Precisa de mais iluminação? Veja vantagens de instalar uma claraboia

Um ambiente com claraboia fica mais bonito, com iluminação natural e aproveitamento de energia renovável. Mas é preciso cuidados, veja no artigo.

Precisa de mais iluminação? Veja vantagens de instalar uma claraboia
Claraboias trazem maior iluminação natural ao ambiente

Sua casa é escura e precisa acender lâmpadas mesmo durante o dia? Você pode optar por construir uma claraboia e aproveitar a iluminação natural. Além de deixar o ambiente mais bonito e confortável, a claraboia irá trazer uma economia significativa de energia. Mas é preciso ter cuidados ao instalar este tipo de abertura em sua casa, para que ela não cause alguns efeitos indesejados. Confira as vantagens e cuidados necessários ao instalar uma claraboia em casa.

Vantagens de ter uma claraboia em casa

A claraboia, aquela abertura zenital que permitem a entrada de luz natural através do teto, pode ser uma excelente opção para se ter em casa. Veja as vantagens que ela oferece:

Alto poder de iluminação: são capazes de iluminar até 8 vezes mais do que um janela do mesmo tamanho. Garante um ambiente muito mais iluminado durante o dia.

Economia de energia: com uma claraboia, você evitará acender lâmpadas no ambiente em que ela está instalada e também em ambientes próximos, já que a luz que incide através dela se espalha por um grande espaço.

Saiba como pintar móveis de madeira

Beleza: as clarabóias conferem um visual mais contemporâneo e leve ao ambiente. E você pode observar o céu e as estrelas durante a noite.

Maior salubridade do ambiente: é comprovado que a iluminação natural é mais saudável e confortável para o corpo humano do que a artificial.

Ganho ecológico: ao instalar uma claraboia, a sua casa irá fazer o aproveitamento de uma fonte renovável de eneriga, a luz solar. Isso pode valorizá-la em caso de venda.

Cuidados necessários para evitar que a claraboia traga problemas

Apesar de ter vantagens consideráveis, as clarabóias podem também trazer alguns problemas ao ambiente. Alguns deles podem ser evitados com cuidados, outros são inerentes à esse tipo de estrutura. Veja abaixo:

Controle do calor: o maior problema de ter uma claraboia em casa é que você não consegue controlar a quantidade de calor que entra no ambiente. Em estações quentes, ela pode transformar o ambiente em uma estufa, dependendo da quantidade de luz que incide diretamente sobre ela. Em estações frias (em regiões onde o inverno alcança baixas temperaturas), a claraboia deixa o ambiente ainda mais frio. Portanto, ela pode gerar a necessidade do uso de ar condicionado no verão e aquecimento no inverno, medidas que consomem mais energia. Cuidados para evitar esse problema: os arquitetos recomendam que a abertura da claraboia não ultrapasse 10% da área do piso, mas esta é uma advertência genérica, cada projeto merece uma análise para decidir o melhor tamanho da claraboia. É preciso também trabalhar a inclinação da abertura e utilizar películas de absorção de raio UV para evitar esse problema.

Manutenção e limpeza: as claraboias não são fáceis de limpar, por estarem em um local alto. É preciso limpá-la por dentro e por fora (caso na sua região não chova com frequência). Se a manutenção e limpeza não forem feitas com regularidade, o acúmulo de sujeira sobre as faces translúcidas compromete sensivelmente a entrada de luz.

Vazamentos: a claraboia precisam ser instalada com um projeto bem feito para evitar a chance de vazamentos e infiltrações durante a chuva. Os arquitetos não recomendam que cortes em lajes de concreto sejam feitos sem um estudo estrutural para realizar essa intervenção. Em ambientes onde o teto é feito de madeira, telhas de barro ou fibrocimento a intervenção é mais simples, sendo possível substituir algumas telhas por equivalentes transparentes de policarbonato, acrílico ou Em todos os ambientes, o isolamento perfeito não é algo simples e portanto a previsão de rufos e a aplicação de selantes à base de silicone não podem ser negligenciadas.

Veja também:

Gostou? Compartilhe!
Ana Luiza Fernandes Ana Luiza Fernandes

Ana Luiza Fernandes é brasileira, natural de Minas Gerais, formada em Comunicação Social com ênfase em Jornalismo e hoje cursa Mestrado em Ciências da Comunicação pela Universidade do Porto, Portugal. Possui trabalhos na área de Jornalismo Cultural, Fotografia, Documentário e Assessoria de Imprensa e é apaixonada pela profissão desde criança.

Receba mais informações como esta!

Receba a nossa newsletter

Ao submeter os seus dados receberá a newsletter, ofertas e publicidade enviado por e-konomista.com.br e pelos nossos Parceiros e aceita os Termos e Condições e a Política de Privacidade. Os dados submetidos serão compartilhados com os nossos Parceiros.

Enviar