Deputados cassam mandato de Eduardo Cunha

Ex-presidente da Câmara foi cassado por 450 votos a 10

Deputados cassam mandato de Eduardo Cunha
Cunha disse que sua cassação tratava-se de perseguição política e vingança

Após quase sete horas de sessão, o plenário da Câmara cassou nesta segunda-feira, 12, por quebra de decoro parlamentar, o mandato de Eduardo Cunha, deputado pelo PMDB e ex-presidente da Casa. Foram 450 votos a favor, 10 contra e 9 abstenções. Para a cassação eram necessários 257 votos. Cunha foi acusado de mentir à CPI da Petrobras ao negar ser titular de contas no exterior durante depoimento em março de 2015.

Durante a sessão na Câmara, Cunha e seu advogado foram à tribuna para apresentar a defesa. Os dois reafirmaram que o deputado não tinha contas no exterior e que todo o processo tratava-se de perseguição política e vingança por Cunha ter aprovado o processo de impeachment de Dilma Rousseff, ex-presidente.

Com a decisão, Eduardo Cunha, 57 anos, fica inelegível por oito anos a partir do fim do mandato. Fica proibido de disputar eleições até 2026. Ele também perdeu o chamado "foro privilegiado", o que quer dizer que os inquéritos e ações a que responde na Operação Lava Jato deverão ser enviados para a primeira instância da Justiça Federal.

A votação da cassação de Cunha levou dez meses para ocorrer. O caso foi aberto em novembro de 2015, no Conselho de Ética, e sofreu diversas reviravoltas, por recursos da defesa e manobras de aliados.

Em entrevista após a cassação, Cunha, que saiu acompanhado por dois seguranças, disse que ainda não sabe o que vai fazer, mas que pretende encontrar uma editora para publicar seu livro. Sobre as revelações bombásticas que prometeu fazer, Cunha revelou que vai tentar se lembrar de cada uma e divulgá-las.

Foto: Reprodução Wikipédia

Veja também:

Gostou? Compartilhe!
Michelle Monte Mor Michelle Monte Mor

Formada em Comunicação Social e em Mídias Digitais. Escreve sobre o setor automotivo desde 2004. Não larga o smartphone e vive conectada às redes sociais. Adora viajar e dirigir.

Receba mais informações como esta!

Receba a nossa newsletter

Ao submeter os seus dados receberá a newsletter, ofertas e publicidade enviado por e-konomista.com.br e pelos nossos Parceiros e aceita os Termos e Condições e a Política de Privacidade. Os dados submetidos serão compartilhados com os nossos Parceiros.

Enviar