Faculdade de TI: veja o preço médio

Um profissional da tecnologia pode atuar  em muitas especialidades, no entanto, cabe ao candidato optar pela faculdade de TI que irá suprir suas metas de vida.

Faculdade de TI: veja o preço médio
Veja quanto custa investir na carreira de TI.

Um profissional da tecnologia pode ser formado em uma vasta gama de especialidades, no entanto, cabe ao candidato optar pela faculdade de TI (Tecnologia da Informação) que irá suprir suas metas e objetivos de vida. Seja ele um curso de longa duração ou um tecnólogo de, no máximo, 3 anos, o importante é saber escolher uma boa instituição que forme profissionais competentes e reconhecidos pelo mercado. Veja os custos de uma faculdade de TI.

Quanto custa fazer faculdade de TI

O primeiro passo para ingressar nessa carreira tão requisitada e bem remunerada é encontrar uma boa faculdade de TI para começar seus estudos e especializar-se no que melhor se encaixa em seu perfil e na necessidade do mercado. Veja alguns exemplos de graduações de longa duração e tecnólogos na área.

1. Sistemas de Informação (FIAP-SP)

Com duração de quatro anos, a FIAP oferece um dos melhores cursos de Sistemas de Informação do país. O custo dessa vertente de TI é de R$ 1.140 por mês, disponível em período diurno ou noturno na unidade da Aclimação.

TI e Engenharia: as áreas que mais precisam de mulheres

2. Ciência da Computação (UNIP-SP)

Contando com R$ 60 de matrícula, o curso de Ciência da Computação pela UNIP também está entre os mais bem colocados no país, de acordo com o MEC. O custo é bastante acessível, sendo ele R$ 439 para o período da manhã e R$ 574 no da noite. O curso tem duração de 4 anos e oferece diploma de bacharel.

APRENDA 
inglês e vá longe

comece agora

3. Engenharia da Computação (PUC-PR)

Também entre os melhores cursos do país, a formação em Engenharia da Computação pela PUC do Estado do Paraná custará ao interessado a mensalidade de R$ 1.205,06 e duração de cinco anos, sendo disponível em período diurno e noturno.

4. Análise e Desenvolvimento de Sistemas (IBTA-SP)

As graduações em cursos tecnólogos também são muito bem aceitas na formação de um profissional de TI. Como exemplo, citamos o curso de Análise e Desenvolvimento de Sistemas do IBTA, com duração de 3 anos e meio. A mensalidade fica em R$ 887,18, com a possibilidade de ingressar nos sistemas de descontos e bolsas fornecidos pelo instituto.

5. Jogos Digitais (Senac-SP)

Além do crescimento desenfreado do mercado mobile, o desenvolvimento de jogos digitais têm sido muito requisitado entre os contratantes de profissionais de TI. O Senac foi uma das primeiras instituições a oferecer a modalidade em formato tecnólogo, atualmente custando R$ 624 em mensalidade e tem duração de dois anos e meio.

Vale a pena fazer pós graduação a distância

O que faz um profissional de TI?

Bem remunerados e em falta no mercado, os profissionais de TI estão começando a ditar o presente e, com certeza, moverão o futuro, uma vez que o mundo tende a ser cada vez mais digital.

O setor de TI é dividido, basicamente, em três áreas de atuação, sendo elas infraestrutura, software e banco de dados. Nesta primeira área estão concentrados os analistas de suporte técnico e administradores de rede; na segunda entram os programadores e desenvolvedores (web, mobile, entre outros); e na terceira, estão os administradores de banco de dados e especialistas em servidores.

A versatilidade da profissão é grande e as subdivisões crescem a cada dia, aumentando ainda mais a necessidade por estes profissionais, uma vez que cada atividade depende da outra para operar. Também sob responsabilidade do TI podemos citar a criação de aplicativos móveis, desenvolvimento e implantação de sistemas de segurança e administração de informações.

De acordo com levantamento da empresa Softex (Associação para Promoção da Excelência do Software Brasileiro), o número de vagas para profissionais de tecnologia chegará a 1,5 milhão até 2020, por isso, investir na carreira desde já pode garantir um futuro bastante rentável e confortável.

A média de salários não é regra, ainda mais por conta da informalidade, já que muitos profissionais de TI trabalham de forma independente, mas a título de informação a média de pagamentos está em torno de R$ 6 mil. Um funcionário junior pode começar a carreira ganhando R$ 3 mil e chegar a R$ 12 mil quando for sênior, e os valores podem ser ainda mais altos, graças à falta de regulamentação da profissão, que não possui teto salarial.

Saiba como fazer uma faculdade de qualidade com baixas mensalidades!

Veja também:

Gostou? Compartilhe!
Heloísa von Ah Heloísa von Ah

Formada em Comunicação em Computação Gráfica e Design de Games, é apaixonada pela profissão que exerce. Uma aficionada por tecnologia, gatos e cinema underground.

Receba mais informações como esta!

Receba a nossa newsletter

Ao submeter os seus dados receberá a newsletter, ofertas e publicidade enviado por e-konomista.com.br e pelos nossos Parceiros e aceita os Termos e Condições e a Política de Privacidade. Os dados submetidos serão compartilhados com os nossos Parceiros.

Enviar