Até que idade as crianças não pagam passagem aérea

Saiba quando as crianças não pagam passagem aérea e quando são aplicados os descontos em viagens nacionais e internacionais.

Até que idade as crianças não pagam passagem aérea
Entenda quando as crianças não pagam passagem e quando pagam, qual o custo

Crianças não pagam passagem aérea até que idade? E quando têm desconto? Posso levar carrinho de bebê? Essa e outras perguntas são uma dor de cabeça quando as famílias viajam com a criançada. Entenda quando as crianças não pagam passagem aérea e quais são os direitos que algumas companhias asseguram às viagens em família. 

Companhias nacionais

Comecemos pelas companhias aéreas nacionais e as tarifas praticadas em voos domésticos a seguir. Para voos internacionais, as regras podem variar entre companhias, países e até mesmo aeroportos. Procuramos cobrir as dúvidas mais frequentes dos pais quando o assunto é viajar em família. 

AVIANCA

  • 0 a 24 meses: a companhia cobra uma taxa de R$ 10,00 para voos nacionais com bebês e permite bagagem de mão extra de até 10kg.
  • 0 a 24 meses (no assento) e 2 a 11 anos: os descontos na passagem não abrangem as promoções, mas podem chegar a até 50% do preço da passagem do adulto.

AZUL

  • 0 a 24 meses (no colo): na Azul, até os 2 anos as crianças não pagam passagem aérea e a companhia oferece um carrinho ou bebê conforto para ser usado durante a viagem.
  • 0 a 24 meses (no assento) e 2 a 11 anos: entre 10% e 40% de desconto no preço da passagem do adulto, dependendo do destino.

GOL

  • 0 a 24 meses: em voos internacionais o desconto é de 90% sobre a passagem do adulto acompanhante. Você também pode optar por escolher entre um carrinho ou bebê conforto oferecidos pela companhia.
  • 2 a 11 anos: 40% de desconto na passagem, mas a regra não é aplicada às promoções.

TAM

  • 0 a 24 meses (no colo): até completarem dois anos as crianças não pagam passagem aérea. No entanto, se você quiser levar um carrinho ou bebê conforto, o preço praticado será o mesmo que o de crianças de 2 a 11 anos.
  • 0 a 24 meses (no assento) e 2 a 11 anos: têm entre 25% e 30% de desconto na passagem.

PASSAREDO

  • 0 a 24 meses (no colo): crianças não pagam passagem aérea até que completem 2 anos.
  • 0 a 24 meses (no assento) e 2 a 11 anos: oferece 25% de desconto às crianças, aplicadas sobre a tarifa do acompanhante.

Companhias internacionais

crianca nao pagapassagem

No geral, as companhias aéreas internacionais cobram 10% da passagem do adulto para o bebê de 0a 24 meses que viaja no colo ou a companhia oferece carrinho/bebê conforto. Para as crianças de 2 a 11 anos ou para os bebês que viajam em assento próprio requisitado pelos pais antes da viagem é praticada a tarifa infantil, que varia de companhia para companhia, mas mantém-se próxima dos 25% em voos internacionais. 

Geralmente os bebês têm direito a uma bagagem de porão de até 10kg e a uma bagagem de mão para os cuidados de higiene. As crianças, mesmo com o desconto, costumam ter assegurada a franquia de bagagem do acompanhante.

Carrinho de Bebê

A maioria das companhias aéreas da Europa assegura que você leve um carrinho de bebê sem custo adicional.

Bebês e crianças pagam taxas aeroportuárias?

As taxas do aeroporto podem não estar incluídas no preço da passagem para as crianças que, por terem um assento, já pagam as taxas aeroportuárias na totalidade. Os bebês estão isentos quando viajam no colo do adulto. No entanto, vale conhecer melhor as condições da companhia quando comprar a passagem para não ter surpresas. Em algumas situações, como em voos nacionais, as crianças também podem estar isentas do pagamento dessas taxas. 

Atende-se antes de comprar a passagem

Se o seu bebê tem 1 ano e 9 meses e você comprou uma passagem para daqui a 4 meses, poderá ter problemas no embarque. Lembre-se de que a idade do bebê e da criança deve ser calculada no momento da viagem, e não quando comprar o bilhete.

Feliz Aniversário!

Nem tão feliz assim... Se você viajar, por exemplo, às 23h do dia que antecede o aniversário de 2 ou 12 anos da criança e chegar ao destino depois da meia-noite, a companhia aérea cobrará a tarifa adequada à idade da criança no desembarque. É difícil acontecer, mas vale a pena estar informado. 

Veja também:

Gostou? Compartilhe!
Gabriela Ventura Gabriela Ventura

Natural de São Paulo, estudante de Publicidade e Propaganda na USP. Não tem hobbies fixos nem rotina, é apaixonada pelo imprevisto. Foi fazer intercâmbio em Lisboa e... estendeu a estadia por tempo indeterminado.

Receba mais informações como esta!

Receba a nossa newsletter

Ao submeter os seus dados receberá a newsletter, ofertas e publicidade enviado por e-konomista.com.br e pelos nossos Parceiros e aceita os Termos e Condições e a Política de Privacidade. Os dados submetidos serão compartilhados com os nossos Parceiros.

Enviar