Por que tantos estudantes brasileiros querem fazer intercâmbio nos EUA

Muitos estudantes brasileiros concorrem todos os anos à bolsas de estudo para fazer intercâmbio para os EUA. Por que tanta gente quer ir pra lá? Saiba no artigo.

Por que tantos estudantes brasileiros querem fazer intercâmbio nos EUA
Saiba quais são os principais atrativos dos EUA para os estudantes brasileiros

VEJA QUANTO CUSTA FAZER INTERCÂMBIOe planeje o seu








Os Estados Unidos é o segundo país que mais recebe estudantes brasileiros em intercâmbio, atrás apenas do Canadá. Mas o que atrai tantos estudantes para lá? Os motivos são muitos e um deles é que há parcerias de muitas universidades americanas com universidades brasileiras. Saiba quais são os maiores atrativos das terras americanas para os nossos estudantes.



TUDO SOBRE O SEU INTERCÂMBIO
Cadastre-se e receba as melhores dicas, informações e promoções sobre estudar no exterior. Comece já a planejar o seu intercâmbio.
 


6 motivos que levam estudantes brasileiros a fazerem intercâmbio nos EUA

Você ainda não sabe o motivo que leva tantos brasileiros aos Estados Unidos para fazer intercâmbio? Além do forte nome do país e sua influência mundial, descubra quais são os verdadeiros motivos dessa paixão pela terra do Tio Sam!

1. Diversidade cultural

Os Estados Unidos possuem uma população multicultural. Além da cultura americana ser muito rica e variada, sendo completamente diferente de região para região, há dentro do país "vários outros países". Há pessoas de nacionalidades do mundo todo nos EUA e é possível encontrar comunidades com os costumes e culturas mais diversos, todos convivendo por lá. Mistura-se a cultura local com a cultura dos imigrantes, gerando um mistura única que só é possível encontrar neste país.

Os EUA têm muito a oferecer a qualquer estudante internacional: cidades ecléticas, muita beleza natural, eventos artísticos, culturais, políticos e esportivos e uma população multicultural. Um prato cheio para quem quer se aventurar fora do Brasil, quer uma mudança radical e uma adaptação cheia de oportunidades únicas de conhecer o mundo dentro de um país só.  

2. Melhores universidades do mundo

fazerintercambionoseua


Quando o assunto é qualidade de ensino superior, os Estados Unidos saem muito na frente do resto do mundo. Das 100 mais bem conceituadas universidades do mundo, 44 estão nos EUA. Outras 31 estão espalhadas na Europa, apenas uma brasileira está na lista, a USP. Além da qualidade do ensino ser reconhecida no mundo inteiro como um diferencial no diploma do aluno, as universidades oferecem grades curriculares ricas e completas e uma variedade de cursos inumerável - desde altas qualificações acadêmicas das mais variadas: da física nuclear à arte e cinema. As qualificações e diplomas conquistados através do estudo em faculdades e universidades americanas são reconhecidos no mundo inteiro e um impulso para a vida profissional e acadêmica de estudantes brasileiros

3. Fluência no inglês

Quem mora nos Estados Unidos para fazer intercâmbio, volta para o Brasil com o inglês americano na ponta da língua. Muitos estudantes brasileiros fazem cursos de inglês no Brasil – até porque falar pelo menos o básico do idioma é caráter eliminatório para fazer um intercâmbio no país – mas somente após vivenciar o dia a dia em um país falante da língua inglesa o estudante é capaz de se caracterizar como fluente. Ao  estudar em Universidades com aulas em inglês o aluno precisa se desdobrar para compreender bem as aulas, conseguir desenvolver provas e trabalhos e acompanhar os demais colegas nativos. A fluência em inglês é hoje mais do que um diferencial, é praticamente um caráter obrigatório para todo profissional que quer ser competitivo no mercado.

4. Oportunidades de trabalho e estágio remunerado

Ao estudar em uma universidade americana, você pode inscrever-se nas microagências de emprego que existem lá dentro. Ela são especializadas na inserção dos alunos em programas de estágio e emprego antes e depois da formatura. As vagas costumam ser amplas e a boa parte delas são remuneradas.Essas microempresas ajudam ainda os alunos a elaborarem currículos e portfólios competitivos para facilitar sua inserção no mercado de trabalho.

5. O país das compras

fazerintercambionoseua


Quem nunca ouviu falar que fazer compras nos Estados Unidos é mais barato? Principalmente para o ramo de tecnologia, computação, eletrônicos, perfumaria e artigos esportivos. Isso acontece porque a maioria dos produtos de ponta vêm dos Estados Unidos, portanto comprar lá é mais barato pois está livre de impostos de importação. Além disso, todas as novidades chegam antes por lá! Por isso se você vai morar nos Estados Unidos, vai querer aproveitar os preços e as novidades de compras que o país oferece.

6. Viajar pelo país

Os Estados Unidos é um país gigante – o 4º maior do mundo – e possui uma diversidade incrível, tanto geográfica, quanto cultural. Cada canto do país tem características próprias, o que é um grande atrativo para os estudantes. Nada como fazer compras, trabalhar e curtir a noite em Nova York; tirar um dia de lazer na paradisíaca Miami; voltar a ser criança nos parques temáticos da Disney, divertir-se na capital do entretenimento Los Angeles, conhecer os exóticos Deserto de Nevada, Grand Canyon e a fervilhante Las Vegas. Cada local tem um encanto diferente e oferece uma infraestrutura aos visitantes de dar inveja. Portanto, ao fazer intercâmbio nos EUA, o estudante tem a oportunidade única de conhecer todo o país, de ponta a ponta.

Entendeu agora porque tantos estudantes brasileiros querem passar uma temporada nos EUA? O crescimento é pessoal, profissional e acadêmico. É um país muito rico, não só economicamente, mas também culturalmente. Assim, fica fácil querer fazer intercâmbio por lá!

Faça amigos do mundo todo durante o seu intercâmbio. Aprimore o seu inglês já!


Veja também: 

Gostou? Compartilhe!
Ana Luiza Fernandes Ana Luiza Fernandes

Ana Luiza Fernandes é brasileira, natural de Minas Gerais, formada em Comunicação Social com ênfase em Jornalismo e hoje cursa Mestrado em Ciências da Comunicação pela Universidade do Porto, Portugal. Possui trabalhos na área de Jornalismo Cultural, Fotografia, Documentário e Assessoria de Imprensa e é apaixonada pela profissão desde criança.

Receba mais informações como esta!

Receba a nossa newsletter

Ao submeter os seus dados receberá a newsletter, ofertas e publicidade enviado por e-konomista.com.br e pelos nossos Parceiros e aceita os Termos e Condições e a Política de Privacidade. Os dados submetidos serão compartilhados com os nossos Parceiros.

Enviar