Saiba como tirar a certidão de ônus reais

O que é uma certidão de ônus reais, como solicitar esse documento e qual a importância do registro para adquirir novos imóveis.

Saiba como tirar a certidão de ônus reais
Entenda a importância desse registro para adquirir novos imóveis

O momento da compra da casa própria é sempre emocionante. Muitas pessoas aguardam por anos para essa realização. Mas antes de fechar contrato, existem algumas informações fundamentais que você precisa saber sobre o novo imóvel. E para ter acesso a todos os dados dessa nova residência, é sempre importante solicitar uma certidão de ônus reais.

Saiba o que é uma certidão de ônus reais

Certidão de ônus reais é um documento, registrado em cartório, que informa todas as condições reais do imóvel, e determina se ele pode ser utilizado ou não. Nesse registro também consta informações que possam impedir que a residência seja leiloada, vendida, doada, alugada ou até mesmo penhorada.

Essa certidão comprova a existência do imóvel diante a sua localização. Para solicitar o registro é necessário ir ao mesmo local onde a residência foi cadastrada. Não precisa ser o proprietário para solicitar o documento, qualquer pessoa pode fazer a solicitação da certidão de ônus reais.

Conhecida como uma das certidões mais importantes no momento de compra de imóveis, ela informa o histórico dos últimos 20 anos da residência e mostra os nomes os quais o imóvel já foi registrado. Quando não consta nada contra os proprietários e o imóvel, a certidão é negativa, ou seja, não existe ônus. E quando é positiva existem registros contra o proprietário e o imóvel, ou seja, há ônus.

Para solicitar a certidão é necessário ir até o cartório da cidade onde está localizado o imóvel, preencher uma guaia de solicitação com o endereço e dados da residência, que pode ser encontrado em uma conta de luz, por exemplo. Depois disso, o solicitante terá que pagar uma taxa e aguardar o prazo máximo de 15 dias para pegar a certidão.

Veja como conseguir a matrícula de imóvel atualizada

O valor cobrado por esse serviço pode variar de cartório para o outro. A média de preço pode ficar entre R$ 150 e R$ 200, que serão cobrados no dia da entrega do documento, alguns cartórios cobram no dia do pedido. Para solicitar o registro serão necessários os seguintes documentos: endereço do imóvel (com número, bairro, município), número da matrícula do imóvel e nome do cartório no qual o imóvel está registrado.

Em tempos de financiamentos imobiliários, esse documento também traz informações sobre algum impedimento de compra do imóvel, como por exemplo, se o imóvel foi dado como garantia em um financiamento, se há uma promessa de compra e venda registrada ou qualquer outro processo que impeça a utilização do imóvel para outras transições.

Veja também:

Gostou? Compartilhe!
Elisabete Machado Elisabete Machado

Brasileira, natural de São Paulo, formada em Comunicação Social com ênfase em Jornalismo e Pós-graduada em Fundamentos da Cultura e das Artes pela Universidade Estadual Paulista. Possui trabalhos na área de Jornalismo Cultural e Assessoria de Imprensa.

Receba mais informações como esta!

Receba a nossa newsletter

Ao submeter os seus dados receberá a newsletter, ofertas e publicidade enviado por e-konomista.com.br e pelos nossos Parceiros e aceita os Termos e Condições e a Política de Privacidade. Os dados submetidos serão compartilhados com os nossos Parceiros.

Enviar