12 coisas que você deve fazer durante um Test Drive

Fazer um test drive antes de comprar um carro é fundamental para ter a certeza de que está fazendo um bom negócio. A avaliação deve ser gratuita e sem compromisso. Veja como funciona. 

12 coisas que você deve fazer durante um Test Drive
Sabia que este é um direito do consumidor antes de comprar um carro?

Você sabia que fazer um test drive é um direito do consumidor? O test drive tem como objetivo permitir que o consumidor teste o veículo antes de efetuar a compra. De acordo com especialistas, ninguém deve comprar um carro antes de fazer test drive. Mas antes de ir à concessionária e sair conduzindo por aí é preciso ter atenção a pequenos detalhes para que seu test drive seja mesmo decisivo para a sua escolha do melhor modelo para sua necessidade.

12 dicas para fazer test drive antes de comprar o seu veículo

Como comprar um carro é um investimento alto e que normalmente o consumidor dedicará um bom tempo para quitar as parcelas, no caso de fazer um financiamento de veículos ou consórcio, o test drive é fundamental e deve ser feito com seriedade, sem se deixar levar pela emoção de comprar um carro novo. Confira abaixo algumas dicas para aproveitar melhor o momento. 

1. Observe todos os detalhes do carro:

  • Acabamento
  • Conforto dos assentos – não tenha vergonha de se sentar em todos os assentos para conferir se são confortáveis
  • Funcionamento das luzes: do painel, das setas, das lanternas, de freio e também as luzes internas
  • Tamanho do porta malas
  • Os compartimentos e acessórios de armazenamento - o tamanho do porta luvas, se há dispenser de copos, espaço para as chaves e celular.
  • Os puxadores das portas
  • Os limpadores de parabrisa
  • Os itens de segurança - se os cintos de segurança são confortáveis e se há apresença de air bag.

Esteja certo de ter verificado todos os detalhes antes de iniciar o test drive, pois um carro novo normalmente tem um excelente desempenho, o que pode tirar sua atenção aos pequenos defeitos após a boa sensação de dirigi-lo.

2. Verifique o conforto durante a direção

Verifique se você se sente confiante e confortável à frente do volante do carro. Regule os bancos e os espelhos. Verifique se a altura do banco é suficiente para que suas pernas estejam semi-flexionadas ao pisar nos pedais e os braços semi-flexionados ao segurar o volante. Observe se a condução é macia ou dura e o quanto a suspensão isola o motorista do piso. Isto é, as falhas no asfalto são muito evidentes ou o carro é macio e fácil de controlar ao passar por elas.

3. Não ligue o som do carro

É preciso que você tenha toda a atenção focada na direção do carro, então ligar o rádio pode te distrair. Procure se concentrar na performance do veículo e dirigibilidade que ele oferece. Se estiver fazendo o test drive junto com um vendedor ou tiver levado mais alguém junto de você, peça silêncio por alguns minutos para se concentrar em todas as funções do carro.

4. Confira a aceleração

A aceleração do carro tem relação com a potência do motor e com a transmissão. Fique atento se a aceleração é fácil, se não apresenta nenhum tipo de dificuldade, se o acelerador é leve e se você consegue acompanhar o trânsito ao acelerar depois de parar em um sinal, por exemplo. Outro ponto importante a se ficar atento, é quanto tempo leva para perceber que é preciso trocar de marcha.

5. Verifique os freios

Confira se eles respondem bem, se não dão solavancos. Pressione ele com leveza em alguns momentos e também com firmeza para perceber os limites do freio. A frenagem deve ser macia e progressiva, sem que a parada seja muito brusca ou muito demorada.

6. Fique atento à velocidade de resposta da direção

Se você vai testar um carro com direção hidráulica deve prestar atenção como ela responde, pois não deve ser nem rápido demais nem lento demais. A direção deve ser fácil de controlar e de manobrar, então perceba se você terá que ficar fazendo correções na direção quando está andando em velocidade mais alta. A direção hidráulica deve proporcionar sensação de conforto ao condutor sem que ele precise esforçar muito pra trocar a direção do carro em qualquer velocidade. 

7. Ligue o aquecimento e o ar condicionado

É bom testar o funcionamento de todos os itens do carro. Ligue o ar condicionado e veja quanto tempo ele demora para refrigerar o carro. Observe se ele refrigera o carro como um todo ou deixa os passageiros da frente com frio e atrás mal refrigerado. Verifique o impacto do ar condicionado sobre o motor e temperatura. Ligue também o aquecedor para testar seu fucionamento, mesmo se o dia estiver quente. É bom testar se ele funciona bem, nem que seja só por uns minutinhos.

Veja lista com os melhores carros populares 2016

8. Confira a presença de ruídos

Preste atenção no isolamento acústico oferecido pelo carro. Se você estiver ouvindo muito o barulho do motor sob grande aceleração ou velocidade, provavelmente ficará pior com o tempo – e o carro não isola esse barulho. O que pode ser muito disconfortável durante viagens. Qualquer ruído que você achar estranho, não convencional que pode aparecer, reporte ao vendedor. Então privilegie o silêncio e atenção aos barulhos feitos pelo carro.

9. Atenção à visibilidade

Confira se os vidros e os espelhos fornecem uma boa visibilidade do perímetro. A boa visibilidade é fundamental na hora de conduzir e especialmente na hora de estacionar. Não se esqueça de fazer manobras comuns ao dia a dia, como baliza, meia embreagem, e todas aquelas que fazem o uso dos espelhos para ver se a visibilidade te atende bem.

10. Percurso

A maioria das concessionárias já têm um percurso pré-definido para o test drive. Verifique se esse percurso possui ladeiras, asfalto irregular, curvas sinuosas, trânsito intenso, quebra molas, ruas estreitas. Isso fará com que você tenha noção do desempenho do carro em qualquer situação que for enfrentar no dia a dia. Se possível, solicite o teste em sua garagem. Muitas concessionárias não são muito flexíveis quanto ao percurso do test drive para evitar abusos, mas se você disser que estacionar na sua garagem é decisivo para sua compra do carro, pode conseguir avaliar o quanto o carro é fácil ou difícil de parar em sua casa.

11. Utilize todo o tempo do test drive

Um bom test drive não acaba antes do tempo determinado, normalmente eles até permitem que exceda um pouco o tempo se você desejar. Não fique deslumbrado com o carro e deixe de prestar atenção aos sinais. De preferência, anote as observações feitas durante o teste logo após acabá-lo para não esquecer das qualidades e defeitos observados.

12. Se ficar na dúvida, alugue o modelo desejado

Algumas vezes, você faz o test drive e não tem 100% de certeza se avaliou como deseja o carro. Você pode pedir para fazer o test drive mais de uma vez, não há problemas nisso, mas como os percursos são limitados, às vezes alugar o modelo desejado em uma locadora de veículos pode ser uma boa estratégia. Você pode alugar o carro por um fim de semana, e poderá testá-lo no seu trajeto para o trabalho, na estrada e em todo tipo de via que faça uso no seu dia a dia.

Quem pode fazer um test drive?

Qualquer pessoa que tenha a carteira de habilitação com a categoria correspondente ao veículo que quer testar pode pedir para fazer test drive. Depois de pesquisar pelo modelo que mais te agrade tendo em vista o design, preço e confiança/preferência pela marca, agende com a concessionária o teste do veículo. As concessionárias recebem das montadoras um veículo de cada modelo para ser utilizado nesta função, de forma que o seu test drive deve ser feito com o modelo a ser comprado, não com um semelhante.

Muitas concessionárias usam o test drive como argumento de venda, para que o consumidor sinta que tem a responsabilidade de comprar aquele carro depois de dirigir um exemplar do modelo. Porém, esse compromisso não existe.
 

Youse é o Seguro Auto Online da Caixa Seguradora. Barato, rápido, sem burocracia.

 

Veja também:

Gostou? Compartilhe!
Redação E-konomista Redação E-konomista

O E-konomista é um portal on-line que busca fornecer dicas sobre economia em diversos aspectos da vida. Caso queira contactar a nossa redação, envie um e-mail para o info@e-konomista.com.br.

Receba mais informações como esta!

Receba a nossa newsletter

Ao submeter os seus dados receberá a newsletter, ofertas e publicidade enviado por e-konomista.com.br e pelos nossos Parceiros e aceita os Termos e Condições e a Política de Privacidade. Os dados submetidos serão compartilhados com os nossos Parceiros.

Enviar