Onde fazer curso técnico gratuito

É cada vez maior a procura por curso técnico gratuito no país, portanto selecionamos 5 instituições que oferecem esse tipo de formação.

Onde fazer curso técnico gratuito
5 instituições e diversas opções de cursos técnicos

O curso técnico gratuito surgiu como uma opção para preparar jovens recém concluintes do Ensino Médio para o mercado de trabalho apresentando não apenas um conteúdo teórico como tasmbém experiências práticas semelhasntes a vivência real de cada profissão, tudo isso de forma rápida, com qualidade e edicaz.

O modelo de formação e a qualidade do ensino atrai cada vez mais empregadores interessados em contratar esses profissionais e, consequentemente, cada dia mais jovens interessados em inserir uma formação técnica no currículo. Seja através de provas em processos seletivos ou inscrição direta há no país diferentes instituições que oferecem curso técnico gratuito de excelente qualidade e são por isso as mais buscadas por alunos de Ensino Médio.

Curso técnico gratuito: onde encontrar?

Mais que uma alternativa pra continuar os estudos após concluir o Ensino Médio, ou mesmo durante o Ensino Médio, o curso técnico gratuito ou pago dá base a jovens para que ingressem no mercado de trabalho e é ainda o primeiro contato deles com a educação profissional - uma excelente forma de testar carreiras e compreender em que tipo de profissão melhor se adapta e identifica para seguir.

Centro Paula Souza

O Centro Paula Souza é uma instituição sob responsabilidade do Governo do Estado de São Paulo e que oferece 138 cursos técnicos gratuitos em 220 escolas técnicas em todo estado.

Os cursos reconhecidos pela excelente qualidade em todo país duram em média de 1 ano e meio a dois anos. Podem se inscrever estudantes a partir do 2º ano do Ensino Médio. Para ingressar é necessária a participação em um processo seletivo que se trata de uma prova (que o Centro denomina de "Vestibulinho") que avalia e seleciona candidatos de acordo com sua ordem de classificação até que se completem as vagas de cada turma.

Pronatec

O programa que dá acesso ao ensino técnico no país foi criado pelo governo federal em 2011 e oferece mais de 200 opções em curso técnico gratuito nas mais diversas áreas de estudos. A iniciativa busca fortalecer a qualidade da educação básica no país e dar a jovens, condições para que estejam melhor preparados para o mercado de trabalho, bem como favorecer o acesso ao primeiro emprego.

O programa não possui um sistema próprio de seleção e portanto, para se inscrever o candidato deve comparecer a escola que possui o curso desejado, com documentos pessoais, comprovante de renda e residência, além de declaração de matrícula em ensino médio, ou então comprovante de conclusão de curso do Ensino Médio.

Senai

O grande foco de um curso técnico gratuito oferecido pelo Senai são as áreas industriais - como mecânica, eletrônica, vestuário ou telecomunicações. Para ingressar é necessário nos cursos é necessário realizar um processo seletivo.

Para os cursos no período da manhã, tarde ou integral o candidato precisa estar cursando o primeiro ano do Ensino Médio, para cursos noturnos é necessário já ter concluído o Ensino Médio. Os materiais didáticos para uso durante o curso são custeados a partir de uma taxa paga semestralmente pelo aluno.

Senac

O Senac, referência no ensino profissional no Brasil, oferece através do Programa Senac de Gratuidade alguns cursos livres e técnicos sem nenhum custo, com seleção realizada a partir da ordem de inscrição dos candidatos e disponibilidade de vagas.

Os cursos oferecidos são variados e podem se inscrever conforme abertas as inscrições indivduais de cada um deles. Tanto o material didático quanto o certificado do curso dentro do programa são gratuitos. Para ingressar nos cursos é também necessário provar renda per capita inferior a dois salários mínimos.

Colégio Santa Cruz

Desde 2012 o famoso Colégio Santa Cruz, em São Paulo, oferece curso técnico gratuito nas áreas de Administração e Logística a fim de aprimorar noções de gestão de jovens que concluíram ou estão prestes a concluir o Ensino Médio.

Alunos a partir do 3º ano do Ensino Médio podem concorrer às vagas participando de uma prova com questões de Matemática e Português aplicada pelo próprio colégio. No caso de vagas inferiores ao número de candidatos o critério de avaliação é o nível socioeconômico e as notas da prova de ingresso. Os cursos acontecem no período noturno.

Veja também:

Gostou? Compartilhe!
Tabata Franco Tabata Franco

Paulistana, formada em Comunicação e Multimeios e em Produção de Áudio e Vídeo. Transita por produções e projetos nas áreas de cinema/vídeo, fotografia, redação e artes em geral. Comunicativa, ama a palavra, se encanta pelas linguagens.

Receba mais informações como esta!

Receba a nossa newsletter

Ao submeter os seus dados receberá a newsletter, ofertas e publicidade enviado por e-konomista.com.br e pelos nossos Parceiros e aceita os Termos e Condições e a Política de Privacidade. Os dados submetidos serão compartilhados com os nossos Parceiros.

Enviar