Hackear o Facebook não é difícil: saiba como proteger seu perfil

O ato de hackear o Facebook alheio ainda é praticado por algumas pessoas. Entenda e veja aqui como se proteger deste ataque.

Hackear o Facebook não é difícil: saiba como proteger seu perfil
Há chance de ter sua privacidade invadida na rede social

Todo cuidado é pouco para evitar que alguém consiga hackear o Facebook. Quem almeja praticar a prática costuma aguardar o menor deslize para invadir sua privacidade e causar danos graves – variando de um estrago material em seu computador ou smartphone até um caso de polícia, quando suas informações na internet entram em jogo e o caso pode parar na Justiça.

Como conseguem hackear o Facebook

Aprender linguagem de programação e afins relacionados à informática é um trabalho árduo por natureza. Tanto que rende aplausos e admiração da sociedade quando motivado por curiosidade, necessidade profissional, ativismo e outras causas dignas. Entretanto, nem todos usam tais estudos para o bem; muitos não medem esforços para fazer o mal atacando internamente dispositivos, redes de computadores e, principalmente, perfis alheios em redes sociais como o próprio Facebook.

Pessoas mal intencionadas procuram diariamente dicas e tutoriais na internet para hackear e infernizar em perfis alheios, quebrando a ética da atividade. Com tantas informações por aí, a pessoa interessada precisa dispor de muito tempo livre, paciência e capacidade de discernimento – soando contraditório neste caso – das mesmas. E principalmente, dispor de coragem para correr o risco de ser presa, uma vez que crimes cibernéticos estão previstos em lei pelo Artigo 154-A do Código Penal. 

Proteja seu perfil

É desesperador acordar em um belo dia e perceber que você não consegue mais acessar sua conta no Facebook, seja por conta própria ou alertado por seus amigos que viram mudanças extremamente forçadas e estranhas em sua página.

Com este medo em mente e com tantas boas lembranças e contatos que ficam guardados no perfil, é bom começar – ou melhor, reforçar – a proteção. Confira aqui alguns bons métodos para frustrar gente empenhada em hackear o Facebook:

  • Crie uma senha forte variando entre numerais, letras maiúsculas e minúsculas;
  • Através do menu de Configurações, adicione um e-mail secundário à sua conta, para que este receba informações de recuperação da conta em caso de invasão;
  • Ative as notificações de login pelo menu. Este recurso envia um alerta por e-mail ou SMS sempre que sua conta for acessada de um dispositivo/computador desconhecido, permitindo também o bloqueio imediato a fim de garantir sua segurança;
  • Nas solicitações de amizades, procure aceitar somente pessoas conhecidas;
  • Não clique em sites duvidosos que podem aparecer nos anúncios;
  • Não responda e-mails que peçam seus dados pessoais. E desconfie ainda mais quando estes apresentarem erros ortográficos;

"Meu perfil foi hackeado. E agora?"

Após lamentar e se irritar muito com o invasor que conseguiu lhe hackear o Facebook, é hora de correr para tentar recuperá-lo. O próprio Facebook possui uma central de ajuda onde você poderá conferir como proceder no caso.

Acessando o link facebook.com/hacked é possível denunciar que sua conta deve estar sendo manipulada por outra pessoa. Prosseguindo na investigação, coloque algum dado associado com sua conta (seu e-mail, telefone, nome de usuário ou nome completo, por exemplo) e insira a senha que utilizava antes de ser hackeado. Deste modo, você poderá redefinir sua senha e ter o perfil de volta. Apenas certifique-se de criar uma mais forte.

Caso a busca por seus dados associados não funcione, clique na opção Não consigo identificar minha conta e em seguida clique em Sim. Uma série de perguntas e opções será feita para lhe ajudar; as vezes o problema pode ter sido causado por algum aplicativo desonesto que você tenha instalado no seu perfil.

Em última instância e persistência do problema, ligue a proteção do computador e faça uma varredura profunda por vírus, keylogger e/ou trojan para certificar-se de que não esteja sendo alvo de ataques de outras pessoas. Uma boa alternativa neste caso é contar com o PSafe Total, desenvolvido para Windows e Android.

Veja tambem:

Gostou? Compartilhe!
Reinaldo Vieira Reinaldo Vieira

Jornalista formado pela FMU. Guarulhense apaixonado por tecnologia, música, cinema e esportes. Adora escrever e busca estar sempre por dentro das tendências da comunicação social e do design no mundo moderno.

Receba mais informações como esta!

Receba a nossa newsletter

Ao submeter os seus dados receberá a newsletter, ofertas e publicidade enviado por e-konomista.com.br e pelos nossos Parceiros e aceita os Termos e Condições e a Política de Privacidade. Os dados submetidos serão compartilhados com os nossos Parceiros.

Enviar