E se o seu carro não te deixasse dirigir bêbado?

Dispositivo canadense recém lançado quer paralisar o carro de quem dirigir bêbado. Saiba como o aparelho funciona e como pode evitar acidentes.

E se o seu carro não te deixasse dirigir bêbado?
Sensor instalado no volante não deixa o motorista dirigir bêbado

Faça um test drive sem custo e sem compromisso: Agende já o seu.









Imagine se o carro simplesmente não andasse ou fosse imobilizado após detectar que o motorista consumiu bebidas alcoólicas? Parece coisa de filme de ficção científica, não é verdade? Essa é a premissa do dispositivo Sober Steering, desenvolvido para contribuir com a redução de acidentes causados por motoristas sob a influência de álcool. Confira como funciona o dispositivo e como ele pode evitar que dirigir bêbado seja algo banal no nosso trânsito.
 

QUAL CARRO COMBINA COM VOCÊ?
Se você está a procura do carro ideal, não perca tempo e cadastre-se no E-konomista e encontre a melhor solução financeira para você.

Para diminuir acidentes

No Brasil, cerca de 21% dos acidentes de trânsito são causados por condutores que ingeriram álcool antes de dirigir. Infelizmente o hábito de dirigir bêbado ainda é muito comum no nosso país. Essse número foi divulgado pelo Ministério da Saúde e contabilizado a partir dos feridos que chegam à rede pública de saúde após um acidente de trânsito e o teste para a ingestão de álcool dá positivo. O número pode ser muito maior do que 21%, pois não  são contabilizados os acidentes que têm ferimentos leves – e as vítimas não se encaminham para o hospital – nem aqueles acidentes graves que têm vítimas fatais. Mas de toda forma, 1 em cada 5 acidentes são causados por condutores alcoolizados, e este é um número significativo.

O dispositivo Sober Steering tem como objetivo diminuir o número de acidentes de trânsito causados pela mistura de álcool e condução, um problema comum ao mundo todo. Aqui no país, o álcool é o segundo maior responsável por acidentes no trânsito, atrás apenas de excesso de velocidade. Então, seria o dispositivo canadense um utensílio positivo para previnir acidentes, assim como os cintos de segurança, por exemplo? Essa é a ideia dos desenvolvedores do projeto, tornar o Sober Steering um item de fábrica.

Como funciona o Sober Steering

dirigirbebado


O dispositivo funciona de maneira inteligente. Trata-se de um sensor instalado no volante que capta os gases emitidos pelas mãos do motorista após a ingestão de álcool. Segundo os pesquisadores envolvidos na criação do dispositivo, cinco minutos após a ingestão de bebidas alcóolicas já é registrada a presença de tais gases nas mãos dos usuários. O sensor consegue captar esses gases mesmo que o veículo esteja em movimento – ao contrário dos bafômetros cuja utilização demanda que o carro e o motorista estejam parados. Essa é uma vantagem também pois impede que o motorista comece a ingerir bebidas alcóolicas após dar partida no carro, pois o sensor pode detectar os gases à qualquer momento, esteja o carro parado ou em movimento. Então o motorista não consegue burlar o dispositivo e dirigir bêbado.

Ao detectar a presença de álcool no motorista, o carro é lentamente imobilizado (de forma que o condutor consiga estacionar o carro, pois a parada não é brusca) e o GPS envia, às forças policiais ou aos familiares do condutores, um alerta sobre a imobilização do veículo. O sensor inicialmente foi desenvolvido para ser instalado em veículos de empresas e emitiria o alerta para os devidos responsáveis.

O sensor vai chegar aos carros comuns? 

A ideia do projeto é que o dispositivo chegue aos carros comuns. O teste foi feito inicialmente com um ônibus escolar na cidade de Waterloo, mas o governo americano não quis continuar a investir no projeto e o governo canadense assumiu a pesquisa. A ideia é instalar primeiro em carros empresariais, mas o grupo almeja que esse dispositivo seja um item de fábrica, de segurança obrigatória, como os cintos de segurança ou os airbags. O que não se sabe ainda, qual será o valor do Sober Steering, pois ainda não foi divulgado.
 

Faça uma simulação de consórcio de carro e encontre a melhor solução para adquirir o seu 0 Km.


Veja também:

 

Gostou? Compartilhe!
Ana Luiza Fernandes Ana Luiza Fernandes

Ana Luiza Fernandes é brasileira, natural de Minas Gerais, formada em Comunicação Social com ênfase em Jornalismo e hoje cursa Mestrado em Ciências da Comunicação pela Universidade do Porto, Portugal. Possui trabalhos na área de Jornalismo Cultural, Fotografia, Documentário e Assessoria de Imprensa e é apaixonada pela profissão desde criança.

Receba mais informações como esta!

Receba a nossa newsletter

Ao submeter os seus dados receberá a newsletter, ofertas e publicidade enviado por e-konomista.com.br e pelos nossos Parceiros e aceita os Termos e Condições e a Política de Privacidade. Os dados submetidos serão compartilhados com os nossos Parceiros.

Enviar