Conheça as vantagens de ter um cartão de débito internacional

Viagens ao exterior implicam em ponderações a respeito de como os gastos serão realizados. Veja quando é vantagem optar por um cartão de débito internacional.

Conheça as vantagens de ter um cartão de débito internacional
Saiba quando e como utilizar um cartão de débito internacional em viagens

ECONOMIZE NOS SERVIÇOS DA SUA CONTA BANCÁRIA saiba como

Viagens ao exterior sempre implicam em algumas ponderações a respeito do modo em que os gastos serão efetuados. Entre as opções, temos o cartão de crédito, o Travel Money, os valores em espécie e, por que não, o cartão de débito internacional. Ainda que esta seja uma opção menos frequente entre os viajantes, a função débito no exterior pode trazer vantagens e garantir a segurança e controle dos gastos.Veja como funciona e em quais condições esta modalidade é mais vantajosa.

Entenda como funciona um cartão de débito

Cartão de débito nacional e internacional: qual a diferença?

A principal diferença entre as duas modalidades é a abrangência de uso. Enquanto o nacional pode ser utilizado apenas em seu próprio país, o internacional permite ao cliente efetuar compras em qualquer parte do mundo, desde que os estabelecimentos possuam a bandeira presente no cartão.

Para saber se o seu cartão permite o uso no exterior, basta observar se no verso do plástico constar a bandeira Cirrus, se MasterCard ou Plus, se Visa. Sendo assim, basta ir até o banco em que possui conta e solicitar a habilitação do cartão para uso internacional ou efetuar o pedido pela internet.

Outra diferença bastante discrepante entre as funções nacional e internacional é o custo sobre operações. Enquanto o uso no Brasil não implica em nenhuma taxa adicional sobre compras ou um número limitado de saques, utilizar o cartão de débito internacional pode sair caro. No exterior, a taxa sobre cada saque pode variar entre R$ 9 e R$ 20 (dependendo de cada banco) e, a cada compra realizada, a cobrança de 6,38% de IOF sobre ela também é aplicada.

Débito ou Crédito: qual a melhor opção na hora de pagar as contas

O custo de manutenção de um cartão de débito internacional

Não necessariamente pelo fato de o cartão possuir a função de débito internacional que as taxas de uso e manutenção serão diferenciadas de um cartão de uso estritamente nacional. No geral, a maioria dos cartões múltiplos (crédito e débito) internacionais funcionam também como débito no exterior, necessitando apenas habilitar seu uso. 

FIQUE DE OLHO NAS SUAS FINANÇAS
Encontre a melhor solução de conta bancária com o custo benefício perfeito para as suas finanças. Confira!

Com o crescente número de brasileiros realizando viagens e compras fora do país, a grande maioria das instituições financeiras já oferecem a função internacional desde os cartões mais básicos, como no caso do Santander Free, que não possui sequer custos de anuidade, até as versões exclusivas VIP ou Black.

Qual o melhor cartão de crédito internacional, Visa ou MasterCard

Conta corrente ou poupança?

Poucos sabem ou fazem uso mas, para utilizar a função de débito no exterior não é necessário somente possuir uma conta corrente com cartão múltiplo internacional. Em alguns casos, cartões de conta poupança também permitem realizar compras fora do país, mediante desbloqueio prévio. Não existe custo de manutenção alguma da conta e o usuário ainda não corre o risco de usar além do que possui de saldo, evitando entrar no cheque especial.

No entanto, apenas alguns bancos permitem essa modalidade, sendo necessário confirmar com sua própria instituição financeira se é possível utilizar o cartão de débito da poupança para esta finalidade.

O melhor cartão de crédito para cada tipo de necessidade

Quais são as vantagens e desvantagens de se ter um cartão de débito internacional?

A vantagem que mais leva os viajantes a optarem pelo cartão de débito internacional é a questão do controle de câmbio. Afinal, a conversão da moeda local é calculada e debitada da conta na hora da compra, não criando a expectativa sobre uma fatura de cartão de crédito que pode surgir com o fechamento do dólar em alta e nem com a necessidade de efetuar recargas.

Deste modo, quem está com os gastos controlados e condiciona-se a ficar na olho na cotação diária, o débito internacional é uma opção vantajosa. No entanto, para os que pretendem realizar muitos saques e compras, optar por um cartão pré-pago pode significar menores despesas pois, entre as desvantagens estão os altos custos sobre os saques, a cobrança do IOF em cada compra efetuada e o risco de entrar no cheque especial.

Encontre a conta corrente ideal para você. Saiba mais.


Veja também:

Gostou? Compartilhe!
Heloísa von Ah Heloísa von Ah

Formada em Comunicação em Computação Gráfica e Design de Games, é apaixonada pela profissão que exerce. Uma aficionada por tecnologia, gatos e cinema underground.

Receba mais informações como esta!

Receba a nossa newsletter

Ao submeter os seus dados receberá a newsletter, ofertas e publicidade enviado por e-konomista.com.br e pelos nossos Parceiros e aceita os Termos e Condições e a Política de Privacidade. Os dados submetidos serão compartilhados com os nossos Parceiros.

Enviar