Qual a melhor época para visitar o deserto do Atacama?

Já pensou em visitar as paisagens incríveis do deserto mais árido do mundo? Veja quanto custa e qual a melhor época para conhecer o Deserto do Atacama.

Qual a melhor época para visitar o deserto do Atacama?
Saiba quando ir ao deserto para pegar as melhores temperaturas

O Deserto do Atacama, no Chile,  é um dos destinos favoritos dos brasileiros que estão à procura de destinos desafiadores para fazer o próximo mochilão.  Por estar próximo do Brasil e ser uma viagem relativamente econômica, a aventura de enfrentar o deserto mais árido do mundo tem tido cada vez mais adeptos do nosso país, que encontram por lá paisagens inesquecíveis. Veja qual é a melhor época para conhecer o deserto do Atacama e quanto custa em média a viagem.

Quando ir ao deserto do Atacama

O deserto mais seco do mundo atrai milhares de turistas todos os anos, que se submetem a temperaturas extremas, ar rarefeito, muito pó e a baixa umidade deste ambiente inóspito para conhecer belezas únicas que só podem ser encontradas por lá.  Espécies de animais, como flamingos cor-de-rosa e delicadas vicunhas, lagos multicolores que parecem um delírio de tão irreais, plantas e raízes que se adaptaram à rígida condição de vida do lugar, calor, gelo, areia e sal que se impõem sobre a paisagem são apenas alguns exemplos.

Destinos na América do Sul para conhecer gastando pouco

O deserto do Atacama pode ser visitado em qualquer época do ano, as chuvas não foram significativas nos últimos 500 anos, então este não será um problema. A maior adaptação exigida é às temperaturas.

As melhores épocas do ano

GANHE
UMA VIAGEM
veja como concorrer

As épocas mais indicadas para visitar o Deserto do Atacama são a primavera e o outono, quando a amplitude térmica é menor e as temperaturas são mais amenas. A possibilidade de céu aberto nessas duas estações é muito alta e amplitude térmica varia apenas 15 graus, em média, do dia para a noite. Portanto, as melhores datas são entre os meses de março e maio ou entre setembro e novembro.

Preços da viagem

Os preços de uma viagem para o Deserto do Atacama dependem do seu modo de viagem e também da época do ano que você vai viajar. Considerando que você escolha as melhores épocas do ano para viajar (na primavera e outono), e que você inclua no seu roteiro passeios essenciais para curtir o deserto, veja os valores médios para 6 dias de viagem em modo ecônomico:

  • Passagens para chegar ao Atacama (saindo de São Paulo): entre R$1100 e R$1400
  • Hospedagem: 210 dólares – R$747,00
  • Total para os passeios: entre R$1400 e R$1600
  • Total de alimentação: 200 dólares - R$711,27
  • Seguro de viagem: R$85

Total da viagem de 6 dias: entre R$4.043 e R$4.543, em média.

É possível economizar e fazer a viagem mais barata?

É sim, você pode escolher o modo mochileiro, hospedar em hostels e não gastar tanto com os passeios – que consomem boa parte do orçamento descrito acima. De acordo com o site Quanto Custa Viajar, é possível fazer uma viagem ao deserto do Atacama gastando cerca de:

  • Passagem: entre R$1100 e R$1400
  • Hospedagem: R$65 por dia – R$389,94 no total
  • Alimentação: R$56,98 por dia – R$341,88 no total
  • Atrações: só as principais: R$161,65

Total da viagem de 6 dias: cerca de R$2.300, em média

Atenção: os valores foram consultados em abril de 2016, e a cotação do dólar de acordo com o Uol estava em R$3,55.

Fique por dentro de dicas para economizar nas suas viagens nacionais e internacionais.

Veja também:

Gostou? Compartilhe!
Ana Luiza Fernandes Ana Luiza Fernandes

Ana Luiza Fernandes é brasileira, natural de Minas Gerais, formada em Comunicação Social com ênfase em Jornalismo e hoje cursa Mestrado em Ciências da Comunicação pela Universidade do Porto, Portugal. Possui trabalhos na área de Jornalismo Cultural, Fotografia, Documentário e Assessoria de Imprensa e é apaixonada pela profissão desde criança.

Receba mais informações como esta!

Receba a nossa newsletter

Ao submeter os seus dados receberá a newsletter, ofertas e publicidade enviado por e-konomista.com.br e pelos nossos Parceiros e aceita os Termos e Condições e a Política de Privacidade. Os dados submetidos serão compartilhados com os nossos Parceiros.

Enviar