo realizado com fios de outro doador, independente do grau de parentesco.

Como é o procedimento?

O fios utilizados são retirados da área doadora escolhida próxima a nuca. Essa região é normalmente selecionada pois tem um genética diferente e que permite que não sejam afetados pela calvície. Sendo assim, ao ser transplantado o fio irá manter as características do seu local de origem e não da nova região onde foi implantado, diminuindo as chances de cair novamente.

O procedimento cirúrgico é indicado apenas para pessoas que tenham um nível elevado de perda de cabelos. O transplante é recomendado antes mesmo que o paciente se torne calvo, de maneira que a transição seja mais natural e o paciente não precise experimentar um fase sem cabelos, pois os fios sadios aplicados na região afetada pela refração capilar irão fazer a substituição de modo a acompanhar a queda dos fios deficientes.

Produtos de beleza bons e baratos

Técnicas de implante capilar

Atualmente não é mais preciso realizar o implante fio a fio. Existem técnicas mais avançadas (que podem incluir até mesmo o uso de robôs) que permitem a realização de uma grande quantidade de mudas, abrangendo áreas bem mais extensas do couro cabeludo. Enquanto antigamente usava-se de 80 a 100 mudas, hoje conseguimos utilizar cerca de 2.000 mudas, o que oferece um resultado muito mais satisfatório.

Entre as mudanças, a principal é a satisfação do paciente em ter a transição de forma praticamente imperceptível, mesmo nas linhas frontais. Os fios são implantados de forma bastante regular, com grande volume e ampla distribuição.

Veja como fazer seu cabelo crescer rápido

Quanto custa?

O preço pode variar bastante, ficando na maioria dos casos entre R$ 5 mil a R$ 15 mil. Os fatores que normalmente podem influenciar no preço são a região de atuação da clínica, a técnica escolhida e a gravidade da calvície.

A técnica de extração de unidade folicular onde os folículos são retirados um a um, por exemplo, costuma ser mais cara e não necessariamente pode ser a mais eficiente. Esse custo pode aumentar ainda mais se utilizar de equipamentos como robôs para a extração dos fios. Algumas clínicas e técnicas podem cobrar mais de R$ 30 mil pela cirurgia, então pesquise para não ter um gasto além do necessário.

Vale salientar que o procedimento de implante capilar é considerado uma cirurgia de cunho estético e portando dificilmente será coberta pelo seu plano de saúde.

Fique em forma e com saúde como você sempre quis. Veja como é fácil.


Veja também:

Gostou? Compartilhe!
Heloísa von Ah Heloísa von Ah

Formada em Comunicação em Computação Gráfica e Design de Games, é apaixonada pela profissão que exerce. Uma aficionada por tecnologia, gatos e cinema underground.

Receba mais informações como esta!

Receba a nossa newsletter

Ao submeter os seus dados receberá a newsletter, ofertas e publicidade enviado por e-konomista.com.br e pelos nossos Parceiros e aceita os Termos e Condições e a Política de Privacidade. Os dados submetidos serão compartilhados com os nossos Parceiros.

Enviar