Quer financiar um carro?

Receba já uma cotação com a melhor solução de crédito para você

Ao submeter os seus dados receberá a newsletter, ofertas e publicidade enviado por e-konomista.com.br e pelos nossos Parceiros e aceita os Termos e Condições e a Política de Privacidade. Os dados submetidos serão compartilhados com os nossos Parceiros.

Seguinte

Como funciona o financiamento de carros

Entenda como funciona o financiamento de carros e algumas condições de aprovação do pedido.

Quais são as modalidades e condições do financiamento de carros

O financiamento de carros nada mais é do que uma modalidade de empréstimo em que o banco empresta o valor ao interessado em troca da aquisição de um automóvel. Existem três tipos de financiamento de veículo: consórcio, CDB e leasing, cada um com as suas particularidades. Veja como funciona cada um.

Veja como financiar um carro

Financiamento de carros usados: como funciona

Para o financiamento de carros usados, a modalidade mais procurada e mais segura, caso o proprietário seja pessoa física é o CDB. Apesar de o valor das parcelas ser um pouco superior ao do leasing, o carro já está diretamente no nome do proprietário e a quitação antecipada de parcelas permite a amortização.

Com o leasing, o carro fica no nome da instituição credora e vendê-lo antes de quitar o financiamento pode se transformar em uma novela. O leasing é mais aconselhável para os interessados em adquirir uma frota de veículos.

Consórcios de carros usados geralmente só podem ser feitos para carros com até 5 anos de uso. As regras podem mudar, então é interessante checar com a instituição financeira sobre essa modalidade de financiamento de carros.

O que é preciso para fazer um financiamento de veículos

Como calcular o financiamento

Os juros variam consoante a modalidade. O leasing apresenta as taxas de juros um pouco inferiores em relação ao CDC, mas é mais difíci quitar com antecedência e transferir um veículo para um novo dono antes de o contrato acabar. Somando-se esses custos ao valor total, mesmo com uma taxa menor, ainda vai compensar mais o CDC.

O CARRO QUE VOCÊ PROCURA
ESTÁ AQUI
pesquise já,
é rápido e grátis

A taxa efetiva de  juros do CDC fica em torno de 1,7% e 2% ao mês, dependendo do perfil do proprietário. Se já forem clientes do banco em que vão contratar o financiamento e nunca tiveram dívidas, ainda dá para ter condições mais especiais.

O consórcio não cobra juros, apenas uma taxa de administração mensal. Ele pode ser feito por lances ou sorteios. Por lances, em geral, o valor contemplado costuma ser de 30% do veículo. A desvantagem do consórcio é a espera pela liberação do crédito, mas por outro lado é uma opção muito barata para quem já tem 30% da entrada do veículo.

Para a aprovação em qualquer tipo de financiamento de carros é necessário que o valor do financiamento ou consórcio não comprometa mais do que 30% da renda bruta do interessado. Por exemplo, quem ganha R$ 2.000 não poderá gastar mais do que R$ 600 em financiamentos. O Banco Central tem um sistema de informação integrado de todos os bancos e costuma ser utilizado na análise de crédito. Por isso, quem tem dívidas mesmo em outra instituição ou um financiamento que já comprometa parte da renda, também corre o risco de não ter o seu financiamento de carros aprovado.

Principais financiadoras

Condição de aprovação

Uma premissa que pode negar o seu financiamento, além de ter o nome em cadastros negativos, é o comprometimento da renda. O valor da parcela do financiamento nunca deve ultrapassar 30% da renda bruta do comprador. Caso contrário, o crédito pode ser negado.

Por exemplo, uma pessoa que ganha R$ 1.800 poderá fazer um financiamento de, no máximo, R$ 540 por mês. Isso se ela não tiver outros contratos de financiamentos (não só de carros) em aberto, mesmo com outros bancos. Para a concessão de crédito, o Banco Central do Brasil tem um sistema integrado que informa os dados necessários à análise entre de todos os bancos.

Documentos necessários para solicitar financiamentos

  • RG
  • CPF
  • Comprovante de residência no próprio nome
  • Comprovante de renda (holerite e/ou ou extratos da conta)
Antes de comprar, experimente. Agende um test drive sem custo e sem compromisso.


Veja também:

Gostou? Compartilhe!
Gabriela Ventura Gabriela Ventura

Natural de São Paulo, estudante de Publicidade e Propaganda na USP. Não tem hobbies fixos nem rotina, é apaixonada pelo imprevisto. Foi fazer intercâmbio em Lisboa e... estendeu a estadia por tempo indeterminado.