Exame de curva glicêmica: veja quanto custa

Veja por que fazer um exame de curva glicêmica e qual é a média de preços.

Exame de curva glicêmica: veja quanto custa
O exame de curva glicêmica detecta diabetes e hipoglicemia

O exame de curva glicêmica pode ser realizado em pacientes comuns, mas é mais frequentemente feito pelas gestantes, a fim de detectar o diabetes gestacional. O paciente ingere um líquido açucarado e são feitas medições do nível de glicose do sangue após 1, 2 e 3 horas dessa ingestão. Ele serve para detectar diabetes melitus tipo II, hipoglicemia e diabetes gestacional.

Preço médio do exame de curva glicêmica

Em São Paulo e no Distrito Federal, os laboratórios Fleury cobram R$ 243 pela realização do exame de curva glicêmica sem utilização do convênio médico. A rede de medicina diagnóstica A+, segmento mais acessível do grupo Fleury, está disponível em São Paulo, Bahia, Paraná, Pernambuco e Rio Grande do Sul. O exame de curva glicêmica de 3 horas custa R$ 153.

Em laboratórios populares, como o Lavoisier Popular, Laboratórios Fares e o Vapt Vupt, em São Paulo, o preço do exame de curva glicêmica pode ser reduzido em até 50%. Em postos de saúde, o exame é gratuito e o agendamento não demora tanto quanto uma ressonância magnética no SUS, por exemplo.

Para que serve

O exame de curva glicêmica serve para detectar a presença de diabetes melitus tipo II ou diabetes gestacional. Após um jejum de 8 horas, é feita a coleta de sangue do paciente. Em seguida, ele ingere um líquido açucarado (com glicose) preparado especialmente para esse tipo de exame. Após 1, 2 e 3 horas da ingestão, é retirada uma pequena quantidade de sangue para medir os níveis de glicose no sangue do paciente.

Existem valores de referência para o exame após a análise, que ocorre na segunda retirada de sangue após a ingestão do líquido. Esses valores servem como base para os níveis normais, inferiores e superiores de glicose no sangue:

  • Normal: abaixo de 140mg/dl
  • Tolerância diminuída à glicose: Entre 140mg/dl e 199mg/dl
  • Diabetes: igual ou maior que 200mg/dl

Caso a concentração seja superior a 200mg/dl, o paciente é convidado a repetir a realização do exame no dia seguinte ou numa data próxima, a fim de confirmar o diagnóstico de diabetes.
 

Veja também:

Gostou? Compartilhe!
Gabriela Ventura Gabriela Ventura

Natural de São Paulo, estudante de Publicidade e Propaganda na USP. Não tem hobbies fixos nem rotina, é apaixonada pelo imprevisto. Foi fazer intercâmbio em Lisboa e... estendeu a estadia por tempo indeterminado.

Receba mais informações como esta!

Receba a nossa newsletter

Ao submeter os seus dados receberá a newsletter, ofertas e publicidade enviado por e-konomista.com.br e pelos nossos Parceiros e aceita os Termos e Condições e a Política de Privacidade. Os dados submetidos serão compartilhados com os nossos Parceiros.

Enviar