Principais tipos de fundos de investimentos

Conheça os principais fundos de investimentos disponíveis, avaliando os riscos, previsões e retornos. Veja como começar a aplicar e multiplicar seu patrimônio.

Principais tipos de fundos de investimentos
Conheça as principais possibilidades para aplicar e multiplicar seu patrimônio

Basicamente instrumentos de aplicação financeira, nos fundos de investimentos são coletados entre vários investidores com a finalidade de potencializar o retorno de um capital a partir de um maior volume financeiro aplicado. Deste modo, os fundos de investimentos funcionam como uma espécie de condomínio onde, tanto a receita gerada quanto os custos necessários para o empreendimento são divididos, não possuindo uma personalidade jurídica.

A gestão desses recursos fica a cargo de especialistas contratados, compostos por gestores e administradores que irão, respectivamente, tratar de toda a estratégia dos ativos - como a montagem de carteira -, visando maior lucro e menor risco. Veja a seguir como escolher seu fundo de investimento e começar a aplicar.

Empréstimo online: como fazer

Como escolher um fundo de investimento

Entre as principais vantagens dos fundos de investimentos está, justamente, o gerenciamento, tarefa que demanda tempo e experiência com o mercado financeiro, sendo a opção ideal para quem não tem domínio deste assunto. O rateio das despesas entre os investidores também é uma vantagem que possibilita o pequeno investidor a ter acesso aos ativos mais caros.

O Brasil apresenta boas possibilidades de investimentos entre títulos públicos, como Certificados de Depósitos Bancários (CDB), ações ou derivativos, etc, mas para escolher entre eles é preciso avaliar qual o retorno pretendido e o risco que está disposto a correr. Veja quais são as possibilidades:

Fundos a Curto Prazo: buscam retorno através de investimentos em títulos públicos federais prefixados ou privados e que apresentem baixo risco de crédito. Possui prazo máximo a decorrer de 375 dias e médio da carteira de, no mínimo 60 dias. A rentabilidade destes fundos está, geralmente, atrelada à Selic ou CDI;

Fundos Referenciados: sujeitos à flutuação do mercado, os fundos referenciados exigem que, no mínimo, 95% dos ativos sigam a variação do benchmark. No entanto, são seguros pois apresentam um piso de 80% de seus investimentos direcionados aos títulos públicos federais ou privados de renda fixa;

MULTIPLIQUE A SUA CHANCE DE GANHAR NA MEGAsaiba como

Fundos de Renda Fixa: como não precisam acompanhar o desempenho das taxas de juros, estes tipos de fundos pedem um investimento de, no mínimo, 80% dos seus recursos em ativos de renda fixa pré ou pós fixados. Nesta modalidade é possível investir com parte ou na totalidade no patrimônio em títulos prefixados;

Fundos Multimercados: com riscos variando de médio a alto, os fundos multimercados, como o nome sugere, abrange diversas formas de ativos e combina investimentos em renda fixa, ações, derivativos e câmbio. Para optar por este tipo de fundos de investimentos, o interessado deve ter plena certeza das capacidades estratégicas de seus gestores. Se investido sabiamente, pode representar significativos aumentos de renda;

Fundos de Ações: geralmente destinadas aos investidores mais experientes e agressivos, os fundos de ações exigem um mínimo de 67% da carteira aplicada em negociações diretamente atreladas à Bolsa de Valores. O risco deste investimento é alto e depende da inconstância do mercado para apresentar resultados positivos ou negativos;

Fundos Cambiais: representando grande interesse atual, os fundos cambiais estão relacionados à variação no câmbio de determinada moeda estrangeira ou mudança nas taxas de juros. Nesta modalidade se aplicam pelo menos 80% de sua carteira em ativos e tem como objetivo preservar seu patrimônio a longo prazo.

Fundos de Dívida Externa: nesta modalidade também são aplicados, no mínimo, 80% do patrimônio do investidor na dívida externa, sob responsabilidade da União. Os demais 20% podem ser aplicados em títulos no exterior. Tais fundos, em sua totalidade costumam render lucros a longo prazo e costumam ser oferecidos apenas às pessoas jurídicas.

Como funciona um empréstimo consignado

Como investir?

Para quem não é especialista na área e quer começar a investir, comece procurando o gerente de investimentos disponível na instituição bancária em que deseja aplicar. É este profissional quem irá apresentar toda a carteira de investimentos disponíveis e quais os melhores contratos aplicados para o seu perfil de investidor. Existe a possibilidade de recorrer também a uma gestora de recursos especializada. Vale lembrar que os fundos disponíveis são muitas vezes diferentes entre as gestoras, assim como seus rendimentos.

Em geral, para que o investidor saiba exatamente para onde seu dinheiro irá, as gestoras costumam seguir uma linha com três passos simples: o primeiro é introduzir as classes de ativos que o fundo investe, seja ela de renda fixa, fundo multimercado, referenciado, cambial, etc; no segundo nível, o investidor já estará ciente das possibilidades e será introduzido aos riscos, sendo apresentado aos fundos indexados ou ativos, duração dos ativos, investimentos no exterior e categorias simples (que exigem a aplicação mínima de 95% da carteira em títulos públicos e bancários com risco igual ou superior ao apresentado pelo governo); por fim, chegará ao terceiro nível, sendo introduzido às estratégias de cada gestor e dando início à aplicação de fato.

Jogar na loteria com a Lottoland é fácil e seguro! Aumente as suas chances de ganhar.
 

Veja também:

Gostou? Compartilhe!
Heloísa von Ah Heloísa von Ah

Formada em Comunicação em Computação Gráfica e Design de Games, é apaixonada pela profissão que exerce. Uma aficionada por tecnologia, gatos e cinema underground.

Receba mais informações como esta!

Receba a nossa newsletter

Ao submeter os seus dados receberá a newsletter, ofertas e publicidade enviado por e-konomista.com.br e pelos nossos Parceiros e aceita os Termos e Condições e a Política de Privacidade. Os dados submetidos serão compartilhados com os nossos Parceiros.

Enviar