Consórcio de imóvel prático e bom para o bolso

 
Encontrar um consórcio de imóvel prático pode ajudar a comprar a casa própria com baixo investimento mensal. Saiba como isto é possível.

Consórcio de imóvel prático e bom para o bolso
Conheça a opção de crédito que pode ajudar a conquistar a casa própria

Na hora de adquirir um imóvel, são três as opções de compra mais usadas no mercado brasileiro. O pagamento à vista é o indicado por especialistas, pois na modalidade não existe a cobrança de juros. Contudo, poucas pessoas podem pagar de uma vez só o valor elevado de uma casa ou apartamento. Sobram duas alternativas: o financiamento e o consórcio imobiliário. Mas como fazer um consórcio de imóvel prático?

Os consórcios de imóvel prático, já populares na aquisição de veículos, são uma escolha certa para quem sonha em comprar a casa própria mas não tem disciplina para juntar dinheiro, mês a mês, ou acha os juros cobrados pelas opções de financiamento muito elevados.

A dinâmica é sempre a mesma: a reunião de um grupo de pessoas físicas ou jurídicas que se autofinanciam e esperam pelo sorteio ou dão um grande lance para levar a carta de crédito. Para não contar só com a sorte, especialistas indicam que o consumidor tenha pelo menos 25% do valor do imóvel ao entrar em um consórcio de imóvel prático, assim poderá arrematar o crédito com um alto lance.

Não contar com reservas pode ser um risco, pois, caso o comprador não seja contemplado pelo sorteio, pode ter de esperar até 15 anos para ter sua casa própria, dependendo da administradora. Por isso, consórcio de imóvel prático não é uma opção para quem tem pressa em se mudar.

Dicas para contratar o consórcio certo

Administradora

Nem todas as empresas de consórcio existentes no mercado são idôneas. Tome cuidado ao escolher. Avalie as condições oferecidas e procure na internet pela opinião daqueles que já foram clientes da companhia em questão. A pesquisa feita via internet pode ser fundamental para escolher o consórcio certo, e evitar dores de cabeça. Faça uma simulação com a administradora, e se programe para não entrar no sufoco.

Promessas mentirosas

Muitos vendedores de consórcio mal-intencionados prometem que o comprador da cota será contemplado em determinado tempo. Contudo, é impossível fazer esse tipo de previsão. Fique alerta. Tente sempre procurar uma empresa credível, que forneça garantias para o negócio. Não pague nada adiantado antes de selar um contrato formal.

Taxas

Apesar de serem isentos de juros, os consórcios cobram taxas administrativas. Reserve algum dinheiro para não ser surpreendido. Isso também pode ser evitado com uma programação de pagamento com a empresa que forneceu o consórcio. Tente parcelar até mesmo os juros para nãp afetar diretamente seu bolso. 

Leia

Confira qual prazo, número de cotistas, valor da carta de crédito, custos das taxas de adesão, administração e fundo de reserva. É importante ter conhecimento de todos os detalhes do contrato. Mais uma vez isso pode ser avaliado na hora da assinatura e também na simulação do consórcio. 

Veja também:

Gostou? Compartilhe!
Receba mais informações como esta!

Receba a nossa newsletter

Ao submeter os seus dados receberá a newsletter, ofertas e publicidade enviado por e-konomista.com.br e pelos nossos Parceiros e aceita os Termos e Condições e a Política de Privacidade. Os dados submetidos serão compartilhados com os nossos Parceiros.

Enviar