Você enjoa ao andar de carro pois seu corpo acha que foi envenenado

Já se perguntou o porquê do passar mal toda vez que pega a estrada? Entenda a reação do organismo sobre um possível envenenamento e saiba evitar o mal-estar.

Você enjoa ao andar de carro pois seu corpo acha que foi envenenado
Entenda o fenômeno e saiba como evitar o mal-estar a bordo.

Possivelmente, se não é uma dessas pessoas, conhece alguém que basta pegar a estrada para começar a sentir enjoos. Diante da frequência com que essa reação acontece, a ciência finalmente tem uma resposta para o mal-estar que impede muitas pessoas de conseguirem sequer ter uma conversa com o passageiro ao lado sem se indispor.

Envenenamento? Entenda o porquê desta reação

Mais comum do que parece, sentir-se enjoado ao cair na estrada dentro de um carro ou ônibus agora tem explicação comprovada. Nestas circunstâncias, seu cérebro comunica a diversos órgãos um conjunto de situações que só podem ser resultado de um envenenamento. Mas como assim?

Basicamente, isso ainda acontece pois no sentido evolutivo a locomoção por meio de rodas é relativamente recente, fazendo com que a biologia humana não esteja completamente adaptada. Com isso, ao estar dentro de um veículo em movimento, seu cérebro se confunde com as informações de estar parado e se locomovendo ao mesmo tempo.

Seguro Auto Caixa SeguradoraCote, personalize e contrate online

Diante dos movimentos do veículo, os líquidos presentes em seu ouvido interno – responsáveis pelo equilíbrio do corpo – também se movimentam, certificando-se que o indivíduo não está parado. Entretanto, olhos e músculos dizem o contrário, pois encontram-se praticamente imóveis dentro do veículo, causando uma imensa confusão de sentidos.

Também em termos evolutivos, a maneira mais provável de deparar-se com um desencontro de sentidos como este que acontece aos passageiros de um veículo é por meio do envenenamento e, sendo esse o caso, é hora do organismo tentar restabelecer seu equilíbrio e movimento através de uma reação de emergência: expelir o suposto “veneno” e então diminuir os danos causados ao organismo. O resultado? Ter de parar no acostamento ou então seguir algumas dicas para evitar ou amenizar esses sintomas.

Como evitar o enjoo ao andar de carro?

Sudorese, náuseas, mal-estar e até mesmo diarreia são sintomas comuns em quem sofre com os enjoos na estrada; e possivelmente, tentativas de distração como leitura ou ouvir música agravaram ainda mais o problema.

Se está se identificando com todas essas características, a primeira dica para se livrar esse desconforto é se preparar para a viagem sem exageros na alimentação. Aposte no consumo de alimentos leves, como frutas ou saladas; deixe as frituras e doces para quando chegar no destino final. Vista-se confortavelmente e fuja dos odores fortes, como perfumes muito marcantes ou cigarros.

Também um dia antes da viagem, deixe gelando uma garrafa de água com algumas folhas de hortelã, pois estas são extremamente eficazes no combate ao enjoo e ainda o mantém hidratado.

Ao chegar no veículo que fará o seu transporte, procure ficar no banco da frente, onde seja possível enxergar o caminho percorrido de frente. Caso esteja em um ônibus e não seja possível sentar-se na primeira ou segunda fileira de bancos, sente-se à metade do veículo, pois as extremidades costumam balançar mais. Se ainda assim começar a se sentir enjoado, foque seu olhar em um ponto móvel no horizonte, para que diminua o conflito entre o que está parado ou em movimento.

Youse é o Seguro Auto Online da Caixa Seguradora. Barato, rápido, sem burocracia.

Veja também:

Gostou? Compartilhe!
Heloísa von Ah Heloísa von Ah

Formada em Comunicação em Computação Gráfica e Design de Games, é apaixonada pela profissão que exerce. Uma aficionada por tecnologia, gatos e cinema underground.

Receba mais informações como esta!

Receba a nossa newsletter

Ao submeter os seus dados receberá a newsletter, ofertas e publicidade enviado por e-konomista.com.br e pelos nossos Parceiros e aceita os Termos e Condições e a Política de Privacidade. Os dados submetidos serão compartilhados com os nossos Parceiros.

Enviar