Como fazer um vlog e ter sucesso

Como fazer um vlog e lucrar com isso? Veja o que é preciso saber para começar a ganhar dinheiro gravando vídeos e publicando-os na internet.

Como fazer um vlog e ter sucesso
Veja as dicas de como fazer um vlog e quanto é possível ganhar com ele

Não é novidade que as mídias sociais estão ganhando cada vez mais espaço e, como consequência, a atenção de profissionais, empresas e demais pessoas que veem na internet uma maneira de ganhar dinheiro. É por isso que muitos jovens têm investido seu tempo e economias se expondo na web. Mas, como fazer um vlog e lucrar com isso, por exemplo?

Produzir um vlog é equivalente a incluir multimídia a um conteúdo em texto do site. Sua popularidade aumentou muito nos últimos anos pela facilidade que as novas tecnologias oferecem, uma vez que até mesmo aparelho telefônicos gravam vídeos em alta definição e não é preciso ser nenhum expert para trabalhar com a edição.

Como fazer um vlog?

Antes de mais nada, para os que procuram saber como fazer um vlog e ter sucesso com ele, o primeiro passo é definir o seu conteúdo. É ele quem vai ditar qual será o local ideal para as gravações, bem como o perfil de abordagem. Com o assunto em pauta, veja o que é necessário para começar a gravar.

Como ganhar dinheiro fácil no Instagram

Equipamentos

Definido o conteúdo, entramos com os equipamentos. Se o futuro vlogger ainda está indeciso se essa realmente é sua maior vocação, começar usando o smartphone para as gravações pode ser a melhor opção por enquanto. Mas a partir do momento em que definir suas estratégias e quiser dar um ar profissional ao seu conteúdo, será preciso investir em equipamentos melhores.

A começar pela câmera. Uma vez que estiver decidido a se profissionalizar, é importante desembolsar uma certa quantia na compra de uma câmera com alguns requisitos mínimos, como uma boa captação de luz e movimento e entrada para microfone externo.

Usar o microfone da própria câmera pode até ser viável em algumas situações de emergência, mas o seu áudio deve ser o mais limpo e claro possível. Uma boa qualidade de som cria uma atmosfera bem mais agradável e profissional, uma vez que vídeos com áudios cheios de ruídos ou pouco audíveis criam desconforto e desinteresse do público. Gravações externas podem se tornar muito problemáticas com o uso de microfones embutidos das câmeras, principalmente em situações ambientais desfavoráveis.

Outro ponto muito importante por trás da gravação de um vlog é a iluminação do ambiente escolhido. Filmagens escuras são pouco profissionais e pouco interessantes, portanto, sempre que possível, procure aproveitar a luz natural. Caso a iluminação natural não seja possível, procure adquirir equipamentos que façam esse papel e traga mais profissionalismo aos seus vídeos.

garanta já a sua internet rápida e barata

Roteiro e Edição

Uma vez que todo o equipamento está funcional e de acordo com o seu perfil, bem como o local escolhido, é hora de reunir todo o conteúdo que deseja falar para a câmera e colocar tudo em um roteiro. Pode parecer desnecessário, mas a criação de um roteiro evita que o vlogger use muitas onomatopeias ou perca o “fio da meada” no meio do assunto.

Evite fazer um roteiro com mais de uma página ou menos de meia página. Na internet as pessoas não tem paciência para vídeos longos, sendo assim, o ideal é focar-se em fazer vídeos entre 2 e 5 minutos de duração, sendo 3 minutos o ideal. Quando o roteiro estiver pronto, revise, reordene e torne-o cada vez mais interessante, tentando deixa-lo fácil de falar e tornando o texto o mais natural possível. Evite usar palavrões e certifique-se da veracidade das informações passadas.

Por fim, uma vez roteirizado e gravado conforme todo seu planejamento e dicas de como fazer um vlog de sucesso, chega a parte mais demorada e, para muitos, a mais difícil: editar.

Na edição é onde o vlogger irá cortar todas as partes desnecessárias do vídeo, como pausas muito longas na fala, erros de dicção, imprevistos, entre outras. Também é na edição onde serão inseridas vinhetas, trilhas sonoras e demais efeitos para tornar o vídeo ainda mais interessante e profissional.

Uma vez finalizada a edição, é hora de fazer o upload do vídeo em uma conta do Youtube, monetiza-lo e divulgar nas redes sociais, blogs pessoais ou de parceiros.

12 formas de ganhar dinheiro sem trabalhar

Dá pra ganhar dinheiro?

Com as dicas anteriores é possível ver como fazer um vlog despende tempo e dinheiro. Sendo assim, se a prática não oferecesse nenhum retorno financeiro os vloggers com certeza já estariam extintos, o que definitivamente não acontece.

Portanto, se a intenção é ganhar dinheiro com a postagem de vlogs, o Youtube poderá ser sua principal ferramenta para investir e conquistar inscritos. A rede social é indicada pois funciona com um sistema de pagamento por AdSense, ou seja, o Google avalia o seu desempenho e remunera de acordo com a reputação: número de inscritos, visualizações, vídeos marcados com gostei e, inclusive, o assunto do vídeo, que influencia na quantia paga pela ferramenta. No entanto, é uma maneira prática para quem está começando.

Outra opção aos que desejam ganhar dinheiro como vloggers é ingressar nas chamadas Networks, que costumam ser mais indicadas para quem já possui uma certa reputação na internet. Essas empresas fazem o intermédio entre o Youtube e o produtor de conteúdo, oferecendo meios de melhorar o desempenho do canal, gerando mais visibilidade.

Para se ter uma ideia, podemos citar alguns nomes que bombam na internet com a publicação de vlogs periódicos. Cauê Moura, do vlog Desce a Letra ganha de US$ 724 a US$ 11 mil por mês com um humor ácido e sem papas na língua; já a atriz Kéfera Buchmann, dona do canal 5inco Minutos fatura de US$ 6 a US$ 98 mil todos os meses. Outros nomes como Felipe Neto, PC Siqueira e Jout Jout são exemplos de que é possível ganhar dinheiro com vlogs e tomar a prática como profissão.

Encontre a solução de banda larga com melhor custo-benefício. Confira!


Veja também:

Gostou? Compartilhe!
Heloísa von Ah Heloísa von Ah

Formada em Comunicação em Computação Gráfica e Design de Games, é apaixonada pela profissão que exerce. Uma aficionada por tecnologia, gatos e cinema underground.

Receba mais informações como esta!

Receba a nossa newsletter

Ao submeter os seus dados receberá a newsletter, ofertas e publicidade enviado por e-konomista.com.br e pelos nossos Parceiros e aceita os Termos e Condições e a Política de Privacidade. Os dados submetidos serão compartilhados com os nossos Parceiros.

Enviar