Etiqueta nas redes sociais: o que fazer e o que não fazer

Com algumas dicas de etiqueta nas redes sociais, é possível criar um ambiente mais harmonioso na web e evitar passar vergonha. Já pensou você vira meme?

Etiqueta nas redes sociais: o que fazer e o que não fazer
Veja dicas de etiqueta nas redes sociais e evite dores de cabeça na web

A participação da sociedade nas redes sociais vem aumentando de maneira exponencial. São tantas pessoas fazendo parte de um mesmo espaço virtual, cada uma com suas próprias opiniões, personalidades e maneiras de agir atrás das telas de computadores e celulares que é comum rolarem desavenças virtuais. Entretanto, você já parou para pensar no modo em que age na web? 

Contudo, tudo que é publicado está passível de eternizar na web, seja positiva ou negativamente. Este post busca apresentar algumas dicas de etiqueta nas redes sociais para lhe ajudar a tornar a comunidade online um ambiente mais harmonioso e ainda evitar possíveis problemas.

Etiqueta nas redes sociais: manual para não passar vergonha

Tudo que é publicado nas redes sociais pode ser visto por milhares de pessoas. Pense bem se o conteúdo soma ou prejudica sua imagem. 

Cuidado com as fotos

É importante verificar o que postar com relação a sua própria imagem. Muitas vezes fotos inadequadas e íntimas acabam parando na web por algum equívoco, descuido ou até mesmo falta de bom senso. Por isso fique atento antes de fazer esse tipo de imagem e verifique se isso não irá comprometer sua vida ou de quem está nela. Mídias sociais possuem políticas de uso, como proibição de imagens sexualmente estimulantes, violentas ou impróprias.

Outra questão da etiqueta nas redes sociais é a quantidade de fotos: a postagem diária e excessiva de várias imagens iguais se torna irritante e desinteressante para outras pessoas, que podem inclusive deixar de seguir você. Ponderação é a palavra-chave. 

Usar mídias sociais como diário

A vida parece muito mais interessante pela internet, onde você pode criar sua própria realidade e controlar o fluxo de informações e conteúdo que chegará a todos que estão conectados a você. Mas nem tudo o que acontece na sua vida precisa ser divulgado, como indiretas para ex-namorados e amigos, brigas e desabafos de problemas pessoais ou no trabalho. Além de fazer parte da sua vida íntima esses detalhes soam desnecessários e fazem uma imagem errada de você, como de uma pessoa rancorosa ou que só sabe reclamar. 

Lembre que nem todas as pessoas da sua rede social se interessam pela sua vida íntima, como o gerente da empresa onde trabalha. Cabe ponderar quais tipos de informações irá compartilhar e como isso pode afetar essas pessoas.

Cuidado com quem se conecta

Muitas pessoas gostam de manter uma rede social viva e cheia de pessoas, mas cuidado ao aceitar convites de amizade de pessoas completamente desconhecidas, que podem ser perfis falsos ou pessoas que você nunca terá nenhum vínculo. Elas terão acesso à sua vida e suas informações e não é possível confiar nesses perfis ou saber suas reais intenções. 

O ideal é manter amizade nas redes sociais apenas com pessoas que conhece, ou com quem tem qualquer vínculo pessoal ou profissional.

Tenha bom senso no que compartilha

Outra dica de etiqueta nas redes sociais é considerar duas vezes antes de clicar em “compartilhar”. Milhões de informações são postadas e repostadas diariamente, e isso inclui conteúdos que podem expor negativamente a vida de outras pessoas, como por exemplo, vídeos e fotos íntimas ou humilhantes que caíram na web ou piadas de cunho preconceituoso. 

Mídias de acidentes graves, pessoas ou animais torturados, crimes em flagrante e qualquer conteúdo violento não agregam nada à comunidade e podem assustar pessoas conectadas a você e causar desconforto. Conteúdo preconceituoso pode arranhar sua imagem e em alguns casos até fazer com que você perca o emprego. 

Como conseguir seguidores no Instagram

Entrar em discussões desnecessárias

Nem todos os assuntos precisam ser discutidos. Fazer comentários desnecessários em páginas de assuntos políticos, econômicos, jornais, religiosos entre outros não agrega nada além de criar um clima de negatividade sobre sua imagem.

A web possibilita um espaço infinito para discussões. Opiniões e pontos de vista podem e devem ser debatidos, mas com respeito às ideias e crenças aleias e cordialidade.

Evite também publicar palavrões, ofensas ou comentários preconceituosos. São cada vez mais comuns casos de processo por difamação na web, já que o sentimento de distância por estar atras da tela faz com que muitos se sintam imbatíveis.  

Veja também:

Gostou? Compartilhe!
Receba mais informações como esta!

Receba a nossa newsletter

Ao submeter os seus dados receberá a newsletter, ofertas e publicidade enviado por e-konomista.com.br e pelos nossos Parceiros e aceita os Termos e Condições e a Política de Privacidade. Os dados submetidos serão compartilhados com os nossos Parceiros.

Enviar