Os 10 empregos mais bem pagos que não exigem ensino superior

Em uma urgência para ingressar no mercado de trabalho, muitos preferem os técnicos à faculdade. Veja quais são os empregos mais bem pagos a esses profissionais.

Os 10 empregos mais bem pagos que não exigem ensino superior
Salários superiores a R$ 4 mil são concedidos à profissionais de nível técnico.

Com a necessidade de ingressar o quão antes no mercado de trabalho, é comum encontrar jovens que terminam os estudos sem a possibilidade de frequentar o ensino superior. Entretanto, muitos dos que apostaram no ensino técnico para garantir conhecimento e uma alternativa de sustento se viram com a sorte grande ao serem requisitados para determinados cargos.

Ao mesmo é o que mostra o levantamento realizado pelo portal de empregos Catho, onde apontou as dez profissões mais bem pagas no país e que não exigem ensino superior para atuação. Entre elas, os salários podem superar os R$ 4 mil.

A má notícia temporária, no entanto, tem relação com o primeiro lugar desse ranking, onde o profissional técnico de petróleo pode não ser tão promissor nos dias de hoje, devido aos tempos de crise que a Petrobrás vem enfrentando. Durante a ausência dos escândalos no segmento, o cargo é oferecido sob salários de R$ 5,4 mil, havendo ainda oportunidades frequentes à estes profissionais.

Empregos bem pagos que não exigem ensino superior

De acordo com Murilo Cavellucci, diretor de gente e gestão da Catho, “o diploma técnico é capaz de preparar profissionais para exercer determinadas atividades que tiveram um crescimento importante nos últimos anos e passaram a oferecer remunerações mais atraentes".

Com isso, a insegurança de se ver desamparado financeiramente por não ter ingressado no ensino superior torna-se uma probabilidade quase remota diante da valorização do profissional técnico. Por isso, fique atento à lista de cargos a seguir e acompanhe as tendências do mercado para se certificar das vagas com maior número de oportunidades.

1. Técnico de Petróleo

Salário: R$ 5.406

2. Ferramenteiro de Corte e Repuxo

Salário: R$ 4.662,50

3. Técnico Sucroalcooleiro

Salário: R$ 4.273,50

4. Técnico em Inspeção de Equipamentos

Salário: R$ 4.127,80

5. Inspetor de Qualidade de Instrumentos

Salário: R$ 3.979,10

6. Técnico em Obras

Salário: R$ 3.940

7. Ferramenteiro de Manutenção Industrial

Salário: R$ 3.892,50

8. Ferramenteiro de Moldes Plásticos

Salário: R$ 3.886,70

9. Técnico de Planejamento

Salário: R$ 3.813,20

10. Projetista Mecânico

Salário: R$ 3.810,60

Basicamente, o maior número de profissões na lista dos cargos mais bem remunerados e que não exigem formação superior está inserido no segmento Industrial e de Operações. De um total de dez posições no ranking, seis são pertencentes à ele, como Ferramenteiro de Corte e Repuxo (2º lugar), Técnico Sucroalcooleira (3º lugar), Ferramenteiro de Manutenção (7º lugar), Ferramenteiro de Moldes Plásticos (8º lugar), Projetista Mecânico (10º lugar).

Ganhe um tablet para estudar inglês online! Oferta limitada

Veja também:

Gostou? Compartilhe!
Heloísa von Ah Heloísa von Ah

Formada em Comunicação em Computação Gráfica e Design de Games, é apaixonada pela profissão que exerce. Uma aficionada por tecnologia, gatos e cinema underground.

Receba mais informações como esta!

Receba a nossa newsletter

Ao submeter os seus dados receberá a newsletter, ofertas e publicidade enviado por e-konomista.com.br e pelos nossos Parceiros e aceita os Termos e Condições e a Política de Privacidade. Os dados submetidos serão compartilhados com os nossos Parceiros.

Enviar