Duolingo é bom para aprender idiomas? Veja a avaliação

Veja a avaliação de um dos apps favoritos do Brasil e saiba se o Duolingo é bom para aprender idiomas e quais são os benefícios da ferramenta a nível mundial.

Duolingo é bom para aprender idiomas? Veja a avaliação
Saiba quais são os idiomas possíveis de se aprender com o app Duolingo.

Entre os apps de idiomas favoritos no Brasil e também a nível mundial, o Duolingo é bom para aprender, interagir e ainda praticar com conteúdo real, interatividade e reconhecimento de sua eficácia. Veja quais são os idiomas mais bem colocados e como a ferramenta funciona.

Para que idiomas o Duolingo é bom?

Entre os aplicativos e ferramentas online mais utilizadas para aprender um novo idioma, o Duolingo é bom por uma infinidade de diferenciais que permitem ao aluno imergir na nova cultura que deseja ingressar.

Oferece atualmente 5 idiomas para os usuários que tem apenas o português nativo ou fluente, sendo os mais reconhecidos os cursos de inglês e espanhol. Entretanto, isso não faz as modalidades em francês, italiano e alemão menos eficazes. Em estudo independente realizado pela City University of New York e pela Universidade da Carolina do Sul, concluiu que, se um aluno dedicar-se, em média, durante 34 horas no Duolingo para aprender a linha espanhola, esse tempo será equivalente a um semestre universitário de estudos no idioma.

A língua inglesa também obteve destaque internacional, permitindo que os testes de proficiência realizados no Duolingo fossem aceitos em instituições como Harvard, UBER, Carnegie Mellon University Rwanda, LinkedIn, Upwork, entre outras, tornando-o equivalente aos testes tradicionais para admissão como o TOEFL e IELTS. Para realizar o teste do Duolingo é necessário pagar a quantia de US$ 20, a qual é muito inferior da praticada pela maioria das instituições.

QUER
INTERNET NO CELULAR RÁPIDA
E BARATA?
mude já!

Como funciona

O Duolingo está disponível tanto na plataforma para computadores quanto em dispositivos mobile, como smartphones ou tablets. Para começar a usar, é necessário realizar um pequeno cadastro, selecionando quais idiomas deseja aprender.

Para os alunos que possuem apenas o português estão habilitadas as línguas inglesa, espanhola, alemã, italiana e francesa. Entretanto, se tiver conhecimentos no inglês, por exemplo, o leque se expande para o Holandês, Russo, Irlandês, Sueco, Turco, Ucraniano entre muitas outras.

Uma vez efetuado o cadastro e escolhido o(s) idioma(s), o aluno está pronto para começar. A princípio, a ferramenta fará a pergunta se o usuário já possui algum conhecimento da língua e deseja saber em qual nível será enquadrado ou se prefere iniciar do módulo Básico 1. A partir daí, os módulos aumentarão de dificuldade e, a cada conclusão, serão ofertados “lingots”, que funcionam como moedas que podem ser trocadas por bônus na ferramenta.

Além dos dias de ofensiva e das notificações frequentes que o aplicativo lança para lembrar o aluno de seus estudos, o Duolingo é bom pois possibilita aos usuários interagirem em fóruns e ingressarem na chamada “Imersão”, onde, a partir de certo nível de fluência, será possível praticar o idioma realizando traduções reais.

É grátis?

O Duolingo é bom por motivos que abrangem além da eficácia para aprender um novo idioma, uma vez que é totalmente gratuito e livre de propagandas.

Mas como a ferramenta monetiza? É simples. O Duolingo ganha a partir do conhecimento de seus usuários, pois estes treinam e se aperfeiçoam traduzindo matérias reais e páginas da internet, que clientes pagam ao site.

Por exemplo, se alguém tem um conteúdo que necessita ser traduzido, ele o envia para o Duolingo. A partir daí, o conteúdo é posto à disposição dos alunos, que praticam o idioma se esforçando para concluir a tradução. Quando o documento estiver pronto, o Duolingo devolve o conteúdo ao solicitante que, dependendo do tipo e complexidade, paga pela tradução realizada.

Encontre a solução mais barata para navegar na internet pelo celular.

Veja também

Gostou? Compartilhe!
Heloísa von Ah Heloísa von Ah

Formada em Comunicação em Computação Gráfica e Design de Games, é apaixonada pela profissão que exerce. Uma aficionada por tecnologia, gatos e cinema underground.

Receba mais informações como esta!

Receba a nossa newsletter

Ao submeter os seus dados receberá a newsletter, ofertas e publicidade enviado por e-konomista.com.br e pelos nossos Parceiros e aceita os Termos e Condições e a Política de Privacidade. Os dados submetidos serão compartilhados com os nossos Parceiros.

Enviar